• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.23.2009.tde-08042009-153254
Documento
Autor
Nome completo
Mariana Trigueiro Viana Batista
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Melani, Rodolfo Francisco Haltenhoff (Presidente)
Daruge Júnior, Eduardo
Ortega, Karem Lopez
Título em português
Estimativa de idade através dos estágios de mineralização dentária em indivíduos portadores do HIV
Palavras-chave em português
Dentes
Estimativa de idade
HIV
Odontologia Legal
Resumo em português
O objetivo deste estudo foi estimar a idade dentária e compará-la com a idade cronológica de crianças HIV+ com finalidade odontolegal, utilizando o método de estimativa da idade, baseado no estudo dos estágios de desenvolvimento dos elementos dentários da dentição permanente. Além disso, verificamos a relação entre a infecção pelo HIV e os efeitos da terapia anti-retroviral na cronologia de mineralização dentária destas crianças. Foram analisados, retrospectivamente, prontuários odontológicos e radiografias panorâmicas de 50 pacientes pediátricos infectados pelo HIV, 25 do sexo feminino e 25 do sexo masculino, entre 37 a 168 meses de idade. Através dessas radiografias, a idade dentária foi estimada com o auxílio do software Cronologia de Mineralização, que utiliza o método de Nicodemo, Moraes e Médici Filho (1974) e, em seguida, comparada com a Idade Real (IE). A média da Idade Estimada (IE) foi significativamente menor do que a média da IR para o total da amostra (p<0,01), ocorrendo uma subestimativa. Houve diferença estatística entre as crianças que recebiam drogas anti-retrovirais e as que não faziam uso de qualquer droga (p=0,02), ou seja, os indivíduos não tratados apresentaram diferença entre IR e IE de praticamente zero, enquanto os tratados apresentaram uma diferença de 10,67 meses. Na amostra observada, concluímos que a IE das crianças infectadas apresentou-se atrasada em relação à IR para o amostra total e que houve uma relação entre o uso da terapia anti-retroviral com um atraso na cronologia da mineralização dentária nas crianças HIV+.
Título em inglês
Estimativa de idade através dos estágios de mineralização dentária em indivíduos portadores do HIV
Palavras-chave em inglês
Age estimation
Forensic Dentistry
HIV
Teeth
Resumo em inglês
The purpose of this study was to estimate the dental age and compare it to the chronological age of the HIV+ children for legal issues, using a method of age determination based on a study of the stage of development of the permanent teeth. In addiction we studied the relationship of HIV and the side effects of the antiretroviral therapy on the chronology of tooth formation of these children. Dental records, along with their panoramic radiographies of 50 pediatric patients infected with the HIV were analyzed, 25 males and 25 females, with ages between 37 months to 168 months. With these radiographies, the dental age was estimated with the aid of software Mineralization Chronology, witch used the method of Nicodemo, Moraes and Médici Filho (1974), and than compared with the Real Age (RA) of the patient. The mean Estimated Age (EA) was significantly lower than the mean RA in the entire studied sample (p<0.01), leading to an underestimated age prediction. There was a statistical difference between children who received antiretroviral drugs and those who used no drugs (p=0.02), i.e., the non treated individuals presented practically no difference between RA and EA, while the treated patients showed a difference of 10.67 months. From these results, we conclude that there is an underestimated age prediction for patients infected with HIV, or that the (EA) was delayed compared to the (RA) for the total sample, and there was a positive association between the use of antiretroviral therapy and a delay in the chronology of dental mineralization in the sample.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2009-06-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.