• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.18.2009.tde-26022010-141740
Documento
Autor
Nome completo
Luiz Eduardo Fontoura Teixeira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2009
Orientador
Banca examinadora
Martins, Carlos Alberto Ferreira (Presidente)
Anelli, Renato Luiz Sobral
Comas, Carlos Eduardo Dias
Leme, Maria Cristina da Silva
Rizek, Cibele Saliba
Título em português
Arquitetura e cidade: a modernidade (possível) em Florianópolis, Santa Catarina - 1930-1960
Palavras-chave em português
Arquitetura
Cidade
Florianópolis
Modernidade
Resumo em português
O trabalho aborda a relação entre a arquitetura produzida e as transformações da cidade de Florianópolis em dois ciclos. As concepções de moderno, modernidade e modernização norteiam a investigação. Apontamentos para a montagem de um panorama da modernidade catarinense são traçados. Um primeiro ciclo (décadas de 1930 a 1950) é definido principalmente pela influência dos regimes de Getúlio Vargas no governo federal - o Estado Novo e o posterior. Uma modernidade muito a reboque do estado, que mantém a cidade como capital, com a chegada de novas edificações e programas arquitetônico-urbanos, é estudada. Um crescimento lento ajuda a manter vazios urbanos na área peninsular fundadora. Profissionais emigrados, na ausência de arquitetos formados, ajudam a desenhar a atualização de espaços arquitetônicos e a desenvolver gradativamente novas técnicas construtivas. Um segundo ciclo, que vai dos anos 1950 a meados dos anos 1960 - o nacional-desenvolvimentismo - é também pesquisado. O início de um processo de verticalização e adensamento do centro urbano e de balneabilidade e turismo no interior da Ilha são abordados. Tendências da modernidade em arquitetura brasileira, como a do modernismo, são apontadas em novos programas como o edifício de apartamentos e de escritórios. A expansão para o além da península central, através de vetores como as avenidas, criando novos bairros e consolidando outros, é estudada. O processo de aterramentos da área central e o início da ênfase rodoviarista definem o encerramento desse segundo ciclo. A ausência histórica de planos, que contemplassem a especificidade morfológica e contextual de Florianópolis, faz concluir que a partir de então a cidade verá o avanço de problemas como a perda da maritimidade e o do crescimento urbano descontrolado.
Título em inglês
Architecture and city : the (possible) modernity in Florianópolis, Santa Catarina - 1930-1960
Palavras-chave em inglês
Architecture
City
Florianópolis
Modernity
Resumo em inglês
The work broaches the relation between the architecture produced in Florianópolis and the transformations of the city in two cycles. The conceptions of modern, modernity and modernization guide the research. Notes for the assembly of a panorama of the modernity in Santa Catarina are outlined. A first cycle (decades from 1930 to 1950) is defined mainly by the influence of the Getúlio Vargas federal government regimes - the so called "New State" (Estado Novo) and the later regime. A modernity linked with the state, that maintains Florianópolis as the capital city, with the appearance of new buildings and new architecturalurban programs, is studied. A slow urban growth helps to keep urban empty spaces in the original founder peninsular area of the city. Immigrant professionals, in the absence of local architects, help to draw the update of architectural spaces and to gradually develop new building techniques. A second cycle, that goes from the fifties to the beginning of the sixties the national-developmentalism - is also researched. The beginning of the verticalisation and density process of the urban center, and of the tourism development in other areas around the island are broached. Tendencies of the modernity in the brazilian architecture, like the modernism, are pointed in new programs like apartments and office buildings. The expansion beyond the central peninsula of the island, through vectors such as avenues, creating new neighborhoods and consolidating others, is studied.The process of embankments in the central area and the beginning of the emphasis on road construction defines the ending of this second cycle. The historical absence of a town planning that contemplates the morphological and contextual specificity of Florianópolis, draws to the conclusion that since then, the city has been witnessing the increasing of problems like the disconnection between the city and the sea (embankments, lack of marine transportation and of marinas) and the out of control urban growth.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-04-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.