• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.25.2012.tde-04062013-153835
Documento
Autor
Nombre completo
Maria Jaquelini Dias dos Santos
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Bauru, 2012
Director
Tribunal
Alvarenga, Katia de Freitas (Presidente)
Lamonica, Dionisia Aparecida Cusin
Ribeiro, Maria Valeriana Leme de M
Título en portugués
Implante Coclear em crianças com paralisia cerebral
Palabras clave en portugués
Implante coclear
Paralisia cerebral
Qualidade de vida
Resumen en portugués
Devido à segurança e resultados promissores observados no cenário da reabilitação auditiva por meio do implante coclear (IC), os critérios de indicação do IC puderam abranger outras crianças com desabilidades associadas à deficiência auditiva. Entre os grupos de crianças com desabilidades associadas à deficiência auditiva, destacam-se as crianças com paralisia cerebral como o grupo com melhores resultados após o IC. Este trabalho teve como objetivos estudar os resultados em audição, linguagem e comunicação após o uso do IC em crianças com PC e investigar se aspectos do desenvolvimento motor, desempenho funcional e nível de independência nas atividades de vida diária possuem relações no progresso com o IC. A casuística foi formada por um grupo de oito crianças com PC e usuárias de IC por no mínimo seis meses. As crianças foram avaliadas três vezes, com tempo total de acompanhamento de 24 meses. Os aspectos avaliados foram: audição, linguagem, comunicação, desenvolvimento motor, nível de independência e desempenho funcional em atividades diárias de Autocuidado (AC), Mobilidade (MOB) e Função Social (FS). Os principais procedimentos utilizados na avaliação foram: Categorias de Audição, Categorias de Linguagem Expressiva, Observação do Comportamento Comunicativo (OCC), Denver Development Screening Test (DDST II), Inventário de Avaliação Pediátrica de Incapacidade (PEDI). Todas as crianças apresentaram evolução com o implante coclear, quanto aos aspectos de audição, linguagem e comunicação, porém com ritmos diferentes. O desenvolvimento motor e o desempenho funcional em AC, MOB, e FS apresentaram progressos significativos entre os tempos de avaliação. O nível de independência, ou seja, a assistência do cuidador não apresentou evoluções significativas. Crianças com melhores pontuações na área de Linguagem do DDST II apresentaram as melhores pontuações na OCC e nas categorias de audição; bem como outras associações entre o desempenho auditivo e a função motora, social e habilidades de AC foram observadas. Houve progresso com o implante coclear para crianças com paralisia cerebral, porém de maneira individual para cada criança. A mensuração de aspectos de funcionalidade possibilitou a análise do desenvolvimento global da criança, análise esta importante para caracterizar a criança com paralisia cerebral e enriquecer as orientações dos pais. O IC pode proporcionar benefícios em audição e linguagem, os quais são os principais fatores para que seja possível estabelecer uma forma de comunicação. A habilidade de se comunicar favorece e atua como ponto principal na inclusão social de crianças com paralisia cerebral, e atua melhorando a qualidade de vida.
Título en inglés
Cochlear implant in children with cerebral palsy
Palabras clave en inglés
Cerebral palsy
Cochlear implant
Quality of life
Resumen en inglés
Due to safety and promising results observed in the setting of auditory rehabilitation by cochlear implant (CI), the indications of the CI started to include other children with hearing loss and additional disabilities. Among the groups of children with hearing loss and additional disabilities, the children with cerebral palsy (CP) showed the best results after the CI. The purpose of this study was study the benefits in hearing, language and communication after the use of CI, and investigate aspects of motor development, performance and level of independence in activities of daily living have relationships with the progress in CI. The group was formed by eight children with CP and CI users for at least six months. The children were assessed three times, with total follow-up of 24 months. The aspects evaluated were: hearing, language, communication, motor development, level of independence and functional performance in daily activities, in different areas: Self-care (SC), Mobility (MOB) and Social Function (SF). The main procedures used in the evaluation were: Observation of Communicative Behavior (OCC), Denver Development Screening Test (DDST II), Pediatric Evaluation of Disability Inventory (PEDI), the Hearing Categories and Categories of Expressive Language. All children developed the cochlear implant, in the matters of hearing, language and communication, but with different rates. The motor development and functional performance in SC, MOB, and FS showed significant progress from the time of assessment. The level of independence (caregiver assistance) did not show significant changes. Children with better language scores in the DDST II had the best scores in the OCC and in the hearing categories, as well as other associations between the auditory and motor function, social skills and SC were observed. The progress with the cochlear implant for children with cerebral palsy was possible, but with different rates for each child. The measurement of aspects of functionality provided an overall analysis of the child, and this is important to describe the child with cerebral palsy and enrich the guidance of parents. The CI provided benefits in hearing and language, which are the main factors to establish a form of communication. The ability to communicate is a positive factor and acts as a main point in the social inclusion of children with cerebral palsy, improving quality of life.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2013-06-06
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2022. Todos los derechos reservados.