• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.42.2016.tde-18042016-101410
Documento
Autor
Nome completo
Rafael Dalbosco dos Santos
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Zorn, Telma Maria Tenorio (Presidente)
Daher, Silvia
Ortis, Fernanda
Título em português
O impacto do diabetes Mellitus do tipo 1 sobre a ação da resposta proliferativa estimulada pela progesterona no ambiente uterino de camundongos.
Palavras-chave em português
Diabetes
Estroma endometrial
Hoxa 10
p27
Progesterona
Receptor de progesterona
Resumo em português
A proliferação celular mediada pela progesterona (P4) é essencial para a funcão uterina. Dessa forma, alterações nesse processo podem comprometer a reprodução. O diabetes do tipo 1 (DM1) está associado a diversos distúrbios reprodutivos. No entanto, o impacto do DM1 sobre a ação da P4 no ambiente uterino ainda não é conhecido. Para isso, utilizamos fêmeas de camundongo DM1 induzidas por aloxana, submetidas à ovarectomia (OVX) e reposição por P4. Verificamos por meio de histomorfometria e imunohistoquímica (PCNA) uma diminuição da área de estroma uterino e do índice de proliferação. As quantificações proteícas por Western blot monstraram um aumento do PR-A nas fêmeas diabéticas OVX e nas tratadas pela P4. Ressalta-se que as fêmeas DM1 tratados pela P4 não apresentaram a mesma expressão do RNAm para o fator de crescimento Hoxa-10. Houve também um aumento do RNAm da p27 nas fêmeas DM1 não tratadas, visto por qPCR. Nossos resultados demonstraram que o DM1 interfere negativamente na resposta proliferativa promovida pela P4. Contribuindo para compreensão dos mecanismos biológicos pelos quais o diabetes compromete as funções reprodutivas.
Título em inglês
The impact of type 1 Diabetes Mellitus on the progesterone-mediated cell proliferative response on mice uterine environment.
Palavras-chave em inglês
Diabetes
Endometrial stroma
Hoxa 10
p27
Progesterone
Progesterone receptor
Resumo em inglês
Progesterone (P4)-mediated cell proliferation is essential for uterine function. Therefore, alteration in this process could compromise reproduction. The type 1 diabetes (DM1) relates to several reproductive disturbs. However, the impact of DM1 on the P4 function is still not elucidated. Thus, we used alloxan-induced diabetic mice females subjected to ovariectomy and hormonal replacement therapy with P4. Histomorphometrical and immunohistochemistry to PCNA approaches showed a decrease of the uterine stromal area and the cell proliferation index. Protein quantification by Western blot showed increased levels of PR-A in both ovariectomized and P4-treated diabetic females. Importantly, P4 did not recovered the mRNA expression to the Hoxa-10 transcription factor in diabetic females. Additionally, qPCR analysis revealed increased level of p27 mRNA in diabetic females non-treated with P4. Together these results show that DM1 has a negative action on the P4-mediated cell proliferative response. These are new and important results to a better understand of the biological mechanisms by which diabetes affects the reproductive functions.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Liberação
2018-04-18
Data de Publicação
2016-04-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.