• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.16.2013.tde-19042013-153818
Documento
Autor
Nome completo
Giovanna Teixeira Damis Vital
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Franco, Maria de Assuncao Ribeiro (Presidente)
Abreu, Adilson Avansi de
Ferrão, André Munhoz de Argollo
Namur, Marly
Uehara, Kokei
Título em português
Projeto sustentável para a cidade: o caso de Uberlândia
Palavras-chave em português
Complexidade
Conectividade
Desenho Ambiental Urbano
Ética Ecológica
Identidade Cultural
Projeto Sustentável
Resumo em português
A presente tese trata da concepção de projeto sustentável para a cidade - o caso de Uberlândia, Minