• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
https://doi.org/10.11606/T.23.2019.tde-09072020-111849
Documento
Autor
Nombre completo
Helena Regina Tornelli
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2019
Director
Tribunal
Rocha, Rodney Garcia (Presidente)
Kanegane, Kazue
Luchetti, Maria Aparecida Borsatti
Prado, Gustavo Faibischew
Título en portugués
Análise da variabilidade da frequência cardíaca (VFC), cortisol e alfa amilase em cirurgias de exodontia de terceiros molares inferiores
Palabras clave en portugués
Alfa-amilase
Ansiedade ao tratamento odontológico
Cortisol
Marcadores não-invasivos de estresse
Terceiro molar
Variabilidade da frequência cardíaca
Resumen en portugués
Este estudo objetivou avaliar as possíveis associações com parâmetros objetivos, como cortisol e alfa-amilase salivares e a Variabilidade da Frequência Cardíaca (VFC) na eminência de procedimentos odontológicos. A amostra foi constituída de 30 pacientes com indicação para exodontia de terceiros molares inferiores erupcionados, caracterizada quanto ao gênero, idade, escolaridade, renda familiar, evento traumático prévio, intensidade de dor e ansiedade ao tratamento odontológico. Para avaliação do cortisol e da alfa-amilase foram utilizados kits de coleta salivar e dados da VFC, obtidos após processamento dos intervalos RR, registrados com o frequencímetro portátil Polar RS800, em três momentos: entrevista, cirurgia e pós-operatório. Foram analisadas as variáveis do domínio tempo (SDNN e rMSSD) e frequência (razão LF/HF). Nesta amostra de voluntários saudáveis, a ansiedade ao tratamento odontológico e o antecedente de experiências traumáticas não se mostraram correlacionados à maior intensidade de dor pós-operatória. Apenas três pacientes foram classificados como ansiosos e quatro relataram algum evento prévio. Estes pacientes foram reunidos em um grupo. Não houve diferença significativa entre este grupo e os não ansiosos em relação às categorias sócio demográficas e dor pós-operatória. Não houve correlação estatisticamente significativa entre as concentrações de alfa-amilase e cortisol com os valores das variáveis de VFC, nos três dias estudados. As variáveis estudadas também não expressaram alteração evolutiva com significância estatística. O estudo de marcadores não invasivos de estresse vem ganhando importância na detecção precoce das respostas autonômicas frente a situações potencialmente estressoras, como cirurgias odontológicas.
Título en inglés
Analysis of heart rate variability (HRV), salivary cortisol and alpha-amylase in surgeries removal of lower third molar
Palabras clave en inglés
Alpha-amylase
Cortisol
Dental anxiety
Heart rate Variability
Non-invasive stress markers
Third molar
Resumen en inglés
This study aimed to evaluate possible associations with objective parameters such as salivary cortisol and alpha-amylase and heart rate variability (HRV) in the eminence of dental procedures. The sample consisted of 30 patients with indication for surgery of erupted inferior third molar, characterized by gender, age, educational level, family income, traumatic previous event, pain intensity and dental anxiety. For evaluation of cortisol alpha-amylase we used saliva extracting kits and data from the HRV, obtained after the processing of the RR intervals that were registered using a portable frequency meter Polar RS800 in three different moments: interview, surgery and post-surgery. Time (SDNN e rMSDD) and frequency (the LF/HF ratio) domain variables were analyzed. In this sample of healthy volunteers, the dental anxiety and previous traumatic experiences were shown not to be related to the higher pain intensity after the surgery. Only three patients were classified as anxious and four of them reported some previous event. These patients were gathered in a group. There was no significant difference between this group and the one classified as no dental anxiety in relation to the social-demographic and post-surgery pain categories. There were no statistical correlations between the levels of cortisol and alpha-amylase and the HRV parameters in the three days of study. The studied variables also do not express evolutionary change with statistic significance. The study of noninvasive stress markers has been gaining importance in the early detection of autonomous responses related to potentially stressful situations, such as dental surgeries.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2020-09-14
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2022. Todos los derechos reservados.