• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.23.2021.tde-26082021-155713
Documento
Autor
Nome completo
Isadora Júlia Rabelo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2021
Orientador
Banca examinadora
Coto, Neide Pena (Presidente)
Carvalho, Giorgia Borges de
Dias, Reinaldo Brito e
Pinho, João Pedro dos Santos Ferreira Moreira de
Título em português
Avaliação dos fatores psicossociais de disfunção temporomandibular em atletas utilizando o eixo II do RDC/TMD
Palavras-chave em português
Atletas
Depressão
Dor Crônica
Síndrome da Disfunção da Articulação Temporomandibular
Resumo em português
A Disfunção Temporomandibular é de etiologia multifatorial, envolvendo aspectos psicológicos, como depressão, ansiedade e somatização, podendo levar a um comprometimento da qualidade de vida do individuo. No atleta, para garantir um bom desempenho, é importante tanto o campo físico quanto mental estarem saudáveis. O objetivo desse estudo foi avaliar através do eixo II do questionário RDC/TMD os fatores psicossociais de DTM, os tipos de modalidade esportiva - individual e coletiva e o tempo de prática do individuo. O questionário foi aplicado de forma online e 132 atletas responderam. Foi possível observar uma correlação linear negativa (r= -1) dentro da análise estatística, em todas as variáveis e a associação entre as variáveis "tempo de prática e depressão" apresentou significante em todos os grupos (total da amostra, esportes individuais e esportes coletivos), com o valor de p= 0,011, p= 0,032 e p= 0,008, respectivamente. A associação entre "tempo de prática e somatização com dor" foi significante apenas no grupo total da amostra, com p= 0,041. Pode-se concluir que o nível de depressão e a somatização com dor diminuíram significantemente à medida que o tempo de prática de esporte aumentou, sendo no esporte coletivo a correlação mais significante. Ademais, o nível de depressão aumentou à medida que o grau de dor crônica aumentou. Quanto ao tipo de modalidade esportiva, os indivíduos que praticam esportes individuais apresentaram maior nível de depressão e grau de dor crônica.
Título em inglês
Evaluation of the psychosocial factors for temporomandibular disorders in athletes using axis II of the RDC/TMD
Palavras-chave em inglês
Athletes
Chronic Pain
Depression
Temporomandibular Joint Dysfunction Syndrome
Resumo em inglês
Temporomandibular Dysfunction has a multifactorial etiology, involving psychological aspects, such as depression, anxiety and somatization, which can lead to an impairment of the individual's quality of life. To ensure a good performance of the athlete, it is important both the physical and mental fields to be healthy. The objective of this study was to evaluate through axis II of the RDC / TMD questionnaire the psychosocial factors of TMD, the types of sports - individual and collective and the individual's practice time. The questionnaire was applied online and 132 athletes answered. It was possible to observe a negative linear correlation within the statistical analysis and the comparison between the variables "time of practice and depression", and "time of practice and somatization" presented a significant statistical result. It can be concluded that the level of depression increased as the degree of chronic pain increased. As for the type of sport, individuals who practice individual sports had a higher level of depression and a degree of chronic pain. As for the practice time, the level of depression and somatization decreased as the practice time increased.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-09-30
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.