• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
https://doi.org/10.11606/D.18.2020.tde-14052020-122955
Documento
Autor
Nombre completo
Luiza Gagno Azolin
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Carlos, 2020
Director
Tribunal
Silva, Antonio Nelson Rodrigues da (Presidente)
Pinto, Nuno Eduardo Norte
Ribeiro, Paulo Jorge Gomes
Título en portugués
O transporte público em uma estratégia de avaliação da resiliência na mobilidade urbana
Palabras clave en portugués
Mobilidade urbana
Modos ativos
Resiliência
Transporte público
Resumen en portugués
O objetivo deste estudo é inserir o transporte público em uma estratégia para avaliação da resiliência na mobilidade urbana, diante de uma eventual restrição na oferta de combustível, em uma situação em que estivessem disponíveis apenas os modos ativos e o transporte público. A partir de dados de uma Pesquisa Origem e Destino e dos itinerários do sistema de transporte público de uma região, propõe-se que sejam elaborados cenários com diferentes Distâncias Máximas Possíveis (DMPs) para os modos a pé e bicicleta e com variadas condições de funcionamento do transporte público. Então, em cada cenário, as viagens necessárias e essenciais são classificadas em persistentes, excepcionais, adaptáveis ou transformáveis, sendo as três primeiras categorias apontadas como resilientes. O nível de resiliência na mobilidade urbana é determinado pela proporção de viagens resilientes em relação do total. Assim, é possível analisar a influência da inserção do transporte público na resiliência em diferentes circunstâncias e identificar as rotas que devem ser priorizadas em uma situação de crise. Além disso, um código-fonte em linguagem Python foi elaborado para ser utilizado como ferramenta na aplicação dessa estratégia. Os resultados obtidos com a realização de dois estudos de caso, um na cidade de São Carlos-SP e outro na Região Metropolitana de Maceió (RMM)-AL, comprovam a importância da inserção do transporte público neste tipo de análise. Considerando apenas uma linha de transporte público em operação, no cenário mais pessimista, obteve-se um ganho de resiliência de 21,4% e 17,0% nas regiões estudadas, respectivamente. As análises da distribuição espacial das viagens e da relação entre as categorias de viagens e a renda associada ao viajante apresentaram grande potencial para identificação de padrões e vulnerabilidades, o que mostra que a abordagem proposta pode ser utilizada como um instrumento no planejamento da mobilidade urbana.
Título en inglés
The public transport in a strategy for the evaluation of urban mobility resilience
Palabras clave en inglés
Active modes
Public transport
Resilience
Urban mobility
Resumen en inglés
This study aims at introducing urban public transportation in a strategy for the evaluation of resilience in urban mobility in the case of an eventual fuel supply shortage, in which only active modes and public transport would be available. Scenarios with different Maximum Possible Distances (DMPs) for walking and cycling modes and with distinct conditions of public transport operation are proposed, based on data from an origin-destination survey and the itineraries of public transport system. In each scenario, the necessary and essential trips are classified into persistent, exceptional, adaptable or transformable, with the first three categories being identified as resilient. The level of urban mobility resilience is determined by the ratio of resilient trips to the total. Thus, it is possible to analyze the influence of public transport insertion on resilience under different circumstances and identify the routes that should be prioritized in a crisis situation. In addition, a Python language source code was elaborated to be used as a tool in the application of this strategy. The results obtained from two case studies, one in the city of São Carlos-SP and another in the Metropolitan Region of Maceió (RMM)-AL, showed the importance of the inclusion of public transport in this type of analysis. Considering only one public transport line in operation, in the most pessimistic scenario, a resilience gain of 21.4% and 17.0% was achieved in the regions studied, respectively. Analysis of the spatial distribution of trips and the relationship between trips categories and traveler's incomes showed great potential for identifying patterns and vulnerabilities, which implies that the proposed approach can be used as an instrument in urban mobility planning.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2021-06-15
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2022. Todos los derechos reservados.