• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Priscylla Moll de Arruda
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Lamas, Carlos José Einicker (Presidente)
Carvalho, Claudio José Barros de
Patiu, Catia Antunes de Mello
Título em português
Análise cladística e biogeográfica de Mesembrinellidae (Diptera, Oestroidea)
Palavras-chave em português
Biogeografia
Diptera
Filogenia
Mesembrinellidae
Sistemática
Resumo em português
Mesembrinellidae é um grupo de dípteros de distribuição exclusivamente Neotropical, habitantes de florestas úmidas do Sul do México ao Norte da Argentina. Atualmente são conhecidas 36 espécies e seu posicionamento dentro da superfamília Oestroidea, bem como sua classificação interna, vem gerando frequentes discussões na literatura, com propostas bastante divergentes. Tradicionalmente, Mesembrinellidae é considerado uma subfamília de Calliphoridae s.l. No entanto, devido a características morfológicas e biológicas peculiares desse grupo, diversos autores propuseram a elevação para o status de família, como considerado no presente trabalho. Os objetivos desse trabalho eram: testar a monofilia de Mesembrinellidae; testar a monofilia dos gêneros subordinados; encontrar uma hipótese de agrupamento entre as espécies do grupo e realizar um estudo biogeográfico de Mesembrinellidae, a partir da filogenia gerada. Para tanto, foram construídos 120 caracteres morfológicos e foram realizadas análises cladísticas, sob pesagem igual e implícita dos caracteres. Para a análise de pesagem igual foram obtidas 392 árvores igualmente parcimoniosas (L=671; IC=21; RI=67), porém o consenso estrito mostrou diversas politomias. A análise de pesagem implícita resultou em uma árvore mais parcimoniosa (L=679; CI=21; RI=67; κ=9,6875), muito mais resolvida que a análise anterior. A maioria dos gêneros foram recuperados como monfiléticos, no entanto foram mal suportados, tanto pela ausência de sinapomorfias, na maioria deles, quanto pelo baixo suporte de ramos. As análises biogeográficas mostraram que Mesembrinellidae tem uma origem mais ao sul da região Neotropical, tendo sua distribuição expandida para Norte. Além disso, a área de interseção das Américas do Sul e Central parece ter papel fundamental na evolução biogeográfica do grupo, sendo área ancestral de dois grandes clados. O relacionamento entre as áreas mostrou que o norte da Amazônia é mais proximamente relacionado ao Chaco do que as demais regiões neotropicais florestadas, o que refuta a hipótese de que a diagonal seca do continente sul americano teria uma história isolada das regiões florestadas. De acordo com os resultados obtidos no presente estudo e pelos gêneros de Mesembrinellidae serem pouco suportados pelos nossos dados, nós concluímos que todos os gêneros sejam sinonimizados a Mesembrinella
Título em inglês
Cladistic and biogeographic analysis of Mesenbrinellidae (Diptera, Oestroidea)
Palavras-chave em inglês
Biogeography
Diptera
Mesembrinellidae
Phylogeny
Systematics
Resumo em inglês
Mesembrinellidae is an exclusive Neotropical group of Diptera, which includes 36 described species. Members of this group are restricted to tropical rainforests and found from Southern Mexico to Northern Argentina. The placement of this family within Oestroidea has generated frequent discussions in the literature. Traditionally, the group has been placed within the Calliphoridae s.l., but some authors have suggested the subfamily merits full species status. In addition, the interspecific relationships of this group remained unclear and some genera appeared not to be monophyletic. In this study, the main goals were: to test Mesembrinellidae monophyly; to test genera monophyly; to infer the relationships of Mesembrinellidae species and to perform a biogeographic analysis, based on the phylogenetic hypothesis. One hundred twenty (120) characters were constructed and cladistics analyses were performed, under equal and implied weighting schemes. Under the equal weighting analysis, 392 equally parsimonious trees were obtained (L=671; IC=21; RI=67), with the strict consensus showing many polytomies in the cladogram. On the other hand, the implied weighting analysis resulted in only one most parsimonious tree (L=679; CI=21; RI=67; κ=9,6875), much more structured and with few politomies, in comparison to the previous analysis. The results indicated most of genera were recovered as monophyletic. However, they were poorly supported, because of the absence of synapomorphies and a low branch support. The biogeographic analyses showed Mesembrinellidae´s origin was probably in South America and the southernmost part of Central America, having dispersed lateron to Central America. Moreover, the area (Pacific Dominion) that connects Central and South America seems to play an important role in Mesembrinellidae biogeographic evolution, being the ancestral area for two major clades inside the group, in different times. Furthermore, the area relationships indicated the northern part of the Amazon is more closely related to the dry central areas of South America than to jungle regions of this continent, which contradicts the theories about the dry areas being disconnected and having an isolated history in the Neotropical region. Given the results of this study of mesembrinellid genera, and the fact that the genera were weakly supported by our data, we conclude that for now, all species should be placed in a single genus, Mesembrinella
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Priscylla_Moll.pdf (12.42 Mbytes)
Data de Liberação
2019-06-12
Data de Publicação
2015-04-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.