• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.17.2017.tde-06012017-113726
Documento
Autor
Nome completo
Rodrigo Lacerda Nogueira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2016
Orientador
Banca examinadora
Valera, Fabiana Cardoso Pereira (Presidente)
Lima, Wilma Terezinha Anselmo
Martins, Regina Helena Garcia
Pignatari, Shirley Shizue Nagata
Tamashiro, Edwin
Título em português
Efeito da variabilidade genética de HPV nos aspectos clínicos da papilomatose respiratória recorrente
Palavras-chave em português
Neoplasia laríngea
Papilomatose recorrente respiratória
Papilomavírus
Recidiva
Tipo
Variante
Resumo em português
Introdução: A papilomatose recorrente respiratória (PRR) é uma doença benigna de enorme morbidade, com manifestações clínicas muito distintas, causada pelo papiloma vírus humano (HPV) dos tipos 6 e 11. Objetivo: Identificar os diferentes tipos de HPV e suas variantes relacionados com a PRR e estabelecer possível correlação clínica entre o tipo / variante viral e a agressividade da doença. Casuística e Métodos: Estudo prospectivo, realizado com 41 pacientes atendidos no Ambulatório de Laringologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo, entre os anos de 2008 e 2015, que apresentaram quadro de PRR. Foi realizada genotipagem viral das biopsias laríngeas e os vírus presentes foram relacionados com a evolução clínica de cada paciente e a agressividade da doença, pelo escore de Derkay, número de cirurgias e traqueostomia. Resultados: Dos 41 pacientes avaliados, a maioria era do sexo masculino (68,29%), e maiores de 12 anos (63,41%). Os menores de 12 anos apresentaram número de cirurgias e escore de Derkay significativamente maiores do que os pacientes mais velhos. Foram identificados somente os HPV dos tipos 6 e 11, na frequência de 73,17% e 26,83%, respectivamente. A agressividade da doença não mostrou relação com o tipo ou a variante do vírus, mas sim com a idade de apresentação clínica da doença. Conclusão: Os tipos de HPV e as suas variantes não apresentaram comportamento clínico mais agressivo na PRR no grupo estudado. Em contrapartida, a idade foi determinante para a agressividade da doença.
Título em inglês
Effect of HPV genetic variability on the clinical aspects of recurrent respiratory papillomatosis
Palavras-chave em inglês
Benign tumor
Papillomavirus
Recurrent respiratory papillomatosis, Recurrence
Type
Variant
Resumo em inglês
Introduction: Recurrent respiratory papillomatosis (RRP) is a benign disease of enormous morbidity that presents very distincts clinical manifestations. It is usually caused by the human papillomavirus (HPV), mostly types 6 and 11. Purpose: To identify the different HPV types and variants related to RRP and to establish a possible correlation between HPV type/variant and viral disease aggressiveness. Casuistic and Methods: This prospective study included 41 patients followed at the Outpatient Clinic of Laryngology of the Medical School of Ribeirão Preto, University of São Paulo, between 2008 to 2015, due to RRP. Virus genotyping was performed on laryngeal biopsies by PCR, and this information was associated to each patient's data regarding aggressiveness of the disease and clinical evolution, by Derkay's score, number of surgeries and tracheostomy. Results: Most patients were male (68.29%) and older than 12 years-old (63.41%). Patients younger than 12 years had a significantly higher number of surgeries and Derkay score than older patients. In all samples, only HPV 6 and HPV 11 were detected, in a prevalence of 73.17% and 26.83%, respectively. The aggressiveness of the disease was not related to the type or variant of the virus, but to the age of patient when the clinical presentation of the disease occurred. Conclusions: HPV types and variant of HPV showed no more aggressive clinical behavior in recurrent respiratory papillomatosis in the studied group. In contrast, age was crucial to the aggressiveness of the disease.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-02-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.