• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.25.2017.tde-16122021-092454
Documento
Autor
Nome completo
Patrícia de Oliveira Negreiros
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2016
Orientador
Banca examinadora
Freitas, Marcos Roberto de (Presidente)
Gurgel, Julio de Araujo
Janson, Guilherme dos Reis Pereira
Valarelli, Fabrício Pinelli
Título em inglês
Smile Attractiveness in the Damon and conventional systems with and without rapid maxillary expansion
Palavras-chave em inglês
Attractiveness
Buccal corridor
Self-ligating brackets
Smiles
Resumo em inglês
Introduction: The aim of this study was to compare the smile attractiveness in different orthodontic techniques: Damon System and conventional appliances with and without rapid maxillary expansion and to evaluate the influence of the size of canine and posterior buccal corridor in smile esthetics. Methods: The sample consisted of frontal posed smile photographs of 20, 20 and 22 patients treated with self-ligating Damon system, conventional Roth system and conventional Roth system with R.M.E first, respectively. The areas of canine and posterior buccal corridor were measured in proportion to the total smile area in photographs. Through a website created specifically for the research, 62 photographs were judged on a 10 point scale by 70 orthodontists and 55 laypeople, according to individual esthetic criteria. The smile attractiveness was compared by analysis of variance with two criteria between 3 orthodontic techniques and between 2 groups of raters. The influence of the evaluator age and also the influence of the size in the buccal corridors in the smile attractiveness were measured by Pearson's correlation test. The analysis of variance was used to compare in size, the areas of canine and posterior buccal corridors in three sample groups. Results: No differences were found in the attractive smile between treatment techniques, but laypeople and orthodontists judged in different way smile esthetics, where the age of the evaluator did not influenced the judgment. The sizes of canine and posterior buccal corridor between sample groups were statistically similar and also had no correlation with the smile attractiveness. Conclusions: There seems to be no relationship between the size of canine and posterior buccal corridors with the type of technique used for orthodontic treatment. Different techniques do not influence the smile attractiveness. In addition, buccal corridor was not a decisive factor in assessing the esthetics of smiles.
Título em português
Agradabilidade do sorriso pós-tratamento ortodôntico nas diferentes técnicas: sistema autoligável Damon e aparelho convencional com e sem expansão rápida da maxila
Palavras-chave em português
Agradabilidade
Bráquetes autoligáveis
Corredor bucal
Sorrisos
Resumo em português
Introdução: O objetivo do estudo foi comparar a agradabilidade do sorriso nas diferentes técnicas ortodônticas corretivas: Sistema Damon e aparelho convencional, com e sem expansão rápida da maxila e avaliar a influência do tamanho do corredor bucal canino e posterior na estética do sorriso. Métodos: A amostra consistiu de fotografias frontais do sorriso posado de 20, 20 e 22 pacientes tratados com o sistema autoligável Damon, sistema convencional Roth e sistema convencional Roth com E.R.M prévia, respectivamente. As áreas de corredor bucal canino e posterior foram medidas proporcionalmente à área total do sorriso nas fotografias. Através de um site, criado especificamente para a pesquisa, as 62 fotografias foram julgadas em uma escala de 10 pontos por 70 ortodontistas e 55 leigos, segundo critérios individuais de estética. A agradabilidade do sorriso foi comparada pela Análise de Variância a dois critérios entre as 3 técnicas ortodônticas e entre os 2 grupos de avaliadores. A influência da idade do avaliador, como também a influência do tamanho do corredor bucal canino e posterior na agradabilidade do sorriso foi aferida pelo teste de Correlação de Pearson. A Análise de Variância foi aplicada para a comparação em tamanho das áreas dos corredores bucais canino e posterior nos 3 grupos da amostra. Resultados: Não houve diferença na agradabilidade do sorriso entre as técnicas de tratamento, porém leigos e ortodontistas julgaram de forma distinta a estética dos sorrisos, onde a idade do avaliador não influenciou no julgamento. Os tamanhos de corredor bucal canino e posterior entre os grupos da amostra foram estatisticamente semelhantes e também não tiveram correlação com a agradabilidade do sorriso. Conclusões: Parece não haver relação entre o tamanho do corredor bucal canino e posterior com o tipo de técnica adotada para o tratamento ortodôntico. As diferentes técnicas e tipos de bráquetes não influenciam na agradabilidade do sorriso. Além disso, o corredor bucal não foi um critério determinante na avaliação da estética dos sorrisos.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-12-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.