• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.17.2020.tde-05102020-111131
Documento
Autor
Nome completo
Carla Silva Perez
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2020
Orientador
Banca examinadora
Guirro, Elaine Caldeira de Oliveira (Presidente)
Pavan, Théo Zeferino
Barbosa, Marcello Henrique Nogueira
Oliveira, Raul
Título em português
Avaliação das características biomecânicas de viscosidade e elasticidade no tecido afetado por linfedema decorrente do tratamento do câncer de mama
Palavras-chave em português
Câncer de mama
Elastografia
Linfedema
Ultrassom
Ultrassonografia
Resumo em português
O linfedema é uma condição que envolve o membro superior homolateral em resposta a procedimentos terapêuticos relacionados ao tratamento do câncer de mama. A avaliação da deformidade decorrente da fibrose tecidual envolvida tem sido investigada por meio de ultrassom, entretanto, a caracterização das alterações morfológicas da disfunção com o instrumento ainda não está fundamentada, e pode ser condição necessária para determinar tanto o prognóstico, quanto a eleição de tratamentos direcionados. O objetivo do estudo foi avaliar a topografia e as características biomecânicas do tecido afetado por linfedema decorrente do tratamento do câncer de mama, por meio da ultrassonografia modo B e modo elastografia, em três estudos. O objetivo do estudo I foi identificar as regiões do membro superior mais afetadas por linfedema, bem como o período de desenvolvimento longitudinal da morbidade. Para tanto, foi efetuado um estudo de coorte retrospectivo de dados provenientes de mulheres submetidas ao tratamento para o câncer de mama. Foram considerados dados referentes à avaliação clínica e volumétrica dos membros superiores em controle mensal, por um período de 11 anos, sendo avaliados 792 prontuários. O objetivo do estudo II foi identificar e mensurar o grau de comprometimento, a topografia e as alterações biofísicas do tecido subcutâneo do membro superior no linfedema secundário ao tratamento do câncer de mama, por meio de ultrassonografia modo B. Foram avaliadas 42 mulheres com média de idade de 58 (±9,7) anos, com linfedema unilateral. Os membros superiores foram divididos em afetado pelo linfedema e controle (membro contralateral), subdivididos em sete pontos e avaliados de forma pareada. As características biofísicas espessura, entropia, e ecogenicidade foram mensuradas por meio de ultrassonografia e análise das imagens. O objetivo do estudo III foi avaliar o linfedema secundário ao tratamento do câncer de mama utilizando a elastografia, bem como a textura do tecido subcutâneo e sua relação topográfica. Para tanto, foram avaliados membros afetados por linfedema unilateral decorrente de tratamento do câncer de mama, divididos em acometido e controle (membro contralateral), subdivididos em sete pontos determinados. As imagens de ultrassom foram coletadas com auxílio de um pad com características biofísicas definidas, sendo referência para as medidas de deslocamento. Pode-se concluir com os achados do estudo I que o período de surgimento do linfedema após o tratamento do câncer de mama é irregular, e as regiões mais afetadas pelo maior volume no linfedema são as próximas a região cubital. Os achados do estudo II indicam que os dados apresentados pela ultrassonografia modo B foram consistentes tanto na identificação, mensuração do grau de comprometimento e alterações biofísicas do tecido subcutâneo, bem como nas medidas de espessura e ecogenicidade. Pode-se concluir no estudo III que o modo elastografia freehand (quasi-static), associado a um pad de medidas biofísicas 17 conhecidas, é uma ferramenta válida para avaliação da textura da fibrose tecidual. A relação topográfica mostrou que a fibrose é distribuída de forma irregular, sendo o antebraço a região mais afetada.
Título em inglês
Evaluation of the biomechanical characteristics of viscosity and elasticity in the tissue affected by lymphedema resulting from the treatment of breast câncer
Palavras-chave em inglês
Breast cancer
Elastography
Lymphedema
Ultrasonography
Ultrasound
Resumo em inglês
Lymphedema is a condition that involves the homolateral upper limb in response to therapeutic procedures related to the treatment of breast cancer. The evaluation of the deformity resulting from the involved tissue fibrosis has been investigated by means of ultrasound, however, the characterization of the morphological changes of the dysfunction with the instrument is not yet substantiated, and may be a necessary condition to determine both the prognosis and the choice of treatments. targeted. The aim of the study was to evaluate the topography and biomechanical characteristics of the tissue affected by lymphedema resulting from the treatment of breast cancer, using mode B ultrasonography and elastography mode, in three studies. The objective of study I was to identify the regions of the upper limb most affected by lymphedema, as well as the period of longitudinal development of morbidity. To this end, a retrospective cohort study of data from women undergoing treatment for breast cancer was carried out. Data regarding the clinical and volumetric evaluation of the upper limbs under monthly control, for a period of 11 years, were considered, with 792 records being evaluated. The objective of study II was to identify and measure the degree of impairment, topography and biophysical changes in the subcutaneous tissue of the upper limb in lymphedema secondary to the treatment of breast cancer, using mode B ultrasonography. 42 women with an average of age 58 (± 9.7) years, with unilateral lymphedema. The upper limbs were divided into those affected by lymphedema and control (contralateral limb), subdivided into seven points and evaluated in a paired way. The biophysical characteristics thickness, entropy, and echogenicity were measured using ultrasound and image analysis. The objective of study III was to evaluate lymphedema secondary to the treatment of breast cancer using elastography, as well as the texture of the subcutaneous tissue and its topographic relationship. For that, limbs affected by unilateral lymphedema resulting from breast cancer treatment were evaluated, divided into affected and control (contralateral limb), subdivided into seven determined points. Ultrasound images were collected with the aid of a pad with defined biophysical characteristics, being a reference for displacement measurements. It can be concluded with the findings of study I that the period of onset of lymphedema after treatment for breast cancer is irregular, and the regions most affected by the greater volume in lymphedema are those close to the cubital region. The findings of study II indicate that the data presented by mode B ultrasound were consistent both in the identification, measurement of the degree of impairment and biophysical changes in the subcutaneous tissue, as well as in the thickness and echogenicity measurements. It can be concluded in study III that the freehand elastography (quasi-static) mode, associated with a pad of known biophysical measures, is a valid tool for assessing the texture of tissue fibrosis. The topographic relationship showed that fibrosis is irregularly distributed, with the forearm being the region most affected.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
CARLASILVAPEREZco.pdf (5.36 Mbytes)
Data de Publicação
2020-10-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.