• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Ana Carolina Buzzo Stefanini
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Okamoto, Oswaldo Keith (Presidente)
Cerutti, Janete Maria
Henrique, Tiago
Vettorazzo, Laura Cristina Sichero
Título em português
Oncogenes E6 e E7 do papilomavirus humano tipo 16 e mediadores de inflamação regulam a transição epitélio-mesenquimal em células de carcinoma de cabeça e pescoço
Palavras-chave em português
Câncer de cabeça e Pescoço
Citocinas inflamatórias
HPV16
Transição epitélio-mesenquimal
Resumo em português
O carcinoma epidermoide de cabeça e pescoço (HNSCC) é uma das neoplasias mais frequentes e geralmente está associado a inflamação crônica e níveis sistêmicos de citoquinas. Seus principais fatores de risco são a exposição ao tabaco e álcool. Publicações recentes sugerem que a infecção por papiloma vírus HPV está relacionada com a tumorigênese de cabeça e pescoço e pode alterar o perfil e o desfecho deste tumor. A transição epitelial-mesenquimática (EMT) é um processo importante durante a tumorigênese pelo qual células epiteliais obtêm um fenótipo migratório e invasivo. Os efeitos da infecção por HPV e de citocinas inflamatórias neste processo ainda não são bem compreendidos em HNSCC. O presente estudo teve como objetivo transfectar células normais e neoplásicas com os genes E6/E7 de HPV16 e investigar os mecanismos pelos quais a EMT é ativada por citocinas inflamatórias e por infecção por HPV. Taxas de proliferação, viabilidade, migração e invasão celular induzidas por IL-6, TNF-a e TGF-beta foram avaliadas em linhagens celulares derivadas de queratinócitos normais e de carcinoma de língua (HaCat e SCC25, respectivamente) transfectadas com os genes E6/E7 de HPV16 e a expressão dos marcadores relacionados a EMT foram analisados por PCR em tempo real nas linhagens SCC25, HaCat e FaDu (carcinoma de faringe). Os resultados sugerem que o HPV modificou a morfologia das linhagens normal e tumoral. Na linhagem HaCat, o ambiente inflamatório estimulou modificações importantes para o desenvolvimento de condições patológicas. A inserção dos genes E6/E7 de HPV16 diminuiu a proliferação e a viabilidade na linhagem HaCat e o ambiente inflamatório não modificou a resposta iniciada pelo HPV. Na linhagem SCC25 a inserção de HPV em associação com inflamação reduziu a progressão da EMT, ao contrário do que foi observado na linhagem FaDu. A relação de HPV com inflamação levando a progressão de EMT é controversa e dependente do sítio anatômico em tumores de cabeça e pescoço
Título em inglês
Human papillomavirus type 16 E6 and E7 oncogenes and inflammatory mediators regulate epithelial-mesenchymal transition in head and neck carcinoma cells
Palavras-chave em inglês
Epithelial-mesenchymal transition
Head and neck cancer
HPV16
Inflammatory cytokines
Resumo em inglês
Head and neck squamous cell carcinoma (HNSCC) is one of the most frequent neoplasias and is often associated with chronic inflammation and systemic cytokine levels. Its main risk factors are tobacco and alcohol exposition. Recent publications suggest that the infection by human papillomavirus (HPV), especially high-risk types, is related to head and neck tumorigenesis and may alter the tumor profile and outcome. Epithelial-mesenchymal transition (EMT) is an important process during tumorigenesis by which epithelial cells gain a migratory and invasive phenotype. The effects of HPV infection and inflammatory cytokines on this process are still not well understood in HNSCC. The present study aimed to transfect normal and neoplastic cells with E6/E7 genes of HPV type 16, and to investigate the mechanisms by which EMT is activated by inflammatory cytokines and by HPV infection. Proliferation, viability, migration and cell invasion rates induced by IL-6, TNF-a and TGF-beta cytokines will be also evaluated in cell lines derived from normal keratinocyte and tongue carcinoma (HaCat and SCC25, respectively) transfected with HPV16 E6/E7 genes and the expression of the EMT-related markers were analyzed by real-time PCR in the SCC25, HaCat and FaDu (pharyngeal carcinoma). The results suggest that HPV modified the morphology of normal and tumor cell lines. In the HaCat cell line, the inflammatory environment stimulated important modifications for the development of pathological conditions. Insertion of HPV16 E6/E7 genes decreased proliferation and viability in the HaCat and the inflammatory environment did not modify the HPV-initiated response. In the SCC25 cell line the insertion of HPV in association with inflammation reduced the progression of EMT, unlike was observed in FaDu. The relationship of HPV with inflammation leading to progression of EMT is controversial and depends on anatomical site in head and neck carcinoma
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Ana_Stefanini.pdf (5.83 Mbytes)
Data de Publicação
2019-09-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.