• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.41.2010.tde-23092010-224436
Documento
Autor
Nome completo
Mauro Teixeira Junior
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Rodrigues, Miguel Trefaut Urbano (Presidente)
Martins, Marcio Roberto Costa
Sawaya, Ricardo Jannini
Título em português
Os lagartos do vale do rio Peruaçu, MG, Brasil: aspectos biogeográficos, história natural e implicações para a conservação
Palavras-chave em português
Biogeografia
Carrascos
Lagartos
Matas secas
Resumo em português
As matas secas representam um ambiente extremamente ameaçado, sendo considerado um dos mais ameaçados do mundo. Um fato que contribui para esta ameaça além da intensa pressão antrópica, é a falta de conhecimento, sem o qual é impossível se realizar ações para sua conservação. Na região do Rio Paranã as matas secas revelam espécies compartilhadas com a caatinga, concordando com a idéia de uma ocorrência mais ampla deste habitat no passado. Na região do Peruaçu, dentre as espécies que ocorrem nas matas secas e em suas outras fisionomias, como o carrasco, existem espécies compartilhadas com a Mata Atlântica (Enyalius pictus), e espécies aparentemente associadas à estes habitats secos e densos, na região do planalto dos gerais (Stenocercus quinarius). Na região do Peruaçu, estas espécies apresentaram uma estreita associação com estes habitats, assim como ocorre em outras localidades. Estas características de sua história natural, determinam ocorrências local e regionalmente, e permitem dispersão durante climas favoráveis à expansão de seu habitat e isolamento durante sua fragmentação. E. pictus, pode se dispersar entre as matas secas e úmidas, atingindo a região do Peruaçu, o que concorda com a idéia de uma maior abrangência das matas durante momentos do passado, mas aponta uma conexão com a Mata Atlântica e não Caatinga. Esta maior abrangência também é observado na distribuição de S. quinarius restrito hoje à fragmentos isolados de vegetação densa ao longo do Planalto dos Gerais. Os resultados obtidos demonstram extrema necessidade de levantamentos de espécies detalhados e registros de sua história natural nas áreas de mata seca, para melhorar nosso conhecimento sobre este bioma, ajudar no entendimento da história biogeográfica deste ecossistema, e a definir áreas prioritárias à conservação dentro de sua distribuição.
Título em inglês
The lizard assemblage from Peruaçu river valley, MG, Brazil: biogeographic aspects, natural history and implications to conservation
Palavras-chave em inglês
Biogeography
Carrascos
Dry forests
Lizards
Natural history
Resumo em inglês
Dry Forests are environments extremely endangered, considered one of the most en-dangered ecosystems of the world. The lack of knowledge, together with intense anth-ropic pressure, contributes to this threat, and without this knowledge it is impossible to perform conservational actions to protect this habitat. At Paranã region dry forests revealed species shared with Caatinga, what is in agreement with the hypothesis of broader occurrence in the past. At Peruaçu region, among those species found at the dry forests and at its physiognomies, such as carrasco, there are species shared with the Atlantic Forest (Enyalius pictus) and those associated with this dry habitats from Planalto dos Gerais (Stenocercus quinarius). At Peruaçu region these species had a strong association with these habitats, as they show at other localities. These natural history features determine its occurrence locally as well as regionally, which results in dispersions during suitable climatic conditions for habitat expansion and isolation dur-ing habitat fragmentation. Therefore E. pictus could disperse between dry and wet forests, reaching Peruaçu region, also agreeing with the hypothesis of broader occur-rence of dry forests in the past, however indicated a connection with Atlantic Forest and not with Caatinga. This wider occurrence in the past is also observed in the distri-butional range of S. quinarius restricted today to small isolated fragments of denser vegetation along Planalto dos Gerais. These results indicate an extremely necessity for more species inventories, and records of their natural history associated with dry for-est, to improve our knowledge on it, to help the understanding of its biogeographical history and delineate priority areas for conservation within its distributional range.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
mauroteixeira.pdf (7.07 Mbytes)
Data de Publicação
2010-11-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.