• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.17.2020.tde-18082020-220943
Documento
Autor
Nome completo
Amanda Pires Barbosa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2020
Orientador
Banca examinadora
Rocha, Eduardo Melani (Presidente)
Paula, Jayter Silva de
Paula, Mônica de Cássia Alves de
Chahud, Fernando
Título em português
Correlação entre parâmetros clínicos e de Ressonância Nuclear Magnética da Síndrome de Sjögren e de pacientes com olho seco não-Sjögren
Palavras-chave em português
Glândula lacrimal
Olho seco
Ressonância nuclear magnética
Síndrome de Sjögren
Resumo em português
Introdução: A doença do olho seco (DOS) é uma desordem frequente do filme lacrimal, cujos sintomas podem indicar a manifestação de uma condição sistêmica, por exemplo, a Síndrome de Sjögren (SS). No entanto, o diagnóstico da DOS representa um desafio, e tem se observado a utilização crescente de exames de imagem para avaliação de glândulas lacrimais (GL), incluindo as de pacientes com SS. Objetivo: Avaliar se o olho seco está associado a alterações morfológicas da GL analisada em imagens de Ressonância Nuclear Magnética (RNM), comparandose doentes portadores de SS e pacientes com olho seco não-SS. Casuística e Métodos: Foram convidados 27 pacientes com SS e 11 com DOS não-SS para obtenção de teste de Schirmer I, coloração corneana por fluoresceína, tempo de ruptura do filme lacrimal, fluxo salivar e questionário sobre índice da doença da superfície ocular (OSDI). Aqueles que não possuíam RNM concordaram em realizar o exame. As imagens da RNM de todos os pacientes e de 29 controles foram avaliadas quanto a: volume da GL; intensidade de sinal da GL pela do vítreo (GL/V); intensidade de sinal da glândula parótida pela do vítreo (GP/V); coeficiente Aparente de Difusão (ADC) da GL; ADC da GP e volume do gânglio trigêmeo (GT). Os resultados foram comparados entre os três grupos e em diferentes faixas etárias. Posteriormente, os resultados radiológicos foram comparados com os dados clínicos dos doentes. Resultados: Observou-se tendência à redução da média do volume da GL com aumento da idade em todos os grupos, e os pacientes idosos com SS apresentaram os menores valores, embora sem significância estatística. A média do volume do GT foi maior nos pacientes com olho seco não-SS, em relação ao grupo com SS (p=0,02). O grupo controle demonstrou valores de ADC maiores que os dos outros grupos, embora sem significância estatística. No grupo com SS, a presença de ceratite puntata apresentou correlação positiva (p=0,03) com intensidade de sinal da GP/V e negativa (p=0,0002) com o ADC da GL; o volume da GL apresentou médias maiores nos pacientes com maior fluxo salivar (p=0,01), e os doentes com baixa produção de lágrima evidenciaram maior intensidade de sinal GP/V (p=0,02). Conclusões: A RNM é capaz de monitorar alterações da GL e, no grupo com SS, os resultados radiológicos se correlacionaram aos dados clínicos.
Título em inglês
Correlation between clinical and magnetic nuclear resonance parameters of Sjögren's syndrome and patients with non-Sjögren dry eye
Palavras-chave em inglês
Dry eye
Lacrimal gland
Nuclear magnetic resonance
Sjögren's Syndrome
Resumo em inglês
Introduction: Dry eye disease (DED) is a frequent tear film disorder whose symptoms may signify the manifestation of a systemic condition, for example, Sjögren's Syndrome (SS). However, the diagnosis of DED is challenging, and there has been a growing use of imaging tests to assess the lacrimal glands (LG), including those of patients with SS. Aims: To evaluate whether dry eye is associated with morphological changes in LG analyzed in MRI images, comparing SS patients and patients with non-SS dry eye. Casuistic and Methods: Twenty-seven patients with SS and 11 with non-SS DED were invited to obtain the Schirmer test I, corneal fluorescein staining, tear breakup time (TBUT), salivary flow and ocular surface disease index (OSDI) questionnaire; those who did not have MRI agreed to perform the exam. MRI images of all patients and 29 controls were assessed for: LG volume; LG-to-vitreous body signal ratio (LG/V); Parotid gland-to-vitreous body signal ratio (PG/V); apparent diffusion coefficient (ADC) of LG; ADC of PG and trigeminal ganglion volume (TG). Results were compared between the 3 groups and in different age groups. Subsequently, the radiological parameters were compared with the clinical data of the patients. Results: There was a tendency to reduce the mean volume of LG with increasing age in all groups, and elderly patients with SS presented the lowest values, although there was no statistical significance. The mean TG volume was higher in non-SS dry eye patients compared to SS group (p = 0.02). The control group showed higher ADC values than the other groups, although without statistical significance. In the SS group, the presence of keratitis puntata was positively correlated (p = 0.03) with PG/V signal intensity and negative (p = 0.0002) with LG ADC; LG volume presented higher averages in patients with higher salivary flow (p = 0.01), and patients with low tear production presented higher PG/V signal intensity (p = 0.02). Conclusions: MRI is able to monitor changes in LG in SS, and the radiologic data correlated with clinical data in SS group.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-10-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.