• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.38.2017.tde-20122016-113345
Documento
Autor
Nome completo
Guillermo Leandro Guzmán Gómez
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Tavares, Marcos Domingos Siqueira (Presidente)
Bueno, Sergio Luiz de Siqueira
Santana, William Ricardo Amancio
Silva, Carla Maria Menegola da
Simone, Luiz Ricardo Lopes de
Título em português
Filogenia dos Pasiphaeoidea Dana, 1852 (Decapoda: Caridea) e taxonomia dos Pasiphaeoidea das Américas
Palavras-chave em português
Américas
Filogenia.
Pasiphaeoidea
Taxonomia
Resumo em português
Os Pasiphaeoidea são um grupo de camarões Caridea pouco estudados ao nível mundial. O hábito de vida principalmente pelágico de águas profundas fazem com que sejam de difícil acesso e obtenção. Até hoje a superfamília Pasiphaeoidea está composta por 103 espécies agrupadas em sete gêneros, sendo Pasiphaea Savigny, 1816 o gênero mais diverso com 70 espécies. Nas Américas as referências aos Pasiphaeoidea são pouco frequentes e localizadas, não existindo revisões taxonômicas que englobem zonas geográficas maiores. O monofiletismo de Pasiphaeoidae em si e as relações entre os gêneros que compõem a família nunca foram abordados, mas estudos sobre a filogenia de Caridea que incluem material de Pasiphaeidae sugerem que o grupo seja parafilético. O objetivo desta tese é duplo: efetuar uma análise filogenética de Pasiphaeoidea com base em dados morfológicos e analisar taxonomicamente o grupo nas Américas. Para dar conta dos objetivos foram analisados material de 19 países das costas Atlântica e Pacífica das Américas. O material estudado correspondeu a 1.110 espécimes de 76 espécies (de um total de 103) de todos os sete gêneros da família. Representantes da família Procarididae foram utilizados grupo externo. 434 caracteres morfológicos foram testados. Espécimes de espécies polimórficas foram incluídos na análise como terminais. Pasiphaeidae s.s. é redefinida com base em 10 sinapomorfias. A família Leptochelidae é restabelecida para o gênero Leptochela Stimpson, 1860. Se propõe uma nova família, Psathyrocarididae, para as espécies do gênero Psathyrocaris Wood-Mason in Wood-Mason & Alcock, 1893. Pasiphaeidae s.s. engloba cinco gêneros: Pasiphaea Savigny, 1816, Eupasiphaea Wood-Mason in Wood-Mason & Alcock, 1893, Glyphus Filhol, 1884, Parapasiphae Smith, 1884, Phye Alcock, 1893 (reestabelecido para uma parte de Pasiphaea s.l.), juntamente com um novo gênero de Pasiphaeidae (proposto para uma parte de Pasiphaea s.l.), de eles todos estão representados nas costas das Américas. Os resultados obtidos recuperam a monofilia da superfamília Pasiphaeoidea, a presença de um primeiro par de maxilípedes com a porção distal do exópodo em forma de folha arredondada os diferencia do resto dos Caridea. Pasiphaeidae s.s. é restrita as espécies que possuam ou não um palpo mandibular (quando presente o palpo é do tipo pediforme), aparelho limpador das antenas no primeiro par de quelípodos, terceiro par de pereiópodos longos e delgados, quarto par de pereiópodos mais reduzido do que o quinto par. O gênero Pasiphaea s.s. é monofilético mas restrito a 25 espécies. Phye é monofilético e engloba 23 espécies. O gênero Parapasiphae é parafilético. O grupo nas Américas ficou composto por 34 espécies as quais se reúnem nas famílias: Leptochelidae (quatro espécies), Psathyrocarididae (uma espécie) e Pasiphaeidae s.s. com 29 espécies reunidas nos seis gêneros da família; Eupasiphae (duas espécies), Glyphus (uma espécie), Parapasiphae (três espécies), Pasiphaea s.s. (seis espécies), Phye (14 espécies) Pasiphaeidae novo gênero (duas espécies).
Título em inglês
Pasiphaeoidea phylogeny (Decapoda, Caridoa) and taxonomy of Pasiphaoidea in the Americas
Palavras-chave em inglês
America
Pasiphaeoidea
Phylogeny
Taxonomy
Resumo em inglês
The Pasiphaeoidea is one of the least studied Caridean group to worldwide. The deep pelagic lifestyle is the reason that difficult its study. Until today 103 species are recognized, Pasiphaea is the most specious genera with more than 70 species. In America the references are locally restricted to just one country each. No wide geographic review already exists. The phylogeny and the inner relationships between genera are unknown. Some phylogenetic studies of the Caridea that include material of Pasiphaeid show a parafilético arrangement of the species. The scope of this thesis are: perform a phylogenetic analysis of Pasiphaeoidea based on morphological data and a taxonomic review of the Pasiphaeoidea in America. Material from 19 American countries results in 1110 specimens belong to 76 species of all seven genera of the family was analyzed. A matrix with 434 characters was performed. Specimens of Procarididae family of shrimps were used as out-group. Some polymorphic specimens were used as terminal to elucidate its taxonomic status, being the first time that specimens as terminals as used in a non-molecular analysis. The Pasiphaeidae was defined base on 10 sinapomorfias and Leptochelidae was reestablished for the Leptochela Stimpson, 1860. A new family was proposed Psathyrocarididae, for the species of the genera Psathyrocaris Wood-Mason in Wood-Mason & Alcock, 1893. Pasiphaeidae s.s. include five genera: Pasiphaea Savigny, 1816, Eupasiphaea Wood-Mason in Wood-Mason & Alcock, 1893, Glyphus Filhol, 1884, Parapasiphae Smith, 1884, Phye Alcock, 1893 (reestablished for a part of Pasiphaea s.l), with a new genera of Pasiphaeidae (proposed for a part of Pasipahea s.l) all of them with represents distributed in America waters. The obtained results recovered the monophyletic of the Pasiphaeoidea. The characters that define this group are the first pair of maxilliped with a distal portion of the exopod like a leaf and not as flagellum as in other Caridean. Pasiphaeidae s.s. is restricted just to species that share the next characters: with or without a mandibular palp, but when its present pediforme in shape. With an antennal flagellar grooming brush in the carpo-propodal on the first pereiopod. Third pair of pereiopod are very thin and long. Fourth pair of pereiopod are shorter than fifth. Pasiphaea s.s. is monophyletic, but restricted just to 25 species. Phye is monophyletic and contain 23 species. Parapasiphae is paraphyletic. Pasipaheoidea in America its composed for 34 species, which are reunited in three families: Leptochelidade (four species), Psathyrocarididae (one specie) and Pasiphaeidae s.s. with 29 species reunites in six genera: Eupasiphae (two species), Glyphus (one specie), Parapasiphae (three species), Pasiphaea s.s. (six especies), Phye (14 species) Pasiphaeidae new genera (two species).
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-01-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.