• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.3.2021.tde-07032022-090306
Documento
Autor
Nome completo
Thomas Pinto Ribeiro
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2021
Orientador
Banca examinadora
Yoshizaki, Hugo Tsugunobu Yoshida (Presidente)
Bandeira, Renata Albergaria de Mello
Gonçalves, Paulo Marcio
Título em português
Migração Venezuelana em Roraima: uma análise de dinâmica de sistemas para o programa federal de interiorização.
Palavras-chave em português
Interiorização
Logística humanitária
Migração e refúgio
Operação acolhida
Sistemas dinâmicos
Resumo em português
As migrações internacionais tem aumentado sua importância na última década. Isso não se deve apenas ao número crescente de refugiados e migrantes forçados a deixar seus lares em busca de melhores condições de vida, mas também pela complexidade das soluções necessárias para garantir suas necessidades básicas, como saneamento, alimentação, alojamento e segurança. Neste contexto, a logística humanitária desempenha um papel crucial na provisão de bens e serviços essenciais aos mais vulneráveis, desde a recepção e abrigamento, até sua integração no país de destino. Desde 2017, a Venezuela vem passando por um cenário de instabilidade política e social, ocasionada pela escassez de produtos e hiperinflação. Como consequência, mais de 4,7 milhões de venezuelanos deixaram seu país em direção a outros países, dentre eles, o Brasil. Em um intervalo de quatro anos, a população migrante venezuelana no Brasil alcançou a cifra de 260 mil pessoas, alguns deles permaneceram no Estado de Roraima, enquanto que outros foram para outros países ou viajaram para outras cidades por meio do programa de interiorização da Operação Acolhida. Este trabalho tem como finalidade aplicar a metodologia de Dinâmica de Sistemas (DS) no contexto desta Operação, visando evidenciar se alternativa de construção de Hubs de interiorização seria uma forma de agilizar o programa federal de interiorização. Como resultado, foi comprovado que o maior gargalo para o programa é a quantidade de vagas disponibilizadas ao redor do país, de modo que o aumento da quantidade de hubs e, consequentemente, da frequência de voos, capacidades de aeronaves e de processamento não são tão eficazes em cenários nos quais a quantidade de vagas de interiorização são limitadas. No entanto, mudanças nas políticas de disponibilidade de vagas ou abertura de Hubs poderiam gerar resultados mais significativos em termos de quantidade de pessoas interiorizadas ao final do período analisado. Finalmente, o modelo não somente avaliar as possíveis políticas de hubs, mas propõe um mecanismo que tenta mensurar a pressão gerada pelo aumento de desassistidos e convertê-la na construção de abrigos temporários. Esta ferramenta, apesar de utilizar variáveis estimadas e complexas, inova no auxílio de gestores na tomada de decisão relativas a políticas de abrigamento e interiorização de migrantes e refugiados.
Título em inglês
The venezuelan migration in Roraima: a system dynamics analysis for the federal internalization program.
Palavras-chave em inglês
Internalization
Migration
System dynamics
Resumo em inglês
International migrations have increased in importance over the past decade. This is not only due to the growing number of refugees and migrants forced to leave their homes in search of better living conditions but also due to the complexity of the solutions needed to guarantee their basic needs, such as sanitation, food, accommodation, and security. In this context, humanitarian logistics plays a crucial role in the provision of essential goods and services to the most vulnerable, from reception and sheltering, to their integration in the destination country. Since 2017, Venezuela has been experiencing political and social instability, caused by the scarcity of products and hyperinflation. As consequence, more than 4.7 million Venezuelans left their country towards other countries, among them, Brazil. In four years, the Venezuelan migrant population in Brazil reached the figure of 260 thousand people, some of them stayed in the State of Roraima, while others went to other countries or traveled to other cities through the internalization program of Acolhida Operation. This work applies the System Dynamics (SD) methodology in the context of this Operation, aiming to show if the alternative of building internalization Hubs would be a way to boost the federal internalization program. As a result, it was proven that the biggest bottleneck for the program is the number of vacancies available around the country so that the increase in the number of hubs and, consequently, in the frequency of flights, aircraft,and processing capacities are not effective in scenarios where the number of internalization vacancies is limited. However, changes in vacancy availability policies or Hub opening could generate more significant results in terms of the number of people internalized at the end of the analyzed period. Finally, the model not only evaluates hub policies but it proposes a mechanism that tries to measure the pressure generated by the increase in unassisted people and convert it into the construction of temporary shelters. This tool, despite using estimated and complex variables, innovates in assisting managers in making decisions regarding housing and internalization policies for migrants and refugees.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2022-03-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.