• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.18.2020.tde-10032020-132144
Documento
Autor
Nome completo
Nubia Gabriela Pereira Carvalho
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2019
Orientador
Banca examinadora
Cazarini, Edson Walmir (Presidente)
Hoffmann, Wanda Aparecida Machado
Moura, Daniel Braatz Antunes de Almeida
Título em português
Trabalho humano na indústria 4.0: percepções brasileiras e alemãs dos setores acadêmico e empresarial a respeito do trabalho de pessoas no novo modelo industrial
Palavras-chave em português
Indústria 4.0
Quarta Revolução Industrial
Setor Acadêmico
Setor Empresarial
Trabalho Humano
Resumo em português
A Indústria 4.0 ou Quarta Revolução Industrial é um iminente modelo que tem sido esperado e observado como disruptivo às características de manufatura verificadas até então. Este modelo industrial 4.0 inclui em si um extenso conjunto de tecnologias inteligentes, integradas e eficazes, capaz de realizar um pouco mais que o esforço físico produtivo. Tais tecnologias com potencial para realizar esforços produtivos, bem como receber, compartilhar e analisar dados e informações, e ainda capazes de atuar com autonomia, podem ser possíveis substituintes do trabalho humano. O objetivo deste trabalho consistiu em apurar as percepções de profissionais brasileiros e alemães, dos setores acadêmico e empresarial, quanto ao trabalho desempenhado por pessoas para o novo contexto industrial apresentado pela indústria 4.0. Para a realização da pesquisa foram elaboradas categorias de análise, as quais são "Conhecimentos sobre a Indústria 4.0", "Tecnologias interferentes no Trabalho Humano", "Recursos Humanos", "Estrutura Organizacional Hierárquica", "Educação para Colaboradores 4.0" e "Empregabilidade para Colaboradores 4.0". Após o estabelecimento destas categorias de análise, o instrumento de coleta de dados pôde ser elaborado. Este consiste em um questionário do tipo fechado, constituído por cinquenta questões distribuídas entre as referidas categorias de análise. O instrumento utilizado foi o mesmo para os setores acadêmico e empresarial, nas suas versões em português aos participantes brasileiros, e em inglês aos participantes alemães. Para melhor tratar e analisar os dados advindos das afirmações dos participantes foi atribuída a escala de Likert de cinco pontos, os quais são Concordo Plenamente (5), Concordo (4), Não concordo nem discordo (3), Discordo (2) e Discordo Plenamente (1). Após a atribuição da escala, foi estabelecida a mediana como medida de centralização, a fim de que as percepções dos participantes pudessem ser analisadas de forma integrada. Desta forma, foram efetuadas primeiramente as análises das percepções acadêmicas brasileiras e alemãs, em segundo das percepções empresariais brasileiras e alemãs, e por fim, do contraste entre as percepções do setor acadêmico e do setor empresarial do Brasil e da Alemanha.
Título em inglês
Human work in industry 4.0: Brazilian and German perceptions of the academic and business sectors regarding the work of people in the new industrial model
Palavras-chave em inglês
Academic Sector
Business Sector
Fourth Industrial Revolution
Human Work
Industry 4.0
Resumo em inglês
The Industry 4.0 or Fourth Industrial Revolution is an imminent model that has been expected and observed as disruptive to the manufacturing characteristics verified so far. This industrial model 4.0 includes in itself an extensive set of intelligent, integrated and effective technologies capable of performing a little more than productive physical effort. Such technologies with potential for productive efforts, as well as receiving, sharing and analyzing data and information, and still able to act with autonomy, may be possible substitute for human labor. The objective of this work was to assess the perceptions of Brazilian and German professionals in the academic and business sectors regarding the work performed by people for the new industrial context presented by the industry. In order to carry out the research, categories of analysis were elaborated, which are "Knowledge about Industry 4.0", "Technologies interfering in Human Work", "Human Resources", "Hierarchical Organizational Structure", "Education for Employees 4.0" and "Employability for Employees 4.0". After establishing these categories of analysis, the instrument of data collection could be elaborated. This consists of a closed questionnaire, consisting of fifty questions distributed among the said categories of analysis. The instrument used was the same for the academic and business sectors, in their Portuguese versions to the Brazilian participants, and in English to the German participants. In order to better treat and analyze the data derived from the participants' statements, the five-point Likert scale was given, which are I fully agree (5), I agree (4), I dont agree or disagree (3), I disagree (2) and I fully disagree (1). After the scale was assigned, the median was established as a centralization measure, so that the participants' perceptions could be analyzed in an integrated way. In this way, the analysis of Brazilian and German academic perceptions was carried out first, secondly the Brazilian and German business perceptions, and finally, the contrast between the perceptions of the academic sector and the business sector of Brazil and Germany.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-03-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.