• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Master's Dissertation
DOI
10.11606/D.17.2018.tde-28052018-172302
Document
Author
Full name
Paulo Tadeu de Campos Prado
E-mail
Institute/School/College
Knowledge Area
Date of Defense
Published
Ribeirão Preto, 2005
Supervisor
Committee
Santos, Antonio Carlos dos (President)
Carneiro, Antonio Adilton Oliveira
Funayama, Carolina Araujo Rodrigues
Title in Portuguese
Estudo por imagens da encefalopatia pelo HIV: uma abordagem multimodal utilizando técnicas quantitativas por ressonância magnética
Keywords in Portuguese
Não informado
Abstract in Portuguese
Introdução: A avaliação multimodal da encefalopatia causada pelo HIV utilizando técnicas quantitativas por RM pode fornecer informações não detectáveis à RM convencional. Objetivos: O objetivo deste estudo foi comparar os achados de imagem convencional e de técnicas quantitativas, como espectroscopia, MT e relaxometria e determinar se as técnicas quantitativas por RM são mais sensíveis que a RM convencional para alterações encefálicas causadas pelo HIV. Materiais e Métodos: Foram estudadas prospectivamente 9 crianças HIV positivas (idade média de 6 anos, variando de 5 a 8 anos de idade) e 9 controles (idade média de 7,3 anos, variando de 3 a 10 anos de idade), utilizando-se a MRS, Relaxometria e MT. Os exames foram realizados em um equipamento de 1,5 T. Resultados: Pacientes HIV positivos apresentaram somente achados pouco significantes e todos os controles tinham exames de RM convencional normais. Os achados da MRS demonstraram aumento na razão CHO/CRE bilateralmente, tanto na substância branca como na cinzenta frontal, na substância branca parietal esquerda e na razão total de CHO/CRE. Por outro lado, não foi observada qualquer diferença significativa na razão NAA/CRE entre os dois grupos. A relaxometria demonstrou anormalidades bilateralmente em diversas regiões. Devido a dificuldades técnicas, não foi possível obter resultados com a MT. Conclusão: A RM convencional não é sensível para as alterações encefálicas precoces causadas pela infecção pelo HIV. Técnicas quantitativas, como a Espectroscopia e a Relaxometria por RM se apresentam neste contexto como ferramentas importantes no diagnóstico destas alterações iniciais. Assim, estudos quantitativos podem ser úteis na demonstração e compreensão da fisiopatologia da doença.
Title in English
Não informado
Keywords in English
Não informado
Abstract in English
Não informado
 
WARNING - Viewing this document is conditioned on your acceptance of the following terms of use:
This document is only for private use for research and teaching activities. Reproduction for commercial use is forbidden. This rights cover the whole data about this document as well as its contents. Any uses or copies of this document in whole or in part must include the author's name.
A.pdf (3.51 Mbytes)
Publishing Date
2018-07-23
 
WARNING: Learn what derived works are clicking here.
All rights of the thesis/dissertation are from the authors
CeTI-SC/STI
Digital Library of Theses and Dissertations of USP. Copyright © 2001-2021. All rights reserved.