• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.17.2020.tde-13042020-155227
Documento
Autor
Nome completo
Juliana Mendes Rocha
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2020
Orientador
Banca examinadora
Hallak, Jaime Eduardo Cecilio (Presidente)
Araújo, Dráulio Barros de
Fukusima, Sergio Sheiji
Título em português
Efeitos agudos e subagudos de dose única de Ayahuasca no reconhecimento de expressões faciais
Palavras-chave em português
Aayahuasca
Cognição social
Psicofarmacologia
Reconhecimento de expressões faciais
Resumo em português
Diversos transtornos psiquiátricos, como por exemplo transtornos de ansiedade, depressão, transtornos psicóticos, entre outros, estão associados a déficits na cognição social e no reconhecimento de expressões faciais. Ademais, os tratamentos farmacológicos disponíveis não funcionam para uma parcela significativa destes pacientes e produzem diversos efeitos colaterais, portanto é necessário a exploração de novos tratamentos alternativos. A ayahuasca é uma bebida psicoativa tradicionalmente utilizada por grupos indígenas da Amazônia com fins terapêuticos. Estudos em animais e humanos sugerem que a ayahuasca possui efeitos ansiolíticos e antidepressivos, além de apresentar boa tolerabilidade. O objetivo deste projeto é o de avaliar os efeitos subjetivos de uma dose única de ayahuasca e seus efeitos no reconhecimento de expressões faciais. 20 voluntários saudáveis foram incluídos no estudo (randomizado em grupos paralelos, duplo-cego e controlado com placebo). A avaliação aguda (0-6 h) foi realizada por meio da aplicação da Escala Analógica Visual de Humor (VAMS), Escala de Sintomas Somáticos (ESS), Inventário de Ansiedade de Beck (BAI) e por testes de reconhecimento de expressões faciais de emoções (REFE). A tolerabilidade aguda foi avaliada por medidas cardiovasculares e relatos dos voluntários. Também medimos níveis plasmáticos do fator neurotrófico do cérebro (BDNF) durante a sessão experimental para avaliar os efeitos da ayahuasca em neurotrofinas. Ademais, avaliamos a personalidade antes (basal/ T1) e 3 meses após a sessão experimental (NEO-FFI). A ESS também foi aplicada 24 horas após o experimento (D1), e a BAI e os teses de REFE foram aplicados nos dias D1, D7, D14 e D21 e 3 e 6 meses após a sessão experimental. Em comparação ao placebo, a ayahuasca aumentou significativamente a pontuação do fator deterioração cognitiva da VAMS e da ESS durante a sessão experimental. Não foram observados efeitos significativos nas outras variáveis, embora a inspeção visual dos gráficos indique uma possível redução aguda de BDNF e da ansiedade ao longo do estudo (BAI). A ayahuasca foi bem tolerada, produzindo principalmente náusea, desconforto gastrointestinal e vômito. Novos estudos envolvendo um maior número de participantes são necessários para confirmar os dados do presente trabalho.
Título em inglês
Acute and subacute effects of a single dose of ayahuasca on the recognition of facial expressions of emotions
Palavras-chave em inglês
Ayahuasca
Psychopharmacology
Recognition of facial emotion expressions
Social cognition
Resumo em inglês
Several psychiatric disorders, like anxiety disorders, depression, psychotic disorders and others are associated with deficits in social cognition and recognition of facial expressions. In addition, available pharmacological treatments do not work for a significant portion of these patients and produce several side effects. Ayahuasca is a psychoactive drink traditionally used by indigenous Amazonian groups for therapeutic purposes. Animal and human studies suggest that ayahuasca has anxiolytic and antidepressant effects with good tolerability. The aim of this project was to evaluate the subjective effects of a single dose of ayahuasca and its effects on the recognition of emotions in facial expressions. 20 healthy volunteers were included in the study (randomized, double-blind and placebo-controlled). Acute assessment (0-6 h) was performed by applying the Visual Analog Mood Scale (VAMS), Body Symptom Scale (BSS), Beck Anxiety Inventory (BAI), and recognition of emotions in facial expressions (REFE) test. Acute tolerability was assessed by cardiovascular measurements and reports from volunteers. We also measured brain derived neurotrophic factor (BDNF) plasma levels during the experimental session to evaluate the effects of ayahuasca on neurotrophins. Moreover, we assessed personality before (basal/ T1) and 3 months after the experimental session (NEOFFI). SSS was also applied 24 hours after the experiment (D1), and BAI and REFE tests were applied on days D1, D7, D14 and D21 and 3 and 6 months after the experimental session. Compared to placebo, ayahuasca significantly increased the scores of the VAMS cognitive impairment factor and of the SSS. No significant effects were observed on the other variables, although visual inspection of the graphs indicates a possible acute reduction in BDNF and anxiety throughout the study (BAI). Ayahuasca was well tolerated, producing mainly nausea, gastrointestinal discomfort and vomiting. Further studies involving a larger number of subjects are needed to confirm the data of the present study.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-05-04
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.