• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.17.2020.tde-24092019-110456
Documento
Autor
Nome completo
Rodrigo Duarte Ferreira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2019
Orientador
Banca examinadora
Ferri, Walusa Assad Gonçalves (Presidente)
Carmona, Fabio
Ferreira, Cristina Helena Faleiros
Sbragia Neto, Lourenço
Título em português
Implementação de um protocolo para uso de Óxido Nítrico inalatório nas unidades neonatais de Manaus
Palavras-chave em português
Asfixia neonatal
Hipertensão pulmonar
Óxido nítrico inalatório
Resumo em português
O uso de Óxido Nítrico nas unidades neonatais foi um avanço na assistência ao recém-nascido, usado principalmente em hipertensão pulmonar pode diminuir a resistência vascular pulmonar e melhorar a oxigenação, entretanto, em algumas unidades neonatais esse gás ainda não está disponível, principalmente pelo alto custo de investimento. O objetivo foi avaliar a viabilidade e o impacto da implementação de um protocolo do Óxido Nítrico inalatório (NOi) nas unidades neonatais da cidade de Manaus. Quanto aos materiais e métodos, foi realizado um estudo multicêntrico, analítico de COORTE, com controle histórico (estudo de duas eras). As variáveis analisadas foram: índice de oxigenação, pressão arterial parcial de oxigênio (PaO2), saturação arterial de oxigênio, relação PO2/FiO2, dióxido de nitrogénio (NO2), metahemoglobina e mortalidade, dias de: ventilação mecânica invasiva, internação na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal e internação hospitalar total, tempo de introdução e utilização do Óxido Nítrico Inalatório e dose utilizada do Óxido Nítrico Inalatório. O período analisado foi de primeiro de março a agosto de 2018 para o grupo prospectivo (com Óxido Nítrico) e o segundo no período de dezembro de 2015 a dezembro de 2016, para o grupo retrospectivo (sem Óxido Nítrico). Comparações entre dois grupos foram feitas com teste não paramétrico de Wilcoxon e teste exato de Fisher. Quanto aos resultados, foram incluídos 12 pacientes em cada grupo. A principal doença relacionada com hipertensão pulmonar foi síndrome de aspiração meconial. O Óxido Nítrico produziu melhora, no grupo prospectivo, no índice de oxigenação, saturação e pressão arterial parcial de oxigênio (PaO2). Entretanto, comparados ao grupo retrospectivo não teve impacto sobre mortalidade e não afetou o tempo de ventilação mecânica. Os pacientes que usaram NOi no grupo prospectivo apresentaram maior tempo de internação. A implantação do Óxido Nítrico nas unidades neonatais de Manaus foi viável e não foram registradas intercorrências relacionadas ao uso do gás. Conclusão foi que a implementação de um protocolo de utilização de NOi foi viável nas unidades neonatais da cidade deManaus. O Óxido Nítrico inalatório apresentou um impacto significante na oxigenação, mas aumentou o tempo de internação total e não apresentou impacto na mortalidade. Mais estudos são necessários para verificar os benefícios da utilização de NOi a longo prazo nessa população.
Título em inglês
Implementation of a protocol for inhalation Nitric Oxide use in the neonatal intensive care units in Manaus
Palavras-chave em inglês
Neonatal asphyxia
Nitric oxide
Pulmonary hypertension
Resumo em inglês
The use of nitric oxide at NICU was an advance in the care of the newborn, used mainly in pulmonary hypertension can decrease pulmonary vascular resistance and improve oxygenation, however, in some neonatal units this gas is not yet available, mainly because of the high cost. Objective: To assess the feasibility and the impact of the implementation of NOi protocol on oxygenation and neonatal outcomes in the neonatal units of Manaus/AM. Material and methods: A multicenter, cohort study was performed, with historical control. The main variables analyzed were: oxygenation index, partial blood pressure of oxygen (PaO2), arterial oxygen saturation, PO2/FiO2 relation, nitrogen dioxide (NO2), methaemoglobin and mortality, time of: mechanical ventilation, length at the Neonatal Intensive Care Unit and of hospital stay, time of introduction and use of inhalation nitric oxide and the dose of inhaled nitric oxide. The period analyzed was from March to August 2018 for the prospective group and the second from December 2015 to December 2016 for the retrospective group. Comparisons between two groups were made with non-parametric Wilcoxon test (for paired or unpaired data) and Fisher's exact test. Results: Twelve patients were included in each group. The main pathology related to pulmonary hypertension was meconium aspiration syndrome. Nitric oxide produced improvement in the oxygenation index, in saturation, in the partial pressure of oxygen (PaO2). However, compared to the retrospective group, it had no impact on mortality and did not affect the time of mechanical ventilation, but patients who used NOi had longer hospitalization time. The implementation of nitric oxide in the neonatal units of Manaus was viable and no intercurrences related to gas use were recorded. Conclusion: The implementation of a protocol the use of NOi was feasible in the neonatal units of Manaus. Inhaled nitric oxide had a significant impact on oxygenation, but increased totalhospitalization lenght and had no impact on mortality. More studies are needed to verify the benefits of long term NOi use in this population.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-01-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.