• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
https://doi.org/10.11606/T.25.2017.tde-29112021-104317
Documento
Autor
Nombre completo
Roberta Heiffig Handem
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Bauru, 2016
Director
Tribunal
Capelozza, Ana Lucia Alvares (Presidente)
Carvalho, Izabel Maria Marchi de
Rubira, Cassia Maria Fischer
Valarelli, Danilo Pinelli
Título en portugués
Prescrição tomográfica volumétrica e a responsabilidade do radiologista na interpretação das imagens
Palabras clave en portugués
Achados incidentais
Diagnóstico
Tomografia Computadorizada de feixe Cônico
Resumen en portugués
A tomografia computadorizada de feixe cônico (TCFC) oferece um uso abrangente na prática odontológica e sua disseminação fez com que aumentasse o número de prescrições para esse exame. Há vários tipos de aparelhos de TCFC disponíveis no mercado e diversos protocolos. Campos de visão (Field of View) maiores permitem visualizar e analisar arcos completos de todo complexo maxilo-mandibular. Apesar de uma estrutura ou região específica serem o alvo principal do exame, as estruturas anatômicas a seu redor inevitavelmente são visíveis nas imagens capturadas. Nesse caso, quando uma alteração é visível, mas não é o principal motivo da realização do exame, denomina-se de achado incidental (AI). Uma pesquisa foi realizada com o objetivo de avaliar a influência de exames de TCFC em achados incidentais, resultando em um artigo. Ademais, para melhor descrever e esclarecer sua importância, um segundo artigo foi desenvolvido para atualizar e guiar cirurgiõesdentistas sobre como analisar todo o exame realizado. 100 exames de TCFC foram avaliados por um cirurgião-dentista radiologista com experiência na área. A região maxilofacial foi dividida em cinco zonas: vias aéreas e cavidade nasal (Zona 1), articulação temporomandibular (Zona 2), ossos (Zona 3), lesões dos maxilares (Zona 4), dentes (Zona 5) e avaliação de tecidos moles (Zona 6). A maioria dos exames pertence ao gênero feminino (60%). Em 82 exames, pelo menos um achado incidental foi encontrado. A maxila foi considerada o arco mais solicitado para a avaliação. Os principais motivos de prescrição de exames de TCFC foram: planejamento de implantes dentários (80,3%), dentes não-irrompidos (7,8%), fratura dentária (7,8%), enxerto ósseo (1,9%) e lesões do complexo maxilo-mandibular. A incidência de achados incidentais foi maior na Zona 5 (99 AI), seguida das zonas 1 (44 AI), Zona 6 (20 AI), Zona 2 (10 AI), Zona 3 (10 AI), Zona 4 (1). O número total de achados incidentais em todos os exames foi de 185, sendo que 55 deles necessitavam de intervenção, 24 necessitavam acompanhamento e 106 não necessitavam de acompanhamento. Os resultados mostraram um grande número de achados incidentais em exames de TCFC, ressaltando que mesmo quando uma estrutura específica é objetivada no exame, toda a área visível deve ser avaliada criteriosamente a fim de evitar a não visualização de possíveis alterações.
Título en inglés
Palabras clave en inglés
Cone-Beam Computed Tomography
Diagnosis
Incidental Findings
Resumen en inglés
The cone-beam computed tomography (CBCT) provides a comprehensive use in dental practice and its dissemination has increased the number of prescriptions of this exam. There are various types of tomographic apparatus available on the market and several options of protocols. Larger Field of Views (FOV) offers images of full arch and complete evaluation of the maxillo-mandibular complex. Although a specific structure or region is desired to be viewed in the exam, the anatomic structure beside them inevitably appear. In this case, when an alteration is viewed but was not the purpose of the exam, it is called an incidental finding (IF). A survey was conduct aiming to evaluate the influence of cone beam CT exams in incidental findings, resulting in one paper. In addition, to better describe and clarify its importance, a second paper was developed to update and guide dentists about how to analyze the entire exam. 100 CBCT exams were evaluated by an experienced radiologist. The maxillofacial region was divided into five zones: airways and nasal cavity (zone 1), temporomandibular joint (zone 2), bones (zone 3), jaw lesions (zone 4), teeth (zone 5) and soft tissue (zone 6). Most of the exams belonged to women (60%). In 82 exams, at least one incidental finding was found. The upper jaw was considered the most requested arch for evaluation. The most frequent purposes of CBCT exams were: dental implant planning (80.3%), unerupted teeth (7.8%), root fracture (7.8%), bone graft (1.9%) and maxillofacial lesion (1.9%). The higher incidence of incidental findings was found in zone 5 (99 IF), followed by zone 1 (44 IF), zone 6 (20 IF), zone 2 (10 IF), zone 3 (10 IF), Zone 4 (1IF). The total number of IF in all exams was 185, of which 55 require intervention, 24 require follow-up and 106 are considered not to require monitoring. The results showed a great number of incidental findings in CBCT exams, highlighting that even when a specific structure is aimed, all areas must be carefully analyzed to avoid the possibility of discarding incidental findings.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2021-11-29
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2022. Todos los derechos reservados.