• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.27.2017.tde-31052017-110806
Documento
Autor
Nome completo
Midierson Sebastião Maia da Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Barreto Filho, Eneus Trindade (Presidente)
Braga, Maria Lucia Santaella
Cesarotto, Oscar Angel
Correa, Elizabeth Nicolau Saad
Dunker, Christian Ingo Lenz
Título em português
O valor-gradiente em marcas de café: midiatização da cultura e do desejo a partir de Nespresso e Starbucks
Palavras-chave em português
Desejo
Enunciação Publicitária
Giro Interactancial
Midiatização
Valor-Gradiente
Resumo em português
O presente trabalho, a partir da análise do conteúdo produzido por marcas e consumidores na rede social Facebook, versou sobre a compreensão da relação entre a midiatização da cultura e o impacto desse fenômeno na formação do desejo na comunicação publicitária. A análise do conteúdo se deu sobre um corpus de 15 posts, obtidos a partir de um universo de 120.000 interações de consumidores com duas marcas de café, a saber, Nespresso e Starbucks. Dentro deste cenário, foram analisadas interações entre marca e consumidor e também interações de consumidores com consumidores. O objetivo central da pesquisa foi demonstrar, empiricamente, os efeitos da comunicação digital que, dependendo dos usos, das ferramentas, dispositivos e linguagens, favorecem novas possibilidades sígnicas para novas configurações de desejos, calcados em significantes não tão novos, mas que assumem novas roupagens de sentido, conforme seus "usos" em uma dimensão digital. Para que os resultados empíricos pudessem ser fundamentados, a pesquisa contemplou basicamente três frentes teóricas, somadas a uma abordagem histórica envoldendo a trajetória do café, desde sua descoberta, até os dias atuais. A aborgadem sobre a história do café é tema do primeiro capítulo, por meio do qual o leitor poderá compreender a relação do café com diferentes tipos de culturas, em vários países. No mesmo capítulo, será possível também compreender como se davam as diferentes produções de sentidos, acerca da bebida, nos diferentes contextos. A primeira frente teórica abordada, presente no Capítulo II, foi a Teoria da Enunciação Midiática Publicitária, dos pesquisadores Ivan Santo Barbosa e Eneus Trindade. Essa primeira frente teórica estabelece relações com o primeiro capítulo e irá ajudar a compreender como se dava a relação dos indivíduos com o produto café, em diferentes tempos e espaços, desde tempos e espaços os quais o café não esteve ligado à publicidade, até seu apogeu, consumado no encontro do mesmo com a publicidade veiculada em massa. Ao ser atravessado pela publicidade, o café passou a operar novas formas de relação com o desejo. E isso isso fica evidente na segunda parte do primeiro capítulo. A segunda frente teórica empregada foi a Psicanálise Lacaniana, cuja contribuição se deu a partir do entendimento do desejo como algo oriundo do processo de linguagem, imerso no trabalho dos signifiantes em cadeia, movendo sentidos em direção a significações e significados possíveis para sujeitos conectados às redes. E a terceira frente teórica utilizada, estabelecendo conexões com o contexto das redes digitais e midiatização da cultura, foi a da midiatização socioconstrutivista, de Andreas Hepp, somada à circulação de Antônio Fausto Neto. A união das teorias acima integram o principal eixo teórico desta pesquisa, que busca se centralizar no estudo da formação do desejo do sujeito, a partir da relação deste com as operações significantes, atreladas a sentidos e significações, permeadas por contextos de tempos e espaços. O cruzamento entre as teorias empregadas e o trabalho empírico deu-se mediante um protocolo de análise sustentado sobretudo na ideia de valor-gradiente da significação, produzida a partir de operações significantes, dadas nas relações de sentido entre consumidor de marcas de café e cultura. Buscou-se então entender o valor-gradiente como um elemento de impacto na formação do desejo do indivíduo consumidor pois, na medida em que um sujeito opta por realizar uma ação de engajamento em redes sociais, como o Facebook, ele a faz motivado por sentidos e valores. A pesquisa mostrou que a formação do desejo aparece sustentada, em grande parte, na relação entre significantes em cadeia, operando associações em torno das dimensões de sentido e de valor. Unidas, ambas as dimensões funcionam como uma espécie de estrutura, que se completa em uma dimensão terceira, a do próprio desejo. Esta lógica, envolvendo as três dimensões "sentido-valor-desejo", pode ser melhor compreendida a partir do Giro Interactancial, aplicado aos sentidos e valores da marca de cafés Nespresso (Pág. 120). Para que o modelo de valor-gradiente pudesse ser comprovado, foi utilizada a metodologia Análise de Conteúdo, incluindo métodos como o SNA - Social Network Analysis e o ECA - Ethnographic Content Analysis. O primeiro método contribuiu para o mapeamento de significantes, ligados aos discursos das marcas de café Nespresso e Starbucks, presentes nas interações com maiores níveis de engajamento. O segundo método contribuiu para a análise dos sentidos, significados e significações contidas nos posts já mencionados e a construção das significações possibilitadas pelo contato entre significantes das marcas e significantes da vida dos consumidores. Para a coleta e análise do corpus, foram utilizadas ferramentas como Gephi, Netvizz, Nvivo, Google Trends e Stilingue, com um maior destaque para a Stilingue, pois, foi por meio desta que se obteve uma amostra mais rica para o aproveitamento do protocolo de análise construído. Os resultados obtidos, mediante o conjunto de ferramentas, mostram estar a formação do desejo atrelada a um jogo constante de sentidos e valores, desdobrados em "sentidos de valor", cujo valor-gradiente, necessário à formação de desejos, irá depender de outros fatores, ligados à configuração social, na qual os discursos são formados, conforme os tempos e os espaços midiatizados.
