• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.17.2020.tde-20082020-112102
Documento
Autor
Nome completo
Jéssica Luana dos Santos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2019
Orientador
Banca examinadora
Silva, Alfredo Ribeiro da (Presidente)
Chahud, Fernando
Freitas, Luiz Carlos Conti de
Innocentini, Lara Maria Alencar Ramos
Título em português
Expressão de Ber-EP4 e sua correlação com prognóstico em carcinomas de células escamosas de cabeça e pescoço
Palavras-chave em português
Ber-EP4
Câncer de boca
Câncer de cabeça e pescoço
Carcinoma de células escamosas
Imuno-histoquímica
Resumo em português
Introdução: O carcinoma de células escamosas de cabeça e pescoço (CCECP) é um dos cânceres mais prevalentes do mundo e envolve os carcinomas de diversos sítios anatômicos, como boca (lábio e cavidade oral), faringe (nasofaringe, hipofaringe e orofaringe) e laringe. A taxa de recorrência do CCECP varia de 18 a 76% para pacientes em tratamento. O Ber-EP4 é um anticorpo monoclonal que reage contra um grupo de glicoproteínas transmembranares com 34kD e 39kD que são encontradas na superfície e no citoplasma de células epiteliais, exceto no epitélio escamoso e no mesotélio. Carcinoma de células basais (CBB) expressam Ber-EP4 na maioria dos casos, no entanto, alguns casos de CCECP podem expressar este marcador. Logo, este trabalho avaliou um painel imuno-histoquímico, incluindo o Ber-EP4, em 597 casos de CCECP, na tentativa de estabelecer correlações clinicopatológicas. Materiais e métodos: Foram selecionados 597 casos de CCECP dos arquivos do Serviço de Patologia (SERPAT) da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) que foram montados em blocos de microarranjo tecidual (TMA). Os cortes histológicos foram submetidos à técnica de imuno-histoquímica utilizando o anticorpo monoclonal Ber-EP4, bem como EMA, CD138, CD10, vimentina, Ki-67, ciclina D1, p21 e p27. Resultados: Dos 597 casos avaliados, 485 eram de pacientes homens e 112 de pacientes do gênero feminino. A idade média no diagnóstico foi 60,26 anos e a população leucoderma foi predominante. O tabagismo e etilismo, sincrônicos, somaram 271. A maioria das lesões ocorreu em orofaringe, seguido por cavidade oral, hipofaringe e laringe, lábio ou pele, nasofaringe e rinofaringe, e seios paranasais. O estadiamento foi realizado em 437 pacientes, sendo que tumores T4 foram mais vistos, N2 e N3 foram os mais prevalentes e a presença de metástase a distância foi constatada em 11 casos. 567 casos foram avaliados sobre a expressão de Ber-EP4, sendo destes 187 positivos este marcador, a maioria apresentando expressão focal de intensidade fraca. Os casos positivos e negativos para Ber-EP4 apresentaram o mesmo padrão de expressão para EMA, CD138, CD10, vimentina, Ki-67, ciclina D1, p21 e p27. A sobrevida de pacientes com tumores Ber-EP4 positivos foi menor do que os com tumores negativos. Conclusão: Uma parcela considerável dos CCECP expressou Ber-EP4. A expressão de Ber-EP4 foi maior em pacientes com história de tabagismo. O Ber-EP4 não influenciou a expressão de outros marcadores, nem alterou a taxa de proliferação celular. O BerEP4 atuou como marcador de prognóstico ruim para CCECP.
Título em inglês
Expression of BER-EP4 and its correlation with prognosis in head and neck squamous cell carcinomas
Palavras-chave em inglês
Ber-EP4
Head and neck cancer
Immunohistochemistry
Mouth cancer
Squamous cell carcinoma
Resumo em inglês
Background: Head and neck squamous cell carcinoma (CCECP) is one of the most prevalent cancer worldwide including several anatomical sites as mouth (lips and oral cavity), pharynx (nasopharynx, hypopharynx and oropharynx) and larynx. CCECP recurrence rates vary from 18 to 76% in patients under treatment. Ber-EP4 is a monoclonal antibody reacting against a 34-39kD transmembrane glycoprotein family found in surface and cytoplasm of epithelial cells; but squamous epithelia and mesothelia. Basal cell carcinomas (BCCs) expresses Ber-EP4 in majority, however, some CCECPs can express it. This study aimed to evaluate an immunohistochemistry panel with Ber-EP4 in a large series of CCECP trying to stablish clinicopathological correlations. Material and methods: 597 CCECP cases were selected from Pathology Service (SERPAT) of Ribeirão Preto Medical School (FMRP) to compose a tissue microarray (TMA). Histological sections were obtained and submitted to immunohistochemical reactions using Ber-EP4, EMA, CD138, CD10, vimentin, Ki-67, cyclin D1, p21 and p27. Results: From the total, 485 cases were from male and 112 from female patients. Median age at diagnosis were around 60 years old and white people were predominant. Smoking and drinking, together, accounted 271 cases. Most of lesions occurred in oropharynx, followed by oral cavity, hypopharynx, larynx, lip, nasopharynx and rinopharynx, and paranasal sinuses. 437 cases had TNM staging. T4, N2/N3 tumors were more prevalent and distant metastasis were identified in 11 cases. 187 cases expressed Ber-EP4, with predilection to focal and weak expression. Both, positive and negative Ber-EP4 cases presented same expression profile on EMA, CD138, CD10, vimentin, Ki-67, cyclin D1, p21 and p27. Conclusion: A considerable part of CCECP expressed Ber-EP4, and the expression were higher on patients who asserted to tobacco abuse. Ber-EP4 expression did not influence on other expression levels neither altered cellular proliferation rates. In this study, Ber-EP4 acted as a poor prognosis marker.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-10-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.