• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.23.2013.tde-20022014-160703
Documento
Autor
Nome completo
Felipe Perozzo Daltoé
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Pobocik, Andrea Mantesso (Presidente)
Corrêa, Luciana
Isaac, Cesar
Okamoto, Oswaldo Keith
Santos, Marinilce Fagundes dos
Título em português
Isolamento, caracterização e análise da resposta à injúria de células tronco epiteliais da mucosa bucal humana
Palavras-chave em português
Alteração do fenótipo
Células epiteliais
Células-tronco
Resposta ao trauma
Resumo em português
Avanços na identificação e caracterização de diferentes populações de célulastronco tem melhorado as perspectivas do seu uso clínico. A maioria dos estudos obtêm as células-tronco com base na expressão de marcadores de superfície celular e testa as suas propriedades por meio de ensaios funcionais in vitro e in vivo. Na presente pesquisa foram isoladas diferentes populações de células epiteliais com base na expressão de dois marcadores de células-tronco epiteliais descritos pela literatura, o receptor de neurotrofina p75 (p75NTR) e o receptor de transferrina 1 (CD71). Uma vez isso feito, foi avaliado a co-expressão de outros marcadores de células-tronco epiteliais, como as integrinas 6 e 1, e realizado ensaios de eficiência de formação de colônias, potencial de crescimento celular, capacidade de reconstrução epitelial in vitro, análise da resposta ao trauma e avaliação da capacidade de auto renovação. Os resultados mostram que as células p75NTR+ tem um desempenho funcional melhor do que as p75NTR- na maioria dos ensaios funcionais realizados, exceto pela capacidade de responder ao trauma e de se autorenovar. Ademais, comprovou-se que células p75NTR+ expressam em maior proporção as integrinas 6 e 1 e que o isolamento de células por dupla marcação (p75NTR+CD71-) possibilita a obtenção de uma população de células epiteliais ainda mais enriquecida com estes marcadores. No entanto, foi observado também que independentemente da população celular estudada e do tempo em cultivo, as populações de células epiteliais alteraram drasticamente o seu fenótipo quando de tal forma que as populações celulares inicialmente positivas se tornaram majoritariamente negativas e que as populações celulares inicialmente negativas passaram a ter células positivas em seu meio.
Título em inglês
Isolation, characterization and response to damage of humam epithelial stem cells from human oral mucosa
Palavras-chave em inglês
Epithelial cells
Phenotype changes
Response to damage
Stem cells
Resumo em inglês
Recent advances in cell sorting and characterization technics of stem cells have provided new insights and perspectives for clinical applications of this particular cell population. Most of the studies isolat stem cells based on the expression of cell surface markers and evaluate their stem cells-like proprieties by performing in vitro and in vivo assays. Here we isolated different populations of keratinocytes based on the expression of the epithelial stem cell markers neurotrophin receptor p75 (p75NTR) and transferrin receptor 1 (CD71). The co-expression of other epithelial stem markers such as integrins 6 and 1 was also assessed and in vitro functional assays such as colony-forming efficiency; long-term growth potential, in vitro epithelial reconstruction-capacity and response to damage and self-renew capacity. Our results showed that p75NTR+ve cells have better functional proprieties in most of the assays however they did not respond to damage nether presented self-renew capacity. Additionally, p75NTR-ve cells express higher percentage of other epithelial stem cell markers such as integrins 6 and 1 when compared to p75NTR-ve cells and the double staining (p75NTR+veCD71-ve) contributes to isolate a more enriched cell population based on the expression of the integrins. Nevertheless, independently of the cell population or of the amount of time in culture, cells have changed dramatically their phenotype in a way that the cell population initially p75NTR+ve lost the expression of the p75NTR and the negative population have gained it.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-03-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.