• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.31.2019.tde-10052021-195511
Documento
Autor
Nome completo
Filipe Amado
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Oliva, Jaime Tadeu (Presidente)
Azevedo, Amailton Magno
Soares, Carlos Eugênio Libano
Wissenbach, Maria Cristina Cortez
Título em português
Abre a roda minha gente que o batuque é diferente: Tiririca, Capoeira e Samba em São Paulo, 1900-1970
Palavras-chave em português
Capoeira
Cultura Popular
Samba
São Paulo
Tiririca
Resumo em português
Este trabalho procura refletir sobre práticas culturais negras presentes na cidade de São Paulo no início e meados do século XX, sua relação com as comunidades negras, com a sociedade e com os modelos de urbanidade existentes no período. Partimos de uma história da capoeira na cidade de São Paulo, que deita raízes no século XIX, e que se mostra presente de forma intensa nas primeiras décadas do século XX. A capoeira, junto com o samba, são culturas praticadas por indivíduos que se relacionam intensamente com a cidade e suas transformações, fazendo parte das interações urbanas e também sofrendo com uma política de segregação e repressão. É a partir das dinâmicas urbanas do século XX e dos contados e aproximações entre o samba e a capoeira que se forma a tiririca, uma manifestação negra paulista, que representa uma transformação sofrida pela capoeira, adquirindo ludicidade e musicalidade através da batucada e versos do samba. A tiririca fez parte do cotidiano da cidade, sendo praticada em diversas regiões e se aproximando de instituições populares negras, como times de futebol de várzea e cordões carnavalescos.
Título em inglês
Open the circle my people, the "batuque" is different: Tiririca, capoeira and samba in São Paulo, 1900-1970
Palavras-chave em inglês
Capoeira
Popular Culture
Samba
Sao Paulo
Tiririca
Resumo em inglês
This paper seeks to reflect on black cultural practices present in the city of São Paulo in the early and mid-twentieth century, their relationship with black communities, with society and as models of urbanity in the period. We start from a history of capoeira in the city of São Paulo, its roots in the nineteenth century, and intensely present in the first decades of the twentieth century. Capoeira, together with samba, are cultures practiced by individuals who related themselves intensively to the city and its transformations, being part of urban interactions and suffering from a policy of segregation and repression. From the urban dynamics of the twentieth century and the contacts and approximations between samba and capoeira that the tiririca is formed, a black manifestation from São Paulo, which represents a transformation of capoeira, acquiring playfulness and musicality through the batucada and verses of samba. The tiririca was part of the daily life of the city, being practiced in several regions and approaching black popular institutions, such as amateur soccer teams (futebol de várzea) and carnival manifestations (cordões carnavalescos).
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-05-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.