• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Thèse de Doctorat
DOI
10.11606/T.27.2015.tde-13112015-102154
Document
Auteur
Nom complet
Carlos Alberto Silva
Adresse Mail
Unité de l'USP
Domain de Connaissance
Date de Soutenance
Editeur
São Paulo, 2015
Directeur
Jury
Martins, José Batista Dal Farra (Président)
Camargo, Andréia Vieira Abdelnur
Dawsey, John Cowart
Lopes, Elisabeth Silva
McCleary, Leland Emerson
Titre en portugais
Operacionalidade do gesto poético: do cotidiano à cena
Mots-clés en portugais
corporeamento
encenação
Gesto poético
performance
Resumé en portugais
Dentre os componentes e aspectos da linguagem teatral, destacam-se aqueles pertinentes à interpretação envolvendo diretamente a corporeidade. Gesto, movimento e ação participam decisivamente de um complexo prático-teórico na construção formativa e artística dos profissionais das artes cênicas. Entretanto, o uso habitual desses termos como expressões chaves, frequentemente ganham significados voláteis, referenciando fugazmente os fenômenos aos quais se relacionam. As experiências no terreno onde tais termos se transformam em conceitos desenhou o ângulo pelo qual foram tratadas suas articulações e, a partir delas, foram realizadas consultas a publicações que circularam por expoentes como Stanislavski, Grotowski, Brecht, Artaud, Delsarte, Dalcroze e Laban, bem como por recentes trabalhos dos estudos da gestualidade e da multimodalidade na comunicação face a face, da psicanálise fenomenológica e, no âmbito teatral, por autores como De Marinis, Renato Ferracini, Eugenio Barba e Patrice Pavis. Preconizamos o gesto, reconhecido como gesto poético no corpo do intérprete, como tema central de exame e ponderações e, em seu desdobramento, aspectos referentes à sua operacionalidade na construção cênica. No âmbito do teatro ocorre, com notória frequência, ou a negação do valor e da função cênica dos gestos, ou a reiteração de noções e métodos sacramentados sem fazê-los avançar ou, mais sintomaticamente, sequer são percebidos na encenação. Ponderar essa constatação requer a reinvenção de caminhos. Identificamos um hiato para o qual podem ser profícuas as contribuições e as experimentações dos estudos da gestualidade, não permeadas por posições estéticas e metodológicas específicas. A pesquisa pauta-se em fundamentos teóricos, epistemológicos e metodológicos da fenomenologia e da Gestalt para conduzir as mediações relacionadas ao assunto e um estudo de caso balizado na pesquisa qualitativa fenomenológica, propondo apresentar ponderações sobre a eficácia dos recursos e formulações dos estudos da gestualidade e da multimodalidade na comunicação face a face no cultivo da operacionalidade do gesto poético, considerando seu trânsito da interação cotidiana em direção à sua conformação cênica em diálogo com fundamentos do princípio poético do Gestus a partir de Brecht. Tal intersecção, até a conclusão deste estudo, ainda não havia sido explorada. O esforço vai na direção de promover uma abordagem do gesto poético em um contexto transdisciplinar, promovendo uma revitalização que não se restringe ao debate teórico, mas que invade a prática. Assim, um duto que percorre a produção de McNeill, Kendon e Müller, fornece, não apenas estruturas e provocações para análise, mas também, incita expedientes criativos com o gesto poético possíveis de serem desdobrados da condução de atividades no âmbito de pesquisas à maneira de Müller, que introduz e induz estímulos em situações a serem observadas, registradas e analisadas. Assim, nos afinamos com a noção de nos deixarmos afetar por aquilo que está diante de nós e que nos habita como fonte do que desejamos laborar como artistas da cena. Esse reconhecimento convoca, mais do que a noção de treinamento, uma formação para a sensorialidade ao entender que o corpo, no fenômeno artístico, não pode ser apenas objeto, mas tem que se constituir como sujeito em sua totalidade.
Titre en anglais
The gesture in its poetic operability: from the quotidian to the scene.
Mots-clés en anglais
embodied cognition
performance
poetic gesture
staging
Resumé en anglais
Within the components of the theatrical language and its aspects, stand those more pertinent to the interpretation involving directly the corporeity. Gesture, movement and action participate decisively on a practice-theorist complex on the formational and artistic construction of the performing arts professional. However, the habitual uses of such terms as key expressions, frequently gain volatile meanings, fleetingly referring to the phenomena that it relates. The experiences in the terrain where these terms transform themselves in concepts, drawn the angle where the articulations were treated through and, from them, consults have been done to publications that circle through exponents such as Stanislavski, Grotowski, Brecht, Artaud, Delsarte, Dalcroze and Laban, likewise, some recent works on the gestures studies and the multimodality in face to face communication, from the phenomenological psychoanalysis and in the theatrical scope, by authors like De Marinis, Renato Ferracini, Eugenio Barba e Patrice Pavis. Advocate the gesture, known as poetic gesture on the performer body, as the central theme of examination and weights and, in your development, aspects referring to its operability in the scenic construction. Consider this statement requires a recreation of paths. We identify a hiatus where our contributions might be fruitful such as the experiments in the gestures studies, not permeated by specific aesthetic and methodological placements. The research is guided by theoretical, epistemological and methodological fundaments of the phenomenology and the Gestalt to conduct the mediation related to the subject and a study of case beaconed in the phenomenological qualitative research, proposing to present ponderations about the efficacy of the resources and formulations of the gestures studies and the multimodality in the face to face communication in the cultivation of the operability of the poetic gesture, considering its quotidian interaction transit in direction to its scenic conformation in dialogue with fundaments of the Gestus poetic principle according to Brecht. Such intersection, until the conclusion of this work, has not been explored yet. The effort goes on the direction to promote the approach of the poetic gesture in a transdisciplinary context, promoting a revitalization that do not restrict itself to the theoretical debate, but invades the practice. Therefore, a duct that courses the production of McNeill, Kendon and Müller, provides, not only structures and teases to analysis, but also incites creative expedients with the poetic gesture possible of being unfold of the conduction of activities in the scope of researches in the manner of Müller, which introduce and induce stimulations in situations that should be watched, registered and analyzed. Thereby, we become affine with the idea of letting us get affected by what is in front of us and resides as the source of what we wish to labor as artists in scene. This recognition convenes, more than the notion of training, a formation to the sensoriality when understands that the body, in the artistic phenomena, cannot be only the object, but has to self-constitute as a subject in its totality.
 
AVERTISSEMENT - Regarde ce document est soumise à votre acceptation des conditions d'utilisation suivantes:
Ce document est uniquement à des fins privées pour la recherche et l'enseignement. Reproduction à des fins commerciales est interdite. Cette droits couvrent l'ensemble des données sur ce document ainsi que son contenu. Toute utilisation ou de copie de ce document, en totalité ou en partie, doit inclure le nom de l'auteur.
Date de Publication
2015-11-13
 
AVERTISSEMENT: Apprenez ce que sont des œvres dérivées cliquant ici.
Tous droits de la thèse/dissertation appartiennent aux auteurs
Centro de Informática de São Carlos
Bibliothèque Numérique de Thèses et Mémoires de l'USP. Copyright © 2001-2021. Tous droits réservés.