• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
https://doi.org/10.11606/D.3.2020.tde-09012020-114102
Documento
Autor
Nombre completo
Filipi Tieppo Barbaro
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2019
Director
Tribunal
Fleury, André Leme (Presidente)
Bernardes, Roberto Carlos
Kon, Fabio
Título en portugués
Critérios utilizados no processo de seleção de startups para programas de aceleração.
Palabras clave en portugués
Aceleradoras
Empreendedorismo
Empresas estabelecidas
Inovação
Startups
Resumen en portugués
O processo de desenvolvimento de inovações em empresas estabelecidas passa por mudanças constantes. Inicialmente tratado como uma forma de diferenciação em relação a outras empresas por meio de grandes investimentos em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D), atualmente nota-se uma mudança significativa e a quebra de antigos paradigmas em relação à propriedade intelectual e ao desenvolvimento de novos produtos, serviços e soluções. Nesse ambiente, de maior abertura e estabelecimento de novos relacionamentos com as empresas estabelecidas, surgem as startups, instituições humanas que desenvolvem novos produtos e soluções em contextos de extrema incerteza, aplicando processos e times enxutos. Considerando essa nova forma de criação de empreendimentos, empresas estabelecidas passam a interagir e buscar valor através de novas formas de relacionamento. Dentre elas estão as aceleradoras de startups, instrumento utilizado por meio de um programa estabelecido, por um curto período de tempo, que auxilia as startups a se estabelecerem de forma rápida e acelerada, utilizando rede de acessos e, por vezes, incluindo investimento financeiro visando o retorno financeiro e o desenvolvimento de novos produtos onde, por ineficiência operacional e alta burocracia, as empresas estabelecidas não conseguem desenvolver por conta própria. Apesar de conectarem dois mundos antagônicos e paradoxais visando o melhor de ambos, as aceleradoras, por conta da escassez de material acadêmico qualificado e por serem recentes no mundo corporativo, possuem desafios que ainda não estão desvendados ou explicados. Um deles, se relaciona à forma como as aceleradoras selecionam startups para integrar seu portfólio de investimentos. Visando responder essa lacuna, o presente trabalho, por meio de revisão da literatura e pesquisa incluindo estudos de casos múltiplos, busca responder quais são os critérios utilizados por aceleradoras para escolher startups, bem como buscar outras evidências relevantes considerando a realidade brasileira. Assim, o presente trabalho apresenta quais são as características das aceleradoras encontradas na literatura, como elas são classificadas e como o estudo se deu ao longo do tempo e também realizar a comparação dos estudos com a realidade brasileira, apresentando o que o estado da prática realiza atualmente e qual é a relação da prática corporativa em relação ao estudo teórico do assunto.
Título en inglés
Criteria used in the startups selection process for acceleration programs.
Palabras clave en inglés
Accelerators
Established enterprises
Innovation
Startups
Resumen en inglés
The process of developing innovations in established companies is constantly changing. Initially treated as a form of differentiation from other companies through large investments in Research and Development (R&D), currently, there is a significant change and breaking of old paradigms to intellectual property and the development of new products, services, and solutions. In this environment of greater openness and establishment of new relationships with established companies, start-ups, human institutions that develop new products and solutions in contexts of extreme uncertainty, applying lean processes and teams. Considering this new form of enterprise creation, established companies start interacting and seeking value through new forms of relationship. These include startup accelerators, an instrument used through a short-term program that helps startups get up and running quickly, using access networks, and sometimes including financial investment aimed at the financial return and the development of new products where, due to operational inefficiency and high bureaucracy, established companies cannot develop on their own. Despite connecting two antagonistic and paradoxical worlds for the best of both, accelerators, because of the scarcity of qualified academic material and because they are recent in the corporate world, have challenges that are not yet unraveled or explained. One of them relates to how accelerators select startups to integrate their investment portfolio. Aiming to answer this gap, the present work, through literature review and research including multiple case studies, seeks to answer what are the criteria used by accelerators to choose startups, as well as to search other relevant evidence considering the Brazilian reality. Thus, the present paper presents what are the characteristics of accelerators found in the literature, how they are classified and how the study took place over time and also to compare the studies with the Brazilian reality, presenting what the state of practice does. what the relationship between corporate practice and the theoretical study of the subject.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2020-01-09
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.