• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.25.2019.tde-05102021-143739
Documento
Autor
Nome completo
Raquel Sampaio Agostinho
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2019
Orientador
Banca examinadora
Alvarenga, Katia de Freitas (Presidente)
Amantini, Regina Celia Bortoleto
Martins, Carlos Henrique Ferreira
Meyer, Adriana Sampaio de Almeida
Título em português
Saúde auditiva infantil na rede de saúde pública: é uma realidade?
Palavras-chave em português
Epidemiologia
Perda auditiva
Recém-nascido
Saúde pública
Resumo em português
Dentro do contexto da saúde auditiva, a triagem auditiva neonatal é a primeira etapa para se estruturar um Programa de Saúde Auditiva que permita a identificação, diagnóstico e intervenção da deficiência auditiva nos primeiros meses de vida. O objetivo deste estudo foi analisar a Rede de Cuidados em Saúde Auditiva Infantil, nas etapas da Triagem Auditiva Neonatal e diagnóstico audiológico desenvolvida na região do DRS VI. O estudo foi desenvolvido por etapas, considerando como primeira etapa, a análise na perspectiva das instituições responsáveis da triagem auditiva neonatal e do gestor municipal, para tal utilizou-se aplicação de questionário online enviados às maternidades e secretarias municipal de saúde, pertencentes ao DRS VI. Na segunda etapa, analisou-se o cenário na perspectiva de dois serviços de referência em saúde auditiva, por meio da utilização da ferramenta do sistema CROSS e análise do perfil da demanda em um dos serviços de saúde auditiva, no período de agosto de 2017 a dezembro de 2018. Com as informações obtidas, observou-se que tanto as maternidades quanto às secretarias municipais de saúde apresentam ações e buscam estratégias para possibilitar o diagnóstico precoce de crianças na faixa etária de 0 a 3 anos de idade. Em relação aos serviços de saúde auditiva, constatou-se que apresentaram características diferentes no que se refere ao perfil das crianças encaminhadas, uma vez que um deles recebe, exclusivamente, crianças referenciadas de maternidades e o outro, crianças referenciadas de serviços de saúde em geral. No que se refere à análise específica de um dos serviços, observou-se que as crianças encaminhadas em consequência de falha na triagem auditiva, obteve-se o acesso, em sua maioria (61%), ao processo de diagnóstico audiológico antes dos três meses de idade. Da mesma maneira, mais da metade (67%) das crianças com perda auditiva concluíram o diagnóstico audiológico até os três meses de idade. Concluiu-se que existe um fluxo estabelecido entre maternidade e o serviço de referência em saúde auditiva. Entretanto, ainda, há ações que devem ser reestruturadas para que o acesso seja universal, com integralidade e equidade.
Título em inglês
Palavras-chave em inglês
Epidemiology
Hearing Loss
Newborn
Public Health
Resumo em inglês
Within the hearing health context, the newborn hearing screening is the first step to structure an auditory health program that allows the identification, diagnosis and the hearing loss intervention in the first months of life. The aim of this study was to analyze the Child Hearing care Network, in the newborn hearing screening stages and audiological diagnosis developed in the (Regional Health Department) DRS VI region. The study was developed in stages, considering as a first step, the analysis in the perspective from institutions responsible for newborn hearing screening and the municipal manager, for this purpose was used an online questionnaire sent to maternity hospitals and municipal secretariats of health, belonging to DRS VI. In the second stage, the scenario was analyzed from the perspective of two hearing health reference services through the CROSS system tool and analysis of the demand profile in one of the hearing health services, from August 2017 to December 2018. With the obtained information, it was observed that both maternity hospitals and municipal secretariats of health present actions and seek strategies to enable the early diagnosis of children aged 0 to 3 years old. Regarding the hearing health services, it was found that they presented different characteristics regarding the profile of the children referred, since one of them receives, exclusively, children referenced from maternities and the other, children referred from general health services. In relation to specific analysis of one of the services, it was observed that the children referred as a consequence of failure in the hearing screening, was obtained the access, mostly (61%), to the process of audiological diagnosis before three months aged. Similarly, more than half (67%) of the children with hearing loss completed the audiological diagnosis by the age of three months. It was concluded that there is an established flow between maternity hospital and the hearing health reference service. However, there are still actions that must be restructured in order for the access is universal, with integrality and equity.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-10-05
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.