• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Felipe Rodrigues dos Santos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Bicego, Marcia Caruso (Presidente)
Martins, César de Castro
Pivel, María Alejandra Gómez
Título em português
Reconstrução paleoceanográfica ao longo dos últimos 3000 anos na plataforma continental sudeste do Brasil: uma abordagem multiproxy em testemunho de alta resolução
Palavras-chave em português
Multiproxy
paleoceanografia
paleoclimatologia
Plataforma Continental Sudeste do Brasil
Resumo em português
Uma abordagem multiproxy [n-alcanos, alquenonas, n-alcanóis, esteróis, carbono orgânico total (COT) e δ13C] foi utilizada em amostras de testemunho sedimentar de alta resolução para avaliar variações paleoclimáticas e paleoceanográficas na região da Plataforma Continental de Sudeste do Brasil ao longo do Holoceno Tardio. O modelo de idade, obtido através da análise de 14C, demonstrou que o testemunho representa os últimos 2900 anos. A partir dos marcadores, principalmente os moleculares orgânicos, foi possível observar quatro diferentes fases ao longo do testemunho, com eventos característicos de cada fase. A primeira fase, entre a base do testemunho e 1800 anos antes do presente (AP), apresentou as concentrações mais altas de marcadores moleculares terrígenos, valores mais altos de COT e da taxa de sedimentação, além de apresentar um aumento nos valores da temperatura da superfície do mar (TSM). Com isso, essa fase foi relacionada a um regime pluviométrico mais intenso no continente adjacente provavelmente relacionado ao dipolo de temperatura entre os oceanos Atlântico nordeste e sudoeste e mudanças na intensidade da Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS), influenciado principalmente pela frequência de eventos El Niño Oscilação Sul (ENOS) e deslocamento da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) para regiões mais ao sul. A segunda fase, entre 1800 e 1600 AP, foi associado a um período de regime hidrodinâmico mais intenso, com um meandramento mais vigoroso da Corrente do Brasil (CB), dificultando a deposição de sedimentos finos na região e causando os percentuais mais altos da fração areia nesse período. A terceira fase, entre 1600 e 600 anos AP, foi caracterizada por uma mudança do aporte regional de material terrígeno proveniente de regiões mais ao sul da área de coleta do testemunho, provavelmente Rio da Prata, e transportado pela Corrente Costeira do Brasil (CCB), indicado pela presença dos marcadores moleculares e pela diminuição da TSM. A quarta fase, entre 600 anos AP e o topo do testemunho, apresentou um aumento gradual de marcadores marinhos e diminuição mais acentuada da TSM. Esse comportamento está relacionado a intensificação dos eventos de ressurgência na região entre a Ilha de São Sebastião e Cabo Frio, causada por regimes de vento NE e pela formação de meandros da CB. Os períodos correspondentes aos eventos Medieval Climate Change e Little Ice Age não apresentaram variações dos marcadores ou da TSM no testemunho analisado.
Título em inglês
Paleoceanographic reconstruction over the last 3000 years in the continental shelf southeast of Brazil: a multiproxy approach in a high resolution sediment core
Palavras-chave em inglês
Multiproxy
paleoceanography
paleoclimatology
Southeastern Brazilian Continental Shelf
Resumo em inglês
A multiproxy approach [n-alkanes, alkenones, n-alkanols, sterols, total organic carbon (TOC) and δ13C] was used in samples of a high resolution sediment core to evaluate paleoclimatic and paleoceanographic variations in the continental shelf region of Southeastern Brazil along the Late Holocene. The age model, obtained through the 14C analysis, demonstrated that the core represents the last 2900 years. Using the markers, especially the organic molecular ones, it was possible to observe four different phases along the core, with characteristic events of each phase. The first phase, between the base of the core and 1800 years before present (BP), presented the highest concentrations of terrigenous molecular markers, the highest values of TOC and sedimentation rate, in addition to an increase in the sea surface temperature (SST) values. This phase was related to a more intense pluviometric regime in the adjacent continent, probably related to the temperature dipole between the northeast and southwest Atlantic oceans and changes in the South Atlantic Convergence Zone (SACZ) intensity, mainly influenced by the frequency of El Niño-Southern Oscillation (ENSO) events and displacement of the Intertropical Convergence Zone (ITCZ) to more southern regions. The second phase, between 1800 and 1600 BP, was associated to a more intense hydrodynamic period, with a more vigorous meander of the Brazilian Current (BC), making the deposition of fine sediments difficult in the region and causing the highest percentages of the sand fraction in this period. The third phase, between 1600 and 600 years BP, was characterized by a change in the regional supply of terrigenous material, where it would come from regions further south from the sampling core area, probably Rio de la Plata, and transported by Brazilian Coastal Current (BCC), indicated by the presence of molecular markers and decreased of SST. The fourth phase, between 600 years AP and the top of the core, showed a gradual increase of marine markers and a more pronounced decrease of SST. These results are related to the intensification of resurgence events in the region between São Sebastião Island and Cabo Frio, caused by NE wind regimes and CB meander formation. The periods corresponding to the events Medieval Climate Change and Little Ice Age did not present variations of the markers or the SST in the analyzed core.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-06-28
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.