• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.31.2020.tde-07052021-200301
Documento
Autor
Nome completo
Juliana Jamilles Souza Soares
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2020
Orientador
Banca examinadora
Oliva, Jaime Tadeu (Presidente)
Garcia, Tânia da Costa
Paixao, Fernando Augusto Magalhaes
Valverde, Rodrigo Ramos Hospodar Felippe
Título em português
"Como vai minha aldeia":  paisagens sonoras de Minas na obra de Tavinho Moura
Palavras-chave em português
cultura popular
geograficidade
mineiridade
Música Popular Brasileira
Tavinho Moura
Resumo em português
A obra de Tavinho Moura é, de forma recorrente, atrelada a seu estado de origem, quer sob a justificativa da forte presença em seu trabalho, de elementos considerados constitutivos de uma cultura popular mineira, quer pela afirmação, até por parte do próprio artista, da presença da chamada "mineiridade" em sua produção. A fim de compreender a força que o imaginário acerca da tal "mineiridade" possui na confecção da realidade, ou ainda o seu poder de dar sentido e conformar práticas e valores sociais, políticos e culturais, com destaque neste estudo, para este último, propomos analisar nas paisagens sonoras produzidas na obra musical de Tavinho Moura, a partir do final da década de 1970 até 2014, como se dá a presença da chamada cultura popular mineira em sua obra. E ainda, se há e de que forma a presença dessa tal mineiridade, na produção do artista, bem como vislumbrar o quanto a força do lugar pode ser condicionante na construção de uma obra artística, haja vista a existência de uma geograficidade intrínseca. Para tanto, selecionamos dezesseis canções que estão distribuídas em quatro de seus dezoito álbuns: Como Vai Minha Aldeia (1978 - RCA Victor), Engenho Trapizonga (1982 - EMI-Odeon), Conspiração dos Poetas (1997 - Independente) e Minhas Canções Inacabadas (2014 - Dubas).
Título em inglês
"Como vai minha aldeia" : Minas soundscapes in the work of Tavinho Moura
Palavras-chave em inglês
Brazilian Popular Music
Geograficity
Mineiridade
Soundscapes
Tavinho Moura. Popular culture
Resumo em inglês
The work of Tavinho Moura is usually intertwined to his birthplace, which is either justified by the strong presence of elements considered constitutive of a popular culture of Minas Gerais State in his work, or by the assertion of the presence of the so-called "mineiridade", in his production even by the artist himself. In order to get a better understanding about such an imaginary power evoked by such "mineiridade" in the reality creation, or even its power in giving sense and to combine social practices and values, politics and cultures - which is highlighted in this study. We intent to analyze how the so-called Mineira Popular Culture in his production takes place, in the soundscapes produced in the musical work of Tavinho Moura, from late 1970s to 2014. Furthermore, whether exists and how the presence of such "mineiridade" takes place in the artist production, as well as to glimpse how the influence of the place can be determining in the creation of the artistic work, considering the existence of an intrinsic geograficity. To this, we selected sixteen songs that are distributed in four of his eighteen albums: Como Vai Minha Aldeia (1978 - RCA Victor), Engenho Trapizonga (1982 - EMI-Odeon), Conspiração dos Poetas (1997 - Independente) e Minhas Canções Inacabadas (2014 - Dubas).
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-05-31
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.