• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.42.2008.tde-27112008-134649
Documento
Autor
Nome completo
Rafael Ciro Marques Cavalcante
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Ferreira, Luis Carlos de Souza (Presidente)
Ho, Paulo Lee
Spira, Beny
Título em português
Desenvolvimento de estratégias vacinais contra tumores induzidos pelo vírus do papiloma humano tipo 16 (HPV-16) baseadas em linhagens geneticamente modificadas de Bacillus subtilis.
Palavras-chave em português
Bacillus gram-positivos
Linfócitos T
Vacinas
Vírus oncogênicos
Resumo em português
Bacillus subtilis é uma bactéria gram-positiva, não patogênica, formadora de esporos e com um grande conhecimento disponível a cerca de sua genética e fisiologia, comparável apenas à Escherichia coli K12. Recentemente, linhagens geneticamente modificadas de B. subtilis foram utilizadas como veículos vacinais mas, até o momento, não se havia avaliado a indução de respostas imunológicas citotóxicas (linfócitos T CD8+) específicas em camundongos imunizados com esporos ou células vegetativas. No presente trabalho, avaliouse a indução de linfócitos T CD8+ em animais imunizados com linhagens vacinais de B. subtilis. Inicialmente empregou-se como alvo a proteína E7 de vírus papiloma humano tipo 16 (HPV-16) fusionada ou não à proteína gD do vírus herpes simples tipo 1 (HSV-1). Em uma segunda estratégia, empregou-se como alvo a subunidade B da toxina termolábil (LTB) de E. coli enterotoxicogênica (ETEC) co-expressa ou fusionada à proteína GroEL2 de Mycobacterium bovis. As quantidades de E7 e gDE7 expressas pelas linhagens recombinantes de B.subtilis ficaram abaixo do limite de detecção e não foram suficientes para ativação de células T CD8+ específicas. Por outro lado, linhagens de B. subtilis capazes de expressar LTB e GroEL2 promoveram a ativação de linfócitos T CD8+ específicos. De um modo geral, o presente trabalho representa uma contribuição inédita sobre a ativação de respostas imunológicas de base celular em camundongos imunizados com linhagens recombinantes de B. subtilis e os resultados obtidos certamente contribuirão para a geração de veículos vacinais mais efetivos na profilaxia e tratamento de diferentes doenças infecciosas, como infecções virais, ou degenerativas, como o câncer.
Título em inglês
Development of vaccine strategies against tumors induced by human papiloma virus type 16 (HPV-16) based on genetically modified Bacillus subtilis strains.
Palavras-chave em inglês
Gram-positive bacillus
Oncogenic virus
T lymphocytes
Vaccines
Resumo em inglês
Bacillus subtilis is a sporulated, non pathogenic, gram-positive bacterial species with a large amount of information concering its genetics and physiology, comparable only to Escherichia coli K12. Recently, genetically modified B.subtilis strains were successfully employed as vaccine vehicles but there is no information concerning the activation of antigen specific cytotoxic immune responses (T CD8+ lymphocytes) in mice vaccinated with either vegetative cells or spores. In the present report, we evaluated the activation of CD8+ T cell responses in mice immunized with B. subtilis vaccine strains genetically modified in order to express the human papillomavirus type 16 (HPV-16) E7 protein as a target antigen, isolated or genetically fused to the type I herpes simplex vírus (HSV-1) gD protein. In a second approach, we have also tested the B subunit heat labile toxin, produced by enterotoxigenic E. coli (ETEC) strains, coexpressed or genetically fused to the Mycobacterium bovis GroEL2 protein. E7 and gDE7 expression by B.subtilis vaccine strains were bellow the detection limits and did not allow the activation of antigen-specific CD8+ T cell responses in vaccinated mice. On the other hand, LTB-specific CD8+ T cell responses were detected in mice immunized with B. subtilis expressing both LTB and GroEL2. Collectively, the present study respresents an important contribution on the activation of cellular immune responses in mice immunized with genetically modified B.subtilis and should direct further analyses aiming the development of more effective vaccine vehicles employed both for preventive and therapeutic treatment of infectious and degenerative diseases, such as virus infections and cancer.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Anexo_I.pdf (393.50 Kbytes)
Anexo_II.pdf (8.91 Kbytes)
Anexo_III.pdf (17.48 Kbytes)
Data de Publicação
2009-05-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.