• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.17.1982.tde-10082021-105438
Documento
Autor
Nome completo
Aparecida Yooko Outa Angeleli
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 1982
Orientador
Banca examinadora
Campana, Alvaro Oscar
Foss, Milton Cesar
Roselino, Jose Eduardo de Salles
Título em português
Excreção urinária de hidroxiprolina na deficiência protéica experimental em ratos de idades diferentes
Palavras-chave em português
Dieta hipoprotéica
Excreção urinária
Hidroxiprolina
Metabolismo do colágeno
Metabolismo protéico
Ratos
Resumo em português
Foi estudado o efeito da dieta hipoprotéica (2,0% de proteína) isocalórica sobre o padrão de excreção urinária de hidroxiprolina em ratos jovens, adultos e velhos, mantidos em gaiolas metabólicas durante 42 dias. As excreções urinárias de nitrogênio uréico e de hidroxiprolina foram utilizadas como índice do aproveitamento do nitrogênio alimentar e do metabolismo do colágeno, respectivamente. Todos os animais recebendo dieta controle (20,0% de proteína) apresentaram ganho de peso. A velocidade de crescimento foi decrescente com a idade dos animais, enquanto a ingestão diária de dieta aumentou com a idade dos animais, confirmando a menor necessidade de nutrientes com finalidade plástica nos organismos adultos. A queda da capacidade da dieta de promover crescimento, observada com o envelhecimento, foi paralela ao baixo aproveitamento do nitrogênio alimentar, avaliado pela maior excreção de nitrogênio uréico observado. Os animais hipoprotéicos apresentaram perda de peso, hipoproteinemia, hipoalbuminemia, quadro histológico de esteatose hepática, queda brusca da excreção de produtos nitrogenados como nitrogênio uréico e hidroxiprolina. A intensidade dos dados encontrados foi inversa à idade dos animais. A ingestão alimentar por unidade de peso dos ratos hipoprotéicos foi igual ou mesmo superior à dos animais controles, confirmando o estado de deficiência protéica-normocalórica nestes animais. A taxa de metabolização do colágeno, avaliada pela excreção urinária de hidroxiprolina por unidade de peso ou de creatinina, apresentou-se mais elevada nos organismos jovens, mostrando a grande participação do colágeno imaturo na excreção do iminoácido. O fornecimento de dieta hipoprotéica alterou este padrão de excreção de hidroxiprolina. A queda de excreção foi inversamente proporcional à idade dos animais. Os dados do presente experimento mostram que idade e dieta interagem no metabolismo protéico. O fornecimento de dieta hipoprotéica, num mesmo período, para ratos de diferentes idades resulta em alterações metabólicas de intensidades variáveis. A excreção diária de hidroxiprolina constitui índice sensível para avaliação do metabolismo do colágeno em animais de diferentes idades submetidos a dieta controle ou deficiente em proteínas.
Título em inglês
Urinary hydroxyproline excretion in experimental protein deficiency in rats of different ages
Palavras-chave em inglês
Collagen metabolism
Hydroxyproline
Hypoprotein diet
Protein metabolism
Rats
Urinary excretion
Resumo em inglês
The effect of hypoproteic isocaloric diet (2,0% protein) on collagen metabolism was studied in young, adult and old rats. The animals were kept in metabolic cages during 42 days. Urinary excretions of urea-nitrogen and hydroxyproline were used as indexes of dietetic nitrogen utilization and total body collagen metabolism, respectively. All the animals receiving control diet (20,0% protein) gained body weight. The rate of growth decresed with age; conversely, the daily diet intake increased with aging. The decreasing capacity of the diet in promoting growth, observed with aging, paralelled the poor dietary nitrogen retention observed in those groups. Hypoproteic animals showed body weight loss, plasma low levels of protein and albumin, hepatic steatosis and dramatic fall in the nitrogen output measured as urea-nitrogen and hydroxyproline. The degree of the findings was reverse to the animal aging. Food intake per unit of body weight of the hypoproteic rats was the same or even greater than the normoproteic ones, confirmming a proteic-normocaloric deficiency State in these animals. The rate of collagen metabolism assessed by the urinary excretion of hydroxyproline/body weight was increased in the young animals; this was attributed to the greater participation of the immature collagen fraction in the iminoacid excretion. When the animals were fed on hypoproteic diet there change in this urinary hydroxyproline excretion pattern. Results of the present work show great interaction between age and diet upon protein metabolism, mainly collagen. Therefore, animals from different ages fed on hypoproteic diet for similar periods of time have different degrees of metabolic changes in the whole body. Hydroxyproline excretion is a sensible index to assess collagen metabolism in animals of different ages receiving either a control or a protein deficient diets.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
000713081.pdf (3.62 Mbytes)
Data de Publicação
2021-08-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.