• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Alyssa Teixeira Obeid
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2019
Orientador
Banca examinadora
Bombonatti, Juliana Fraga Soares (Presidente)
Brandão, Christian Giampietro
Furuse, Adilson Yoshio
Pegoraro, Carolina Nunes
Título em inglês
Evaluation of the efficiency of polymerization of composite resins in proximal restorations
Palavras-chave em inglês
Composite resins
Hardness tests
Polymerization
Resumo em inglês
Statement of the problem. The insertion and polymerization of the first resin composite layer in the proximal cavity of class II restorations require attention to achieve cervical sealing as well as good physical properties and clinical longevity. Objective. To evaluate the polymerization efficiency of four resin composites (Filtek Z250XT- 3M ESPE, Filtek One Bulk-Fill-3M ESPE, Filtek Bulk-Fill Flow-3M ESPE and Opus Bulk Fill- FGM) in the cervical region of class II restorations. Material and methods. Sixteen groups (n = 12) were prepared by inserting 2mm increments of the resin composites in a bipartite matrix and being cured with a lightsource of 1000mW/cm2 in continuous mode during 20 or 40 seconds directly on the material (M group) or through a slot preparation (S group) in typodont teeth and all were stored at 37 +/- 1°C, for 24 hours. The Knoop microhardness was evaluated with 25-g-load and 5-s dwell time. Data were analysed with three-way Anova and Tukeys HSD ( = 5%). Results. The results of relative hardness did not show significant difference for the M groups, regardless of the time and type of resin. All the resins had a relative hardness higher than 0.80. In contrast, for S groups, Z250 20s (0.39+0.08) and Bulk FGM 20s (0.47+0.04) showed significant lowest ratios. Bulk Flow 20s (0.70+0.12) and 40s (0.72+0.09), One Bulk 20s (0.65+0.05) and 40s (0.71+0.06) presented no statistical difference with group Z250 40s (0.63+0.05). Conclusion. It would beneficial to increase the time of photoactivation for resins Z250XT and Bulk FGM, differently for Bulk Flow and One Bulk in class 2 proximal slot restorations to ensure adequate hardening.
Título em português
Avaliação da qualidade de polimerização de resinas compostas em restaurações proximais
Palavras-chave em português
Polimerização
Resinas compostas
Testes de dureza
Resumo em português
Problematização. A inserção e polimerização do primeiro incremento de resina composta na caixa proximal de restaurações classe II deve ser efetuada com atenção para garantir um bom selamento cervical, bem como alcançar boas propriedades físicas e longevidade clínica. Objetivo. Avaliar a eficiência da polimerização de quatro resinas compostas (Filtek Z250XT- 3M ESPE, Filtek One Bulk-Fill-3M ESPE, Filtek Bulk-Fill Flow-3M ESPE e Opus Bulk Fill- FGM) na parede cervical de restaurações classe II. Material e métodos. Dezesseis grupos (n=12) foram preparados através da inserção de incrementos de 2mm das resinas em uma matriz bipartida, sendo fotoativados com uma fonte de luz de 1000mW/cm2 em modo contínuo durante 20 e 40 segundos diretamente no material (M) ou através do preparo slot (S) em um dente artificial e armazenados em estufa a 37 +/- 1ºC, por 24 horas. A microdureza Knoop foi avaliada com carga de 25gramas e tempo de permanência de 5segundos. Todos os grupos foram submetidos aos testes estatísticos e avaliados pela análise de variância com três fatores (Anova) e pelo teste de Tukey HSD ( = 5%). Resultados. Os resultados de dureza relativa não apresentaram diferença significante para os grupos M, independente do tempo e tipo de resina. Todas as resinas apresentaram dureza relativa superior a 0.80. Por outro lado, para os grupos S, Z250 20s (0.39+0.08) e Bulk FGM 20s (0.47+0.04) apresentaram valores significativamente menores. Bulk Flow 20s (0.70+0.12) e 40s (0.72+0.09), One Bulk 20s (0.65+0.05) e 40s (0.71+0.06) não apresentaram diferença estatística com o grupo Z250 40s (0.63+0.05). Conclusão. Seria benéfico aumentar o tempo de fotoativação para as resinas Z250XT e Bulk FGM, ao contrário das resinas Bulk Flow e One Bulk em restaurações de classe 2 com preparo slot para melhorar a dureza.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-09-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.