Título em inglês
-
Palavras-chave em inglês
Advertising Enunciation
Desire
Gradient-Value
Interactantial Spin
Midiatization
Resumo em inglês
The research has been based in a content analysis of the content produced by comments among brands and consumers on Facebook. At this point, the research aims to understand the relationship between mediatization of culture and impacts of these phenomena to desire formation through digital advertising. The content analysis was based on 15 posts comments, obtained from 120,000 consumers interactions with two coffee brands, Nespresso and Starbucks. Within this scenario, the interaction between brand and consumers, as well interactions among consumers, was analyzed. The main research objective was to demonstrate, empirically, the digital communication effects that (depending on the uses, tools, devices and languages based on signifiers not so new, but that according their "uses" in a digital dimension) can offer new sign possibilities to new desire configurations. The empirical results have been substantiated in three theoretical models and one historical approach, covering the coffee history, from its discovery to present age. The history of coffee is the first chapter. Through the first chapter, the reader will be able to understand the relationship among coffee and different cultures, in several countries. The same chapter offers an understanding about different coffee meanings productions, in different contexts. The first theoretical approach, addressed and present in Chapter II, is the Advertising Enunciation Theory, from researchers Ivan Santo Barbosa and Eneus Trindade. This first theoretical approach is linked to first chapter and will help to understand how the relation among coffee and consumers was given in different times and spaces, from times and spaces in which coffee wasn't connected to advertising until its apogee, on mass coffee advertising. When coffee was affected by advertising, it became desired by different ways. This is shown in the second part of the first chapter. The second theoretical approach is Lacanian Psychoanalysis, whose contribution is the understanding of desire as originating from a language process, through chain of signifiers work, moving meanings towards possible signifies for consumers connected in digital social networks. The third theoretical approach is Social Constructvist Mediatization, from Andreas Hepp. The theory establishes connections with digital network context and mediatization of culture. The Social Constructvist Mediatization was, on this research, added to the Circulation Theory from Brazilian researcher Antônio Fausto Neto. The theories sum results as theoretical research axis. The axis seeks to centralize on desire formation understanding according to significant operations linked to meanings from times and spaces contexts. The intersection between theories employed and empirical work was given through an analysis protocol, based mainly on gradient-value of signification, produced from significant operations, given from meanings between coffee brands consumers and culture. The gradient-value was seen as an element of impact in consumer desire formation. If a consumer chooses to perform an engagement action, on social networks such as Facebook, he makes it motivated by meanings and values. The research showed that desire formation appears to be sustained from chain of signifiers, operating meaning associations around meaning and value dimensions. Together, both dimensions work as a structure, completed in a third dimension, the desire itself. This model involving three dimensions "meaning-value-desire", can be better understood from the Interactantial Spin, applied to meaning and values of Nespresso coffee brand (Page 120). Aiming to prove the gradient-value model, the Content Analysis methodology has been applied, including methods such as SNA - Social Network Analysis and ECA - Ethnographic Content Analysis. The first method was used to the mapping signifiers in Nespresso and Starbucks advertising discourse, present on comments with higher engagement levels. The second method was used to analyze meaning production from contact between brands signifiers and consumer's signifiers, presents on mentioned posts. For the retrieve and analysis of sample, tools such as Gephi, Netvizz, Nvivo, Google Trends and Stilingue were used. Among the tools, the Stilingue is a most important tool, because could retrieve a richer sample. The results retrieved through the tools shown that desire formation is tied to a constant set of meanings and values, deployed in "sense of value", whose gradient-value, necessary for desire formation, will depend on factors linked to the social configuration, in which discourses are formed according times and mediated spaces.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-06-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.