• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.25.2021.tde-09122021-101930
Documento
Autor
Nome completo
Raíssa Gabrieli Candido
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2021
Orientador
Banca examinadora
Campanelli, Ana Paula (Presidente)
Lima, Hayana Ramos
Pinheiro, Cláudia Ramos
Souza, Vânia Nieto Brito de
Título em português
Avaliação dos efeitos do meio condicionado de monócitos sobre a atividade de células tumorais in vitro
Palavras-chave em português
Carcinoma espinocelular
Imunologia tumoral
Monócitos
Resumo em português
O carcinoma espinocelular (CEC) é o segundo câncer de pele não melanoma mais comum. Sabe-se que os processos fisiológicos que são necessários para a tumorigênese, como aumento da sobrevida celular, remodelação tecidual, angiogênese, invasão e supressão da resposta imune adaptativa são reguladas por leucócitos infiltrados no microambiente tumoral. Está estabelecido que os monócitos influenciam vários aspectos do desenvolvimento tumoral. Os monócitos estimulam a proliferação de células neoplásicas, ativam células-tronco tumorais e promovem metástase e também parecem ter a maquinaria celular para matar diretamente as células malignas por indução da morte celular. Sabe-se agora que monócitos fenotipicamente semelhantes parecem desempenhar papéis opostos no desenvolvimento tumoral. Baseado no exposto, o presente estudo procurou avaliar a capacidade de monócitos em promover e influenciar a atividade de células tumorais in vitro. Para tal empregamos duas linhagens de células de carcinoma espinocelular (SCC-25 e Detroit 562) em ensaios de motilidade, invasão, proliferação e expressão gênica, avaliando a influência do meio condicionado de monócitos nessas células. Os resultados evidenciaram que o meio condicionado (MC) de monócitos influenciou negativamente a motilidade das duas linhagens de carcinoma espinocelular. Adicionalmente, o meio condicionado de monócitos induziu aumento da taxa de proliferação das células da linhagem tumoral SCC-25, mas diminuiu a taxa de proliferação de células Detroit 562. Os resultados também mostraram uma influência significativa de fatores derivados de monócitos na capacidade de invasão de células da linhagem tumoral SCC-25. Em seguida, analisamos a expressão de genes relacionados com o processo de transição epitelial-mesenquimal. Os resultados mostraram que genes importantes para migração, invasão e metástase, como MYC, SOX2, EPCAM, AURKA e SYP foram expressos de forma diferente em células tumorais estimuladas com o meio condicionado de monócitos. Os fatores derivados de monócitos induziram aumento na expressão do gene EPCAM por células da linhagem tumoral SCC-25, ao mesmo tempo que modularam negativamente a expressão de MYC, SOX2 e SYP por essas células. Para a linhagem tumoral Detroit 562, os fatores derivados de monócitos induziram aumento na expressão do gene SOX2, ao mesmo tempo que modularam negativamente a expressão de MYC, AURKA, EPCAM e SYP por essas células. Dessa forma, os resultados descritos indicam que fatores derivados de monócitos podem contribuir de diferentes maneiras para processos como motilidade, invasão e proliferação das células das linhagens tumorais provenientes de carcinoma espinocelular testadas em nosso estudo.
Título em inglês
Evaluation of the effects of monocyte conditioned medium on tumor cell activity in vitro
Palavras-chave em inglês
Monocytes
Squamous cell carcinoma
Tumor immunology
Resumo em inglês
Squamous cell carcinoma (SCC) is the second most common nonmelanoma skin cancer. It is known that physiological processes that are necessary for tumorigenesis, such as increased cell survival, tissue remodeling, angiogenesis, invasion and suppression of the adaptive immune response, are regulated by leukocytes infiltrating the tumor microenvironment. It has been established that monocytes influence several aspects of tumor development. Monocytes stimulate neoplastic cell proliferation, activate tumor stem cells and promote metastasis, and also appear to have the cellular machinery to directly kill malignant cells by inducing cell death. It is now known that phenotypically similar monocytes appear to play opposite roles in tumor development. Based on the above, the present study sought to evaluate the ability of monocytes to promote and influence the activity of tumor cells in vitro. SCC-25 and Detroit 562 cells were cultured with conditioned medium of monocytes (CM) and analyzed motility and invasion, proliferation and quantitative real time PCR of genes related to the epithelial-mesenchymal transition. CM negatively influenced the motility of squamous cell carcinoma cell lines. Additionally, CM induced an increase in the proliferation rate of SCC-25 cells, but decreased the proliferation of Detroit 562 cells. The results also showed a significant influence of CM on the invasion of SCC-25 cells. Next, we analyzed the expression of genes related to the epithelialmesenchymal transition process. The results showed that genes important for migration, invasion and metastasis, such as MYC, SOX2, EPCAM, AURKA and SYP were expressed differently in tumor cells stimulated with the monocyte conditioned medium. Monocyte-derived factors induced an increase in the expression of the EPCAM gene by SCC-25 cells, while negatively modulating the expression of MYC, SOX2 and SYP by these cells. Also, CM induced an increase in the expression of the SOX2 gene, while negatively modulating the expression of MYC, AURKA, EPCAM and SYP by Detroit cells. Thus, the results described indicate that factors derived from monocytes can contribute in different ways to processes such as motility, invasion and proliferation of cells from tumor cell lines from squamous cell carcinoma tested in our study.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Há arquivos retidos devido a solicitação (publicação de dados, patentes ou diretos autorais).
Data de Liberação
2023-12-09
Data de Publicação
2021-12-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.