• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Thiago Augusto Costa de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Correa, Umberto Cesar (Presidente)
Barbieri, Fabio Augusto
Freudenheim, Andrea Michele
Meira Junior, Cassio de Miranda
Título em português
Coordenação interpessoal e busca visual na execução do chute no futsal
Palavras-chave em português
Busca visual
Coordenação interpessoal
Tomada decisão
Resumo em português
O objetivo deste estudo foi investigar como os jogadores de futsal lidavam visualmente com as informações de coordenação interpessoal (I-CI). Participaram do estudo 180 jogadores que disputaram 18 partidas de futsal em ambiente real. Destes, 32 homens e 4 mulheres jogaram usando o sistema de rastreamento ocular eye tracking Tobii Glasses 2. Foram avaliadas 45 sequências de jogo em que os jogadores realizaram chutes, selecionadas a partir de imagens de vídeo digital. Essas sequências de jogo foram analisadas através do software KINOVEA 8.27, do momento em que um companheiro de equipe executou o passe até o momento em que o atacante realizou um chute. Com base nesses procedimentos, as variáveis consideradas para análise foram: o (i) ângulo relativo de chute, formado pela interação entre o chutador, seu defensor mais próximo e o goleiro; (ii) distâncias entre atacante e o defensor e entre o (iii) atacante e o goleiro. Ainda, onde e quando as informações que compõem o ângulo e a distância (goleiro e defensor) estavam no campo visual ao longo da sequência de jogo, foram registradas como informação visual. Elas foram analisadas em termos de variável de busca visual em função do número de vezes em que o olhar foi fixado nessas informações. Com base nos resultados concluiu-se que: (1) somente a fixação do olhar não foi determinante para identificar as I-CI; (2) os participantes focaram o olhar em outras informações que não somente as I-CI; (3) em alguns momentos, os jogadores tomaram decisões reguladas por um mecanismo central e noutras, decidiram a partir do acoplamento percepção-ação; (4) o nível dos jogadores não influenciou como os jogadores lidaram com as informações da busca visual; (5) as velocidades angulares, de distância interpessoal e as variabilidades angulares e de distância interpessoal não influenciaram a busca visual. Em suma, os resultados permitiram considerar que, diferentemente do inferido nos estudos sobre coordenação interpessoal, a busca visual parece não ser sempre determinada pela coordenação interpessoal através da percepção das variáveis ângulo e distância
Título em inglês
Interpersonal coordination and visual search in the futsal's kick
Palavras-chave em inglês
Decision making
Interpersonal coordination
Visual search
Resumo em inglês
The aim of this present study was to investigate how futsal players dealled visually with interpersonal coordination information. 180 players have taken part in this study. They played 18 matches in actual premises. 32 men and 4 women played by using the eye tracking system named eye tracking Tobii Glasses II. 45 sequences of play in which players performed a kick were analyzed from a digital imaging by the KINOVEA 8.27 software. It was considered from the moment one player passed the ball to the moment the player performed a kick. Based on these procedures the variables considered for analysis were: (i) relative angle of kicking composed by the interaction amongst the kicker, his/her nearest defender; (ii) (ii) distance between kicker and the defender; (iii) distance between kicker and the goalkeeper. Furthermore, where and when this information were within the visual field along the match sequence were recorded as visual information. They were analyzed in terms of eye tracking variable based on the number of time all eyes have gazed on such information. Based on results, it was concluded that: (1). not determine I-CI identification; (2) participants most likely focused their eyes towards some other information besides I-CI; (3) players made decisions based on central mechanism and on perception-action coupling; (4) players' level did not influence how they dealled with the eye tracking information; (5) angular and interpersonal speeds as well as interpersonal distance and angular variabilities did not influence visual search. In sum, results allow considering that, differently from what has been inferred on studies about interpersonal coordination, the decision is apparently not only determined by the interpersonal coordination information.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-10-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.