• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.22.2017.tde-18072017-084819
Documento
Autor
Nome completo
Márcio Mielo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2016
Orientador
Banca examinadora
Corrêa, Adriana Katia (Presidente)
Fernandes, Carla Natalina da Silva
Marin, Maria José Sanches
Sordi, Mara Regina Lemes de
Souza, Maria Conceição Bernardo de Mello e
Título em português
Educação permanente na academia como estratégia de formação docente: perspectivas de docentes e preceptores
Palavras-chave em português
Docentes
Educação continuada
Educação superior
Resumo em português
A necessidade de formação docente para atuação no ensino superior se intensifica a partir da promulgação da LDB 9394/96 e das Diretrizes Curriculares Nacionais, sendo uma preocupação no cenário nacional e internacional. A presente investigação teve como objetivo analisar, a partir dos docentes e preceptores dos cursos de medicina e enfermagem da Famema, as perspectivas que têm em relação à Educação Permanente na Academia (EPA) como estratégia de formação docente no contexto do SUS. Trata-se de uma pesquisa qualitativa de natureza descritiva, tipo estudo de caso, realizada em uma instituição de ensino superior no estado de São Paulo que oferta os cursos de medicina e enfermagem. Foi realizada entrevista semi-estruturada com 26 docentes e preceptores de diferentes formações da área da saúde. A análise dos dados foi fundamentada na análise de conteúdo proposta por Bardin (2011). Foram configuradas as seguintes categorias temáticas: EPA como espaço de formação docente; EPA enquanto processo grupal; EPA como instrumento de gestão e EPA e a integração ensino-serviço. Desenvolvida desde 2003, a EPA se configura como um potente espaço para formação docente em saúde a partir da reflexão da prática pedagógica desenvolvida junto aos estudantes. É desenvolvida por meio do grupo operativo no referencial de Pichon-Rivièri em sintonia com a metodologia da problematização proposta por Paulo Freire. Há resistências na participação de alguns docentes, o que é inerente do processo grupal. Os facilitadores do processo de EPA precisam se qualificar nos aspectos relacionados ao desenvolvimento grupal e ao currículo proposto. É um espaço institucionalizado reconhecido por muitos docentes, sendo a troca de experiências bastante valorizada, havendo, porém, a necessidade de apropriação de fundamentação teórica que possibilite saltos qualitativos consistentes para a formação docente em saúde. Conta com a participação de representantes do serviço que compõem os cenários de aprendizagem da atenção básica, fortalecendo a integração ensino-serviço, propiciando um espaço de formação coletiva. A gestão não explora suficientemente a EPA como ferramenta de gestão importante para mudanças necessárias na formação e nos serviços. Apreende-se a necessidade de, coletiva e institucionalmente, ser realizado permanente questionamento sobre o desenvolvimento da EPA, em termos de concepções e práticas, na direção do apoio efetivo às transformações do cuidado e de gestão em saúde, via processos formativos docentes problematizadores e compromissados socialmente
Título em inglês
Permanent Education in the Academy as a strategy to the professor formation: perspectives of professors and preceptors
Palavras-chave em inglês
Education continuing
Education higher
Faculty
Resumo em inglês
The need of the formation of a professor to work in college is intensified through the promulgation of LDB 9394/96 and the Nacional Curricular Guidelines, being a a worry for the national and international scenario. This investigation has the goal to analyse, through professors and preceptors in the Nursing and Medicine course in Famema, the perspectives in the Permanent Education in the Academy (PEA) as a strategy to in the formation of the professor in SUS. It's about a descriptive qualitative nature research, like case study, applied in an institution in São Paulo State, that offers the courses of Nursing and Medicine. A semi-structed interview with 26 professors and preceptors in many different formations in the Health care system was done. The analyses of the data was fundamented in the analyses of the content proposed by Bardin (2011). It was configured the followed categories: PEA as a formation environment; PEA as a group process; PEA as management instrument and PEA and the integration teaching-work. Developed since 2003, the PEA is configured as a great space in the formation of a professor in Health courses through the reflection of the pedagogical practice developed with the students. It's developed by a operative group in the Pichon- Rivièri benchmark in synthon with the methodology of the problematization in the Paulo Freire's proposal. There is a resistance in the participation of some professor, which is inherent to the group process. The facilitators in the PEA process need to qualify in the aspects that relate to the group development and the proposed curriculum. It's a institutionalized space known by many teachers, in which, the exchange of experience is vary valuable, although, it is needed the appropriate theoric fundamention to enable consistent qualitative jumps to the professor's formation in the Health education system. Count on the participation of the representatives of the service that compound the scenario of basic attention education, fortifying the integration in teaching-work, providing an space to the collective formation. The management doesn't explore enough the PEA as a managing tool to necessary changes in the formation and in services. It's seized the need to, collective and institutionally, be carried out the questioning of the PEA development, in conceptions and practical terms, in a direction of the effective support to the care transformation and health managing, through problematizator- social-committed process in the formation of the professor
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
MARCIOMIELO.pdf (1.88 Mbytes)
Data de Publicação
2017-08-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2023. Todos os direitos reservados.