• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.22.2019.tde-06112018-213022
Documento
Autor
Nombre completo
Larissa Roberta Alves
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Ribeirão Preto, 2018
Director
Tribunal
Chaves, Lucieli Dias Pedreschi (Presidente)
Henriques, Sílvia Helena
Oliveira, Marília Pilotto de
Silva, Eliete Maria
Título en portugués
Limitações e potencialidades da supervisão de enfermagem na atenção hospitalar
Palabras clave en portugués
Enfermagem
Hospitais
Organização e Administração
Supervisão de enfermagem
Resumen en portugués
A supervisão de enfermagem é um instrumento gerencial, capaz de influenciar na dinâmica dos serviços de saúde, em particular, no Centro de Terapia Intensiva, cenário de alta complexidade e dependência assistencial, que conta com especificidades na interação e organização do trabalho com foco no cuidado. Nesse sentido, apropriar-se de instrumentos gerenciais pode favorecer o trabalho do enfermeiro. Destaca-se a potencialidade da supervisão de enfermagem, particularmente sob uma perspectiva colaborativa, participativa e educativa, para alcançar os melhores resultados assistenciais. Nesse sentido, este estudo teve como objetivo analisar as limitações e as potencialidades do exercício da supervisão de enfermagem, segundo a perspectiva de enfermeiros do Centro de Terapia Intensiva. Trata-se de estudo descritivo, de abordagem qualitativa, utilizando a Técnica do Incidente Crítico. A amostra foi composta por 17 enfermeiros de dois Centros de Terapia Intensiva de um hospital público do interior paulista. As entrevistas semiestruturadas ocorreram do período de maio a junho de 2017, foram gravadas com o auxílio de dois gravadores digitais e transcritas pela própria pesquisadora. Em seguida, realizou-se a sistematização dos dados, utilizando-se planilhas eletrônicas no Microsoft Excel, para identificação de situações, comportamentos e consequências dos incidentes críticos, bem como síntese acerca de instrumentos e desafios para supervisão. A pesquisa cumpriu os preceitos da Resolução 466/12. Das entrevistas emergiram 32 situações das quais 13 (40,6%) receberam referências positivas e 19 (59,4%) negativas, que foram agrupadas nas categorias: Cuidado, Relacionamento Interpessoal e Gerenciamento do Cuidado. Foram levantados 177 comportamentos sendo 114 (64,4%) positivos e 63 (35,6%) negativos, reunidos nas categorias: Cuidar, Gerenciar o Cuidado, Relacionar-se, Comunicar. Foram identificadas 67 consequências, destas 46 (68,6%) positivas e 21 (31,4%) negativas compiladas nas categorias Cuidado, Relacionamento Interpessoal e Gerenciamento do Cuidado. Foi possível identificar os instrumentos utilizados pelos enfermeiros para o exercício da supervisão, com destaque para a observação direta, a análise de registro e a checagem de prescrição. Destacam-se os desafios relatados: multiplicidade de tarefas realizadas pelo enfermeiro, relacionamento interpessoal e pouco tempo de experiência na profissão, além do embate entre os profissionais. Os dados evidenciaram elementos presentes no cotidiano dos enfermeiros que limitam e potencializam a prática da supervisão de enfermagem. Dentre as potencialidades identificadas, destacam-se: a colaboração entre os membros da equipe de enfermagem; o engajamento e a sinergia da equipe, o relacionamento interpessoal, o fornecimento de feedback oportuno. Como limitações para a supervisão foram identificadas: a fragilidade no vínculo entre os profissionais; a relação conflituosa entre os membros da equipe; os conflitos e o despreparo dos enfermeiros para desenvolver a supervisão de enfermagem. Ressalta-se a relevância dos aspectos relacionais entre os membros da equipe de enfermagem permeando a supervisão de enfermagem, bem como o incipiente enfoque educativo dado a esse instrumento gerencial no cenário de estudo. A partir das limitações identificadas no exercício da supervisão de enfermagem entende-se pertinente investir em estratégias de intervenção para superação desse quadro, bem como incrementar ações que reforcem os aspectos favoráveis apresentados
Título en inglés
Limitations and potentialities of nursing supervision in hospital care
Palabras clave en inglés
Hospitals
Nursing
Nursing supervision
Organization and Administration
Resumen en inglés
Nursing supervision is a management tool capable of influencing the dynamics of health services, particularly in the Intensive Care Center, a scenario of high complexity and care dependence, which has specific interactions and work organization focused on care. In this sense, it is understood that the appropriation of management tools can favor the work of the nurse. It highlights the potential of nursing supervision, particularly from a collaborative, participatory and educational perspective, to achieve better care outcomes. In this way, this study aimed to analyze the limitations and potentialities of the nursing supervision exercise, according to the perspective of nurses of the Intensive Care Center. This is a descriptive study, of a qualitative approach, using the Critical Incident Technique. The sample consisted of 17 nurses from two ICCs of a public hospital in the interior of São Paulo. The semistructured interviews took place from May to June 2017, were recorded with the help of two digital recorders and transcribed by the researcher herself. Then, the data was systematized using spreadsheets in Microsoft Excel to identify situations, behaviors and consequences of critical incidents, as well as a synthesis of instruments and challenges for supervision. The research complied with the precepts of Resolution 466/12. From the interviews emerged 32 situations, of which 13 (40.6%) received positive referral and 19 (59.4%) negative, which were grouped into the categories: Care, Interpersonal Relationships and Care Management. A total of 177 behaviors were identified, 114 (64.4%) positive and 63 (35.6%) negative, in the following categories: Caring, Managing Care, Relating, Communicating. Have been identified 67 consequences, of these 46 (68.6%) positive and 21 (31.4%) negative compiled in the categories Care, Interpersonal Relationship and Care Management. It was possible to identify the instruments used by nurses for the exercise of supervision, with emphasis on direct observation, registry analysis and prescription checking. Stand out the challenges reported: multiplicity of tasks performed by the nurse, interpersonal relationship and little experience in the profession and conflict between professionals. The data showed elements present in the nurses' daily routine that limit and enhance the practice of nursing supervision. Among the potentialities identified, the following stand out: collaboration among members of the nursing team; engagement and synergy of the team, interpersonal relationship, provide opportune feedback. As limitations for supervision were identified: the fragility in the link between professionals; conflict relationship among team members; conflicts; unprepared nurses to develop nursing supervision. It is important to emphasize the relevance of the relational aspects among the members of the nursing team permeating the nursing supervision, as well as the incipient educational approach given to this management tool in the study scenario. From the limitations identified in the nursing supervision exercise, it is pertinent to invest in intervention strategies to overcome this situation, as well as to increase actions that reinforce the favorable aspects presented
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2019-01-14
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2022. Todos los derechos reservados.