• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.23.2013.tde-13092013-183828
Documento
Autor
Nome completo
Simone Saldanha Ignacio de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Frigerio, Maria Luiza Moreira Arantes (Presidente)
Bonachela, Wellington Cardoso
Duarte, Marcos
Graça, Tereza Cristina Almeida
Nakazone Junior, Sergio
Título em português
Efeitos do uso da placa oclusal sobre o equilíbrio postural em indivíduos dentados, não reprogramados, com sinais e sintomas de desordem temporomandibular diagnosticados pelo RDC/TMD e ressonância magnética
Palavras-chave em português
Desordem temporomandibular
Equilíbrio postural
Placa oclusal
Qualidade de vida
Quedas
Resumo em português
A desordem temporomandibular (DTM) de origem multifatorial pode estar associada a fatores oclusais e também a alterações posturais. O objetivo desse estudo foi investigar os efeitos do uso da placa sobre o equilíbrio postural em indivíduos dentados, não reprogramados, com sinais e sintomas de desordem temporomandibular (DTM). Colaboraram com a pesquisa 70 pacientes (59 placa e 21 controle), entre 18e 84 anos, de ambos os gêneros, diagnosticados com DTM por meio do questionário do RDC/TMD além de ressonância magnética da articulação temporomandibular. O estudo foi de ensaio clínico, randomizado, controlado, prospectivo e de intervenção. Foram respondidos os questionários de risco de quedas - FES-I e de qualidade de vida - SF-36 antes que fosse realizada a avaliação do equilíbrio postural por meio da plataforma de força. Cumprida estas etapas eram feita a randomização: o grupo da amostra recebia placa oclusal com critérios de estabilidade oclusal além de orientação para que fizesse exercícios terapêuticos, enquanto o grupo controle era orientado para fazer apenas exercícios terapêuticos. Após 12 semanas, os dois grupos eram reavaliados. A análise estatística foi feita por frequências, avaliação da associação entre grupos por teste de Fisher; medidas quantitativas considerando por média, mediana, desvio padrão, percentis 25 e 75 além de valores máximo e mínimo; as comparações entre os tempos fez uso de teste não paramétrico de Wilcoxon enquanto a entre grupos usou o teste de Mann-Whitney, com nível de significância de 5%. O total de pacientes, que completou o estudo de risco de queda e qualidade de vida, era composto por 77% de mulheres, com média de idade de 42,5 anos. Os itens significantes do risco de queda contribuíram para reduzir a preocupação em cair da mesma forma que os de qualidade de vida auxiliaram o aumento dos domínios saúde mental, dor e vitalidade. Dos setenta pacientes, 64 completaram o RDC/TMD (47 placa e 17 controle), com diferenças significativas no que diz respeito ao diagnóstico de dor miofascial, deslocamento do disco, artralgia direita e esquerda, grau de dor crônica, depressão esomatização relacionada a placa. Dentre os mesmos 70 pacientes, 49 completaram o estudo sobre o equilíbrio postural (36 placa e 13 controle), que apresentou aumento significante na velocidade anteroposterior do CP nas condições olhos abertos e fechados (VAPoa e VAPof), durante a postura em pé no grupo placa. Concluiu-seque o uso da placa foi eficaz no tratamento da DTM sendo que seu efeito pode ser observado no equilíbrio postural a ponto de diminuir a preocupação em cair além de melhorar os domínios de saúde mental e dor, com consequente repercussão sobre a qualidade de vida.
Título em inglês
Effects of using occlusal splint on postural equilibrium in dentate, non-reprogrammed, individual with signs and symptoms of temporomandibular disorder diagnosed via RDC/TMD and magnetic-resonance imaging
Palavras-chave em inglês
Accidental falls
Occlusal splints
Postural balance
Quality of life
Temporomandibular joint disorders
Resumo em inglês
Temporomandibular disorder (TMD) of multifactorial origin may be associated with occlusal factors but also with changes in posture. The objective of this study was to investigate the effects of the use of the occlusal splint on the postural equilibrium of non-reprogrammed, dentate individual with signs and symptoms of temporomandibular disorder. The research group consisted of 70 patients (59 with occlusal splints, 21 in the control group) between 18 and 84 years of age, of both genders, diagnosed with TMD by way of the RDC/TMD questionnaire and magnetic-resonance imaging of the temporomandibular joint. The research was performed via a randomized, controlled, prospective clinical study and intervention. The questionnaires regarding risk of falls - FES-I and quality of life - SF-36 were filled out before evaluating postural equilibrium by way of a force platform. In the randomization, the sample group received occlusal splint, occlusal-stability criteria, and advice about therapeutic exercises; the control group only received advice about therapeutic exercises. After 12 weeks, the groups were re-evaluated qualitatively by frequency, evaluation of the association between the group via Fisher testing; quantitatively via average, median, standard deviation, 25 and 75 percentiles, and minimum and maximum values; comparison between the times via non-parametric Wilcoxon testing and between the groups via Mann-Whitney testing with a threshold of significance of 5 %. Of the universe of the patients who completed the risk-of-fall and quality-of-life study, 77 % were women with an average of of 42.2 years. The items that were significant to the risk of falling contributed to reducing fear of falling, and those significant to quality of life to increasing the domains of mental health, pain, and vitality. Out of the 70 participants, 64 completed the RDC/TMD (47 occlusal splint and 17 controls) with differences that were significant to the diagnosis of miofascial pain, slipped disc, left and right arthralgia, degree of chronic pain, depression, and somatization related to the oclusal splint. Of the 70, 49 completed the postural-equilibrium study (36 occlusal splint and 13 controls), a significant increase in anteroposterior speed of the COP with eyes open and eyes closed (AVPeo and AVPec) occurring in the oclusal splint group while standing. It is therefore concluded that use of the oclusal splint was efficacious in the treatment of TJM and that there was an effect on the postural equilibrium, with improvement occurring in regards to fear of falls and in the domains of mental health, pain, and the quality of life.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-10-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.