• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.25.2017.tde-16122021-092917
Documento
Autor
Nome completo
Patricia Estefania Ayala Aguirre
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2017
Orientador
Banca examinadora
Silva, Thiago Cruvinel da (Presidente)
Gavião, Maria Beatriz Duarte
Pessan, Juliano Pelim
Valarelli, Thais Marchini de Oliveira
Título em inglês
Infodemiology of dental caries
Palavras-chave em inglês
Consumer Health Information
Dental Caries
Internet
Resumo em inglês
The diagnosis of dental caries can lead people to seek additional information on the Internet, through the use of structured queries in search engine tools. This action generates a considerable volume of data, which can be analyzed to provide a better understanding of publics behavior linked to the consumption of oral health information. Nevertheless, health-related information found on the web is being reported to be misleading and of poor quality. This study aimed (1) to assess the volume and profile of web searches on dental caries-related queries performed by Googles users from different countries, and (2) to evaluate the readability and the quality of dental caries-related information from Brazilian websites. The monthly variation of the Search Volume Index (SVI) for dental caries was obtained in Google Trends, for the period between January 2004 and September 2016. To validate the data, the correlation levels between the variation of SVI and the disability-adjusted life-years (DALYs) for permanent teeth were determined. To assess the quality of information, the websites were selected through Google, Bing, Yahoo!, and Baidu. Two independent examiners evaluated the quality of 75 websites using the DISCERN questionnaire and JAMA benchmark criteria. The scores Flesch Reading Ease (FRE), Flesch-Kincaid Grade Level (FKGL), and Férnandez-Huerta Readability Formula (FHRF) were used to assess the readability of the websites. The statistical analysis was performed with P<0.05 considered significant. In all countries, results revealed a trend of an increasing interest of Google users in dental caries issues. The most popular queries were markedly associated with symptoms and dental treatment, with little interest in prevention. The content of websites showed a poor quality by the analysis of both DISCERN (x=35.68, 19-64) and JAMA (x=1.12, 0-3) scores. The websites were classified as high-difficulty reading materials by FRE scores and, in contrast, as simple and accessible by FHRF scores. In conclusion, the Internet data mining could be helpful to establish the dental needs of specific population groups in a near real-time, since the consumption of dental information is increasing in importance and appears to have a direct relation with untreated dental caries. Dental caries-related contents found in Brazilian websites were considered simple, accessible and of poor quality. These findings indicate the need of the development of policies for the production and publication of digital oral health information, encouraging dentists to guide their patients in searching for recommended oral health websites.
Título em português
Infodemiologia da cárie dentária
Palavras-chave em português
Cárie dentária
Informação ao consumidor
Internet
Resumo em português
O diagnóstico da cárie dentária pode levar as pessoas a procurar mais informações na internet, por meio de pesquisas estruturadas realizadas em buscadores digitais. Esta ação gera um volume considerável de dados que podem ser analisados para o melhor entendimento do comportamento dos usuários relacionado ao consumo de informações de saúde bucal. No entanto, as informações sobre saúde proveniente da Internet podem ser imprecisas e de baixa qualidade. Este estudo objetivou (1) avaliar o volume e perfil de buscas sobre cárie dentária realizadas pelos usuários do Google de diferentes países, e (2) determinar a leiturabilidade e qualidade da informação relacionada à cárie dentária encontrada em websites brasileiros. A variação mensal do índice Search Volume Index (SVI) relacionado à cárie dentária foi obtida na ferramenta Google Trends para o período compreendido entre janeiro de 2004 e setembro de 2016. Para a validação dos dados obtidos, os níveis de correlações entre as variações do índice SVI e do índice disability-adjusted life-years (DALYs) para cárie dentária em dentes permanentes foram determinados. Para avaliar a qualidade da informação disponível na Internet, websites foram selecionados através dos buscadores Google, Bing, Yahoo! e Baidu. Dois examinadores independentes realizaram a avaliação de 75 websites usando o questionário DISCERN e os critérios de referência JAMA. A leiturabilidade da informação escrita foi avaliada pelo uso dos escores Flesch Reading Ease (FRE), Flesch-Kincaid Grade Level (FKGL) e Férnandez-Huerta Readability Formula (FHRF). A análise estatística foi realizada com valores de P<0,05 sendo considerados significantes. Em todos os países, os resultados demostraram uma tendência crescente do aumento do interesse dos usuários do Google sobre temas relacionados à cárie dentária. As buscas mais populares foram fortemente relacionadas aos sintomas e tratamentos da cárie dentária, com menor interesse pela prevenção. O conteúdo dos websites mostrou-se de baixa qualidade em ambos os escores do DISCERN (x=35.68, 19-64) e do JAMA (x=1.12, 0-3). Os websites foram classificados como materiais de alto nível de dificuldade de leitura pelos escores do FRE e, ao contrário, como simples e acessíveis pelos escores do FHRF. Em conclusão, os dados provenientes do uso da internet poderiam auxiliar no estabelecimento das necessidades odontológicas de grupos populacionais específicos, em tempo quase-real. O consumo de informação proveniente da web está se intensificando, parecendo ter uma relação direta com a cárie dentária não tratada. As informações relacionadas à doença disponíveis em websites brasileiros foram consideradas simples, acessíveis e de baixa qualidade. Estes achados indicam a necessidade de desenvolvimento de politicas para a produção e publicação de informações relacionadas à saúde bucal, motivando os dentistas a orientarem seus pacientes na busca por websites recomendados.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-12-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2023. Todos os direitos reservados.