• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.21.2012.tde-10122012-162331
Documento
Autor
Nome completo
Caio Ribeiro Pimentel
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Soares, Lucy Satiko Hashimoto (Presidente)
Ferreira, Carlos Eduardo Leite
Uieda, Virginia Sanches
Título em português
Organização trófica da comunidade de peixes de poças de maré da Praia dos Castelhanos (ES), Atlântico sudoeste tropical
Palavras-chave em português
Brasil
Dieta
Entremarés
Grupos tróficos
Peixes recifais
Resumo em português
A identificação dos grupos tróficos é fundamental para a compreensão dos fatores responsáveis pela organização e estruturação das comunidades. Nesse sentido, o presente estudo foi realizado nas poças de maré da Praia dos Castelhanos, situada no estado do Espírito Santo, região sudeste do Brasil, com o objetivo de descrever a organização trófica da comunidade de peixes, sob a hipótese de que essa organização é influenciada pelas variáveis ambientais das poças. As amostras foram coletadas em seis poças de maré, em campanhas trimestrais entre os anos de 2005 e 2007. A descrição da composição das dietas foi baseada nos valores do Índice Alimentar dos itens alimentares de doze espécies representativas do ambiente. Os principais itens das dietas foram os crustáceos bentônicos, principalmente copépodes e anfípodes, as algas, basicamente algas de tufo, e os poliquetas errantes. Por meio de análises de agrupamento a partir dos valores do Índice Alimentar dos itens que compõem a dieta de cada espécie e utilizando-se o índice de similaridade de Bray-Curtis, foram identificados oito grupos tróficos, sendo cinco de espécies carnívoras, dois de onívoras e um de herbívoras. Propõe-se que os principais fatores relacionados à formação desses grupos tróficos são a convergência de espécies na utilização de recursos alimentares abundantes e a variação de presas principais em função do tamanho do predador, diferenças de micro-habitat e a especialização trófica das espécies. Os resultados das análises de correlação canônica permitiram relacionar a distribuição dos grupos tróficos nas poças de maré tanto com as condições físico-químicas quanto com a interação entre a disponibilidade de micro-habitats e as relações ecológicas entre as espécies. Conclui-se que a organização trófica da comunidade de peixes de poças de maré da Praia dos Castelhanos é de fato influenciada pelas características ambientais das poças.
Título em inglês
Trophic organization of the tidepool fish community of Praia dos Castelhanos (ES), southwestern tropical Atlantic
Palavras-chave em inglês
Brazil
Diet
Intertidal
Reef fishes
Trophic groups
Resumo em inglês
The identification of the trophic groups is fundamental to understanding the factors responsible for organizing and structuring the communities. Accordingly, the present study was conducted in the tidepools of Praia dos Castelhanos, located in the Espírito Santo State, southeastern Brazil, in order to describe the trophic organization of the fish community, under the assumption that this organization is influenced by the environmental variables of the pools. Samples were collected at six tidepools, in quarterly campaigns between 2005 and 2007. The description of the composition of the diets was based on the Feeding Index values of the food items of twelve species representative of the environment. The main items of the diets were benthic crustaceans, mainly copepods and amphipods, algae, basically turf algae, and errant polychaetes. Through cluster analysis from the values of the Feeding Index of food items that comprising the diet of each species and using the similarity index of Bray-Curtis, eight trophic groups were identified, five of carnivorous species, two of omnivorous and one of herbivorous. It is proposed that the main factors related to the formation of these trophic groups are the species convergence in the use of abundant food resources and variation in primary prey depending on the size of the predator, differences in microhabitat and trophic specialization of the species. The results of the canonical correlation analysis allowed relating the distribution of trophic groups in the tidepools with both the physicochemical conditions and the interaction between the availability of micro-habitats and the ecological relationships between the species. It is concluded that the trophic organization of the tidepool fish community of Praia dos Castelhanos is actually influenced by the environmental characteristics of the pools.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-01-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.