• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.17.2008.tde-23102008-172937
Documento
Autor
Nome completo
Danilo Ribeiro Guerra
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2008
Orientador
Banca examinadora
Garcia, Luis Vicente (Presidente)
Abrão, João
Bisinotto, Flora Margarida Barra
Reis, Francisco Prado
Volpon, José Batista
Título em português
Influência do momento de aplicação da estimulação elétrica nervosa transcutânea (TENS) como recurso analgésico em herniorrafias inguinais
Palavras-chave em português
Analgesia
Analgesia Preemptiva
Dor
Estimulação Elétrica Nervosa Transcutânea
Herniorrafia Inguinal
TENS
Resumo em português
Introdução. O uso da Estimulação Elétrica Nervosa Transcutânea (TENS) para o tratamento da dor pós-operatória tem sido objeto de estudo há alguns anos. Todavia, em quase a totalidade dos trabalhos, a TENS foi aplicada somente após os procedimentos cirúrgicos, à exceção de uma única pesquisa em que foi empregada no período pré-operatório. Em ambas as situações, esse recurso foi eficiente para o tratamento da dor, seja por meio da redução da sua intensidade ou do consumo de analgésicos. Porém, ainda hoje, não se sabe qual o papel que o seu momento de aplicação (somente antes da cirurgia; apenas após a operação; ou antes e após) pode vir a exercer no grau de analgesia obtido. Objetivo. Analisar a influência do momento de aplicação da TENS, na modalidade de alta freqüência, como recurso analgésico em pacientes do sexo masculino submetidos a herniorrafias inguinais pela técnica de Bassini. Casuística e método. A pesquisa clínica, controlada, aleatória e duplamente encoberta foi realizada no Hospital São José, entre abril de 2007 e junho de 2008, com amostra de 125 pacientes, distribuídos em 5 grupos: TENS depois (n = 25), TENS antes (n = 25), TENS antes e depois (n = 25), Placebo (n = 25) e Controle (n = 25). Todas as anestesias foram realizadas via raquidiana, com cloridrato de bupivacaína (0,5%); e a medicação analgésica utilizada no pós-operatório foi: dipirona, como medicação de resgate; e cetoprofeno, em horário programado. A mensuração da dor foi feita com a escala numérica (0-10 cm) e com a versão brasileira do Questionário de Dor McGill (Br-MPQ). Foram considerados estatisticamente significantes os valores de p 0,05. Resultados. Os grupos que foram tratados com a TENS apresentaram redução significante da dor, sendo os resultados mais expressivos naqueles pacientes em que a TENS foi aplicada tanto no período pré, quanto pós-operatório (TENS antes e depois). Houve também redução significante da administração de dipirona no período pós-operatório. Conclusão. O uso pré e pós-operatório da modalidade de alta freqüência da TENS, em pacientes submetidos a herniorrafias inguinais com técnica de Bassini, proporcionou analgesia mais satisfatória do que aquela obtida somente com a aplicação em um desses momentos.
Título em inglês
Influence of applications moment of transcutaneous electrical nerve stimulation (TENS) as analgesic resource in inguinal herniorraphies
Palavras-chave em inglês
Inguinal Hernia
Pain
Preemptive Analgesia
Transcutaneous Electrical Nerve Stimulation
Resumo em inglês
Introduction. The use of Transcutaneous Electrical Nerve Stimulation (TENS) to treat postoperative pain has been searched lately. However, in the most of studies, TENS has been applied only after surgeries, excepting one where TENS was utilized before. In the two situations, this resource has presented good benefits for pain treatment, observed not only by a reduction in its intensity but also in consumption of analgesics. Nevertheless, there is a doubt about the role that TENS applications moment can exert in analgesias level obtained in the postoperative period. Objective. To analyze the influence of applications moment of high frequency TENS as an analgesic resource in male patients submitted to inguinal herniorraphy (Bassini technique). Cases and method. It was a placebo-controlled, randomized and double-blinded trial, carried out at the Hospital São José (Aracaju, SE, Brazil), between April 2007 and June 2008, and had a sample of 125 patients, distributed in 5 groups: pre TENS (n = 25), post TENS (n = 25), pre- and post TENS (n = 25), Sham (n = 25) and Control (n = 25). There was the standardization of the bupivacaine (0,5 %) as an anesthetic drug, as well as postoperative analgesic prescription: dipyrone, only if the patient complained about pain; and ketoprofen, prescribed for every 8 h. Pain intensity was measured by the Numerical Rating Scale (NRS), in 8 moments (2½, 3, 3½, 4, 5, 6 and 7 h after inducing the anesthesia besides one last verification at the hospital discharge). Brazilian version of the McGill Pain Questionnaire (Br-MPQ) was used 4 h following the inducing of the anesthesia. P values .05 were considered significant. Results. Patients treated with TENS showed less pain intensity, and the most expressive results occurred in pre- and post TENS, moreover there was also significant reduction in dipyrone consumption. Conclusion. The pre- and postoperative use of high frequency TENS in inguinal herniorraphy provided major analgesia than the one obtained by TENS application only in the pre- or postoperative period.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-11-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.