• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.27.2014.tde-16102014-104805
Documento
Autor
Nombre completo
Amanda Leal de Oliveira
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2014
Director
Tribunal
Perrotti, Edmir (Presidente)
Almeida Junior, Oswaldo Francisco de
Cintra, Anna Maria Marques
Cury, Lucilene
Dias, Marina Celia Moraes
Título en portugués
A negociação cultural: um novo paradigma para a mediação e a apropriação da cultura escrita
Palabras clave en portugués
apropriação cultural
cultura escrita
mediação
negociação cultural
Resumen en portugués
Esta tese tem por objetivo contribuir para a definição e desenvolvimento do conceito de "negociação cultural", compreendido como categoria teórico-metodológica orientadora de processos de mediação voltados à apropriação da cultura escrita. Foram estudados três dispositivos culturais cujas ações estão relacionadas à mediação da escrita em contextos diversos: o Centro Educacional e Cultural Kaffehuset Friele, localizado na zona rural de Minas Gerais; a Estação do Conhecimento Einstein-Paraisópolis, em Paraisópolis, segunda maior favela da cidade de São Paulo, e a Biblioteca Pública Louise Michel, localizada em um bairro da periferia de Paris/França, com forte concentração de imigrantes. Foi utilizada metodologia colaborativa, processo de construção científica baseado na interlocução entre saberes e fazeres científicos e "da ação", adotando-se, porém, perspectiva que não reduz ou sobrepõe uns aos outros. Os resultados mostram que, reconhecendo e incorporando a seus conceitos e processos os conflitos provocados pelas divergências e/ou assimetrias existentes entre os diferentes sujeitos, grupos, segmentos, categorias, matrizes socioculturais (leitores/não-leitores, tradição oral/cultura escrita), os dispositivos estudados, diferentemente de outros do mesmo teor, mais que instâncias de controle e/ou de difusão, são instâncias de negociação cultural, envolvendo sujeitos, textos e contextos em processos ativos, complexos e afirmativos de apropriação de informação e cultura, incluída aí - mas não exclusivamente - a cultura escrita. O conceito de negociação cultural aponta, portanto, para perspectivas novas, tanto em relação à apropriação da cultura escrita, como da cultura em geral. Dá mostras, ao mesmo tempo, de poder contribuir para a redefinição indispensável de práticas e conceitos de mediação cultural e seus paradigmas.
Título en inglés
Cultural negotiation: a new paradigm for mediation and appropriation of written culture
Palabras clave en inglés
cultural appropriation
cultural negotiation
mediation
writing culture
Resumen en inglés
This thesis aims to contribute to the definition and development of the concept "cultural negotiation", understood as a theoretical-methodological category guiding the mediation processes used to suit the written culture. Three cultural devices were studied and their actions are related to the writing mediation in three different contexts: Kaffehuset Friele Educational and Cultural Center, located in Minas Gerais rural area; Einstein Knowledge Station, in Paraisópolis, the second largest slum located in Sao Paulo City, and Louise MIchel Public Library, located in greater Paris/France, which has a large amount of immigrants. Collaborative methodology has been used, in other words, a scientific construction process based on the dialogue between scientific knowledge and "action", adopting, however, a perspective that does not reduce or overlap one another. The results indicate that by acknowledging and incorporating their concepts and processes, the conflicts caused by divergences and/or asymmetries between the different individuals, groups, segments, categories, sociocultural matrix (readers/non-readers, oral tradition/written culture), the studied devices, unlike others of the same content are, rather than instances of control and/or dissemination, they are instances of cultural negotiation involving subjects, texts and contexts in active, assertive and complex processes of information and cultural appropriation, including - but not exclusively - written culture. The concept of cultural negotiation, therefore, points out to new perspectives concerning written culture, as well as cultural appropriation as a whole. Simultaneously, it indicates to be able to contribute to redefine essential practices and concepts of cultural mediation and its paradigms.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2014-10-16
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.