• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.41.2017.tde-19122016-102043
Documento
Autor
Nome completo
Bruna Trevisan Souza
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Marques, Fernando Portella de Luna (Presidente)
Baz, Fernando Jesús Carbayo
Domingues, Marcus Vinicius
Título em português
Taxonomia de Acanthobothrium Blanchard, 1848, Rhinebothrium Linton, 1890 e Anindobothrium Marques, Brooks & Lasso, 2001 parasitas das espécies anfi-Americanas de Himantura (Chondrichthyes: Myliobatiformes)
Palavras-chave em português
Associação histórica
Cestoda
Co-evolução
Resumo em português
Estudos co-evolutivos requerem uma base taxonômica e filogenética robusta para estabelecerem de forma inequívoca as relações entre as linhagens envolvidas. Neste sentido, a presente contribuição identificou as linhagens de parasitas marinhos das espécies anfi-Americanas de Himantura Müller & Henle, considerado o suposto grupo-irmão dos potamotrigonídeos - arraias Neotropicais restritas ao sistemas fluviais da America do Sul. O objetivo do presente estudo foi contribuir com o alicerce taxonômico necessário para a elucidar as associações históricas entre as arraias de água doce, seu suposto grupo-irmão marinho, e suas faunas helmintológicas. Neste sentido, este estudo aborda a diversidade de três gêneros de cestóideos, cujas linhagens são compartilhadas entre arraias marinhas e potamotrigonídeos: Acanthobothrium Blanchard, 1948, Anindobothrium Marques, Brooks & Lasso, 2001 e Rhinebothrium Linton, 1890. Cada um destes grupos é abordado em um capítulo individualmente. Os resultados deste estudo incluem a descrição de 11 espécies novas, dentre as quais, sete são parasitas de H. schmardae (Werner) e 4 parasitas de H. pacifica (Beebe & Tee-Van), além da redescrição de três espécies previamente conhecidas para H. schmardae. Todas as descrições e redescrições foram baseadas em um número de indivíduos sem precedentes na taxonomia dos grupos e incluíram dados sobre microscopia eletrônica de varredura dentro dos padrões atuais de descrições taxonômicas. Este estudo também abordou as relações filogenéticas das linhagens de Acanthobothrium e Anindobothrium. Em ambos os casos, dados moleculares revelam congruência entre as relações de parentesco de seus membros e aqueles evidenciados para seus hospedeiros. Os dados parasitológicos apresentados corroboram hipóteses recentes que postulam que potamotrigonídeos compartilham um ancestral comum com as linhagens anfi-Americanas de Himantura. Por fim, algumas abordagens utilizadas neste estudo ilustram os benefícios de integrar diferentes bases de dados no refinamento taxonômico destes grupos dentro do conceito do que hoje reconhecemos como taxonomia integrativa
Título em inglês
Taxonomy of Acanthobothrium Blanchard, 1848, Rhinebothrium Linton, 1890 and Anindobothrium Marques, Brooks & Lasso, 2001 parasites from amphi-American species of Himantura (Chondrichthyes: Myliobatiformes)
Palavras-chave em inglês
Cestode
Co-evolution
Historic association
Resumo em inglês
Studies on the co-evolution require accurate taxonomic and phylogenetic information to unambiguously establish associations within the lineages involved. Therefore, the present study identified marine parasite lineages from amphi-American species of Himantura Müller & Henle, H. schmardae (Werner) and H. pacifica (Beebe & Tee-Van). These hosts are considered the sister-group of potamotrygonids, which are Neotropical freshwater stingrays restricted to river systems in South America. Our motivation was the contribution on sound taxonomic grounds, in order to elucidate the historical associations among freshwater batoids, their alleged marine sister-group and their cestode parasites. To achieve this goal, we documented the fauna of three genera of cestodes, whose lineages can be found both in marine and freshwater stingrays, namely Acanthobothrium Blanchard, 1948, Anindobothrium Marques, Brooks & Lasso, 2001 and Rhinebothrium Linton, 1890. Each chapter addresses each genus separately. Our results consist of descriptions of 11 species new to science, among which seven are found parasitizing H. schmardae and 4 infecting H. pacifica. Furthermore, redescriptions are provided for three species detected in H. schmardae. All descriptions and redescriptions were based on an unprecedented number of specimens and included data obtained from histology, ligth microscopy and scanning electron microscopy. In addition to the taxonomic approach, we evaluated the phylogenetic relationships of Acanthobothrium and Anindobothrium. Molecular data from both genera revealed the congruence between the known patterns of host relationships and their parasites. The parasitological data presented in this study supports the recent hypothesis that potamotrygonids and amphi-American species of Himantura share a common ancestor. Moreover, the combined approach applied in this study illustrates the benefits of integrating different data sources for the taxonomic refinement of these groups within the concept of integrative taxonomy
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Liberação
2020-12-19
Data de Publicação
2017-01-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.