• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.17.2014.tde-15082014-110519
Documento
Autor
Nome completo
Bianca Messenberg Pacher
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2014
Orientador
Banca examinadora
Passos, Afonso Dinis Costa (Presidente)
Moura, Maria Cecília de
Rodrigues, Fernando Bellissimo
Título em português
Hepatites causadas pelos vírus B e C entre a população surda de Ribeirão Preto
Palavras-chave em português
Hepatite B
Hepatite C
Pessoas com Deficiência Auditiva
Viroses
Resumo em português
As hepatites B e C constituem ainda importante problema de saúde pública no mundo, com cifras de portadores crônicos estimados em cerca de 350 milhões e de 170 milhões, respectivamente, fazendo com que número elevado de pessoas se encontrem sob risco de cronificação e evolução para cirrose hepática e hepatocarcinoma. Entre os fatores de risco mais conhecidos para hepatite B estão às transfusões de sangue e derivados, o contato com sangue e/ou com secreções, por relações sexuais desprotegidas, compartilhamento de seringas e/ou agulhas para uso de drogas injetáveis, tatuagem e piercing com material contaminado. A hepatite C é transmitida primordialmente por via parenteral e a sua prevenção faz-se de modo semelhante à hepatite B. Diversos fatores de risco para ambas parecem ser fazer presentes na população surda, a qual é historicamente marginalizada em termos de acesso a informações e serviços de saúde e sobre a qual não existem referências de investigações sobre hepatites virais. Esse trabalho teve como objetivos estimar a prevalência de sorologia positiva para hepatite B e C e investigar possíveis fatores de risco entre a população surda de Ribeirão Preto. Foram estudados 88 surdos, aos quais foi apresentado DVD explicativo sinalizado em Libras sobre características e riscos das hepatites B e C. Aos que concordaram em participar foi aplicado questionário padronizado e coletada uma amostra de sangue para realização de testes imunoenzimáticos para detecção dos marcadores HBsAg, anti-HBs, anti-HBc e anti-HCV, realizados no Laboratório de Sorologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto. A análise sorológica revelou presença de infecção atual ou pregressa por hepatite B em sete participantes, correspondendo a 8% de prevalência total de marcadores (IC95%: 2,3 13,7). Ao se analisar as possíveis variáveis de risco, encontrou-se associação entre a infecção e as variáveis: ser nascido em outra Unidade Federada que não São Paulo e antecedente de encarceramento. Os participantes mostraram grande desconhecimento sobre aspectos básicos relacionados à transmissão das hepatites virais, indicando necessidade de políticas de saúde pública voltadas para esta população, e que levem em consideração suas particularidades linguística e cultural.
Título em inglês
Hepatitis caused by viruses B and C among the deaf population of Ribeirão Preto.
Palavras-chave em inglês
Hearing Impaired Persons
Hepatitis B
Hepatitis C
Virus Diseases
Resumo em inglês
Hepatitis B and C are still an important public health problem in the world, with chronic carriers estimated at around 350 million and 170 million, respectively, causing a large number of people to be at risk of chronic forms and progression to liver cirrhosis and hepatocellular carcinoma. Among the most well-known risk factors for hepatitis B are blood and derivatives transfusions, contact with blood and/or secretions by unprotected sex, sharing needles and/or syringes in injectable drug use, tattooing and piercing with contaminated material. Hepatitis C is transmitted primarily by parenteral way and its prevention is similar to hepatitis B. Several risk factors for both seem to be present in the deaf population, which is historically marginalized in terms of access to health information and services and on which there are no references to research on viral hepatitis. This work aimed to estimate the prevalence of positive serology for hepatitis B and C and to investigate possible risk factors among the deaf population of Ribeirão Preto. An explanatory DVD about the features and risks of hepatitis B and C was presented to them in Brazilian Sign Language. Eighty eight deaf agreed to participate, signed a free and informed consent form and were included in the investigation. A standardized questionnaire was applied and a sample of blood was collected. Immunoenzymatic tests for detection of HBsAg, anti-HBS, anti-HBC and anti-HCV markers were carried out at the Serum Laboratory of the University Hospital of the Ribeirão Preto Medical School, University of São Paulo. The serological analysis revealed the presence of current or previous infection by hepatitis B in seven participants, representing 8% of total prevalence of markers (CI95%: 2,3 13,7). When analyzing the possible risk factors, it was found association between infection and the variables being born in another State other than São Paulo and past history of imprisonment. No positive samples for hepatitis C were found. The participants showed great ignorance about basic aspects related to the transmission of viral hepatitis, indicating need for public health policies directed to this population that takes into account their linguistic and cultural singularities.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Bianca.pdf (990.41 Kbytes)
Data de Publicação
2014-10-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.