• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.41.2020.tde-29102019-095734
Documento
Autor
Nome completo
Diego Bitencourt Mañas
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Murrieta, Rui Sergio Sereni (Presidente)
Oliveira, Rodrigo Elias de
Pivello, Vania Regina
Suñer, Marcia Maria Arcuri
Título em português
O papel etnoecológico do "Algarrobo" (Prosopis pallida H. et Bonpl. ex Willd.) e dos bosques secos equatoriais de Lambayeque: um estudo de caso no distrito de Mórrope, costa norte peruana
Palavras-chave em português
Algarrobo
Bosques secos equatoriais
Etnoecologia
Socio-ecologia
Vale de Lambayeque
Resumo em português
Os estudos sobre a evolução sócio-ecológica tratam das mudanças biológica-geográfica-físicas da paisagem numa escala temporal, onde o ser humano é o ator principal. Uma maneira interessante para compreender as relações sócio-ecológicas é através da Etnoecologia e da Ecologia histórica. Suas ferramentas e repertório teórico (principalmente no caso da primeira) permitem levantar e compreender informações ecológicas em populações humanas, especialmente, aquelas que possuem maior integração com o ambiente. O território peruano apresenta uma longa ocupação humana datada de pelo menos 13.700 Cal A.P. Foi eleito o Distrito de Mórrope e seus povoados, localizado na costa norte pacífica ao norte da do Vale de Lambayeque, como área para condução deste estudo de caso. Nesta localidade, as populações humanas são sujeitas a constantes eventos climáticos e históricos e, são altamente dependentes dos recursos naturais locais. A pesquisa utilizou uma abordagem que faz interface entre as ciências sociais e naturais, especialmente com o uso de métodos etnográficos, entrevistas, caminhadas guiadas, mapeamento ecológico participativo, dentre outros, com o objetivo compreender a etnoecologia e as relações socio-ecológicas que emergem entre os sujeitos de pesquisa e os Bosques secos Equatoriais. Como resultados, tem-se a árvore de algarrobo como uma espécie culturalmente-chave e o eixo principal das relações das populações humanas com o ambiente. Ademais, as práticas (tanto agrícolas quanto de pastoreio), os eventos climáticos (como o ENSO) e os sistemas de irrigação, podem ser os responsáveis por moldarem a estrutura dos bosques secos, tal como são nas áreas coabitadas por populações humanas.
Título em inglês
The ethnoecological role of the "Algarrobo" (*Prosopis pallida* H. et Bonpl. ex Willd.) and the Lambayeque's equatorial dry forest: a case study in Mórrope district, northern peruvian coast.
Palavras-chave em inglês
Algarrobo
Equatorial dry forests
Ethnoecology
Lambayeque Valley
Socio-ecology
Resumo em inglês
Studies on socio-ecological evolution deal with biological-geographical-physical changes of the landscape on a temporal scale, where the human being is the main actor. An interesting way to understand socio-ecological relations is through ethnoecology and historical ecology. Its tools and theoretical repertoire (especially in the case of the first) allow to raise and understand ecological information in human populations, especially those that have greater integration with the environment. Peruvian territory has a long human occupation dating to at least 13,700 Cal A.P. The District of Mórrope and its villages, located on the north coast north of Peru in the Lambayeque Valley, was elected as the area for conducting this case study. In this locality, human populations are subject to constant climatic and historical events and are highly dependent on local natural resources. This research used an approach that interfaces the social and natural sciences, especially with the use of ethnographic methods, interviews, round tours, ecological participatory mapping, among others, in order to understand ethnoecology and the socio-ecological relations that emerge between the populations and the equatorial dry forests. As a result, we have the algarrobo tree as a culturally key species and the main axis of human populations' relations with the environment. Moreover, practices - both agricultural and grazing -, weather events (such as ENSO) and irrigation systems may be responsible for shaping the structure of dry forests, as they are in areas cohabitated by human populations.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-01-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.