• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.22.2011.tde-28112011-161630
Documento
Autor
Nome completo
Fernanda Mara Coelho Cardozo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2011
Orientador
Banca examinadora
Sawada, Namie Okino (Presidente)
Santos, Jair Licio Ferreira
Sonobe, Helena Megumi
Título em português
A influência da depressão e fadiga na qualidade de vida dos pacientes oncológicos submetidos à quimioterapia
Palavras-chave em português
depressão
fadiga
paciente oncológico
qualidade de vida
tratamento quimioterápico
Resumo em português
O objetivo deste estudo foi avaliar a frequência e o grau de fadiga e depressão nos pacientes oncológicos submetidos a tratamento quimioterápico, no início, no meio e no final do tratamento e determinar a influência destes sintomas na qualidade de vida destes pacientes. Trata-se de um estudo descritivo prospectivo, com abordagem quantitativa e foram utilizados os instrumentos para levantar os dados sócio-demográficos e clínicos, Escala de Fadiga de Piper- revisada, Inventário de depressão de Beck e o Instrumento da Organização Européia de Pesquisa e Tratamento do Câncer - EORTC QLQ C30, para avaliar respectivamente a fadiga, depressão e qualidade de vida relacionada a sáude nos três momentos. Verificou-se que os instrumentos foram confiáveis para a amostra estudada. Amostra inicial foi constituída de 40 pacientes, sendo que 34 pacientes foram avaliados nos três momentos. Quanto as características sócio-demográficas e clínicas, verificou-se homogenia em relação ao sexo; houve um predominio de pacientes acima de 40 anos, casados, nível de escolaridade fundamental, religião católica e em relação ao diagnóstico, houve um predomínio de cancer gastrointestinal nos homens e cancer de mama nas mulheres. Os resultados demonstraram aumento da frequencia de fadiga e depressão nos três momentos. A depressão aumentou em torno de 10,15% dos pacientes do primeiro até o terceiro momento e a fadiga houve um aumento de 59,7% dos pacientes do primeiro até o terceiro momento. O conjunto dos resultados permitiu visualizar aumento da frequência de fadiga e depressão nos pacientes oncológicos submetidos a tratamento quimioterápico nos três momentos e uma influencia negativa de ambos na qualidade de vida destes pacientes.
Título em inglês
The influence of depression and fatigue on quality of life of cancer patients who underwent chemotherapy
Palavras-chave em inglês
cancer patients
chemotherapy
depression
fatigue
quality of life
Resumo em inglês
The aim of this study was to assess the frequency and degree of fatigue and depression in cancer patients who underwent chemotherapy. The assessment was conducted at the beginning, middle and end of treatment to determine the influence of symptoms on quality of life of these patients. This is a descriptive and prospective study with a quantitative approach. Data was collected using socio-demographic and clinical data, revised Piper Fatigue Scale, Beck Depression Inventory and the European Organization Research and Treatment of Cancer Quality of Life Questionnaire C30 - EORTC QLQ C30, respectively used to assess fatigue, depression and quality of life related to health at the three mentioned moments. The instruments were reliable for the studied sample. The study started with 40 patients, 36 of them were assessed at the three moments. Regarding socio-demographic and clinical data, gender was homogenous, most were 40-years-old or older, were married, studied an average of 8 schooling years and were catholic. Most men were diagnosed with gastrointestinal cancer and most women were diagnosed with breast cancer. Results showed increased fatigue and depression frequency at the three moments. At the third moment, depression had increased in 10.15% patients and fatigue had increased in 59.7% of patients. The pooled results allowed visualizing the increase in frequency of fatigue and depression in cancer patients who underwent chemotherapy at the three assessed moments, and a negative influence of both on the quality of life of these patients.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-01-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.