• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.25.2017.tde-16082017-152942
Documento
Autor
Nome completo
Carolina Cordeiro Marchese
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2016
Orientador
Banca examinadora
Peres, Sílvia Helena de Carvalho Sales (Presidente)
Greghi, Sebastiao Luiz Aguiar
Tagliaferro, Elaine Pereira da Silva
Tolentino, Eduardo Curvêllo
Título em português
Avaliação da doença periodontal em pacientes obesos mórbidos com ou sem hipertensão
Palavras-chave em português
Fluxo salivar
Hipertensão
Obesidade
Periodontite
Resumo em português
As doenças hipertensão e obesidade têm sido descritas como graves problemas de saúde pública. Além de causar problemas sistêmicos, ambas as doenças podem afetar as condições bucais. Diante disso, o objetivo deste estudo foi investigar a associação entre condição periodontal e hipertensão arterial, em pacientes obesos mórbidos candidatos à cirurgia bariátrica e avaliar o volume do fluxo salivar. A amostra foi composta por 225 indivíduos distribuídos em três grupos: Grupo obeso hipertenso (G1=75), Grupo obeso não hipertenso (G2=75) e Grupo eutrófico (G3=75). A avaliação antropométrica dos indivíduos foi realizada através do IMC, circunferência da cintura e do quadril e, relação cintura-quadril. O exame periodontal foi realizado por meio da profundidade de sondagem, recessão gengival, presença ou ausência de cálculo e sangramento. Foi avaliado o volume de fluxo salivar estimulado. Para a análise estatística foi aplicado o teste de Kolmorov- Smirnov para verificar a normalidade da amostra, seguido do teste Kruskall-Wallis, análises multivariadas empregando modelos de regressão linear (p<0,05). Entre os indivíduos examinados, foi observado maior prevalência de sítios com profundidade de sondagem e recessão de 0 a 3 mm nos eutróficos e maior prevalência de sítios com profundidade de sondagem e recessão 4mm nos grupos de obesos(p<0,05), sendo ligeiramente maior nos obesos hipertensos. Além disso, houve maior perda dentária no grupo G1, com diferença estatisticamente significativa entre os grupos (p<0,05). O ISG e a prevalência de sítios com sangramento foi maior nos grupos dos obesos (p<0,05), sendo discretamente maior nos hipertensos. A presença de cálculo foi maior nos obesos, sem diferença significativa entre os grupos. Em relação ao fluxo salivar, todos os grupos semelhantes volumes, sendo baixo. Conclui-se que os pacientes obesos apresentam maior profundidade de sondagem e maior número de sítios com sangramento que os eutróficos, mas sem diferença na presença ou ausência de hipertensão arterial.
Título em inglês
Evaluation of periodontal disease in morbidly obese patients with or without hypertension
Palavras-chave em inglês
Hypertension
Obesity
Periodontitis
Salivary flow
Resumo em inglês
Hypertension and obesity diseases have been described as serious public health problems. Further, they have increased the systemic and oral problems. Therefore, the aim of this study was to investigate the association between periodontal condition and hypertension in morbidly obese patients candidates for bariatric surgery and to assess salivary flow. The sample consisted of 225 individuals divided into three groups: hypertensive obese group (G1 = 75), non-hypertensive obese group (G2 = 75) and eutrophic group (G3 = 75). Anthropometric evaluation of the individuals was performed through BMI, waist and hip circumference, and waisthip ratio. Periodontal examination was performed by depth of probing, gingival recession, presence or absence of calculus and bleeding on probing. The salivary flow was evaluated through the volume of saliva stimulated. Kolmorov-Smirnov test was used to verify the normality of the sample, followed by Kruskall-Wallis test and multivariate analysis by linear regression models (p <0.05). In eutrophic group, the sites of 0 to 3 mm probing depth and recession were higher prevalence and in obese groups, 4 mm probing depth and recession were higher(p <0.05), being slightly higher in hypertensive obese patients (HOP).In addition, there was greater tooth loss in HOP, with a significant difference between groups (p<0.05). GBI and prevalence of sites with bleeding on probing were higher in the obese groups (p<0.05), and were slightly higher in HOP. Calculus presence was higher in the obese patients (p>0.05). All groups showed similar volumes of stimulated saliva. It can be concluded that obese patients present the higher depth probing and major number of bleeding sites than the eutrophic group, however without difference between presence or absence of hypertension.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-08-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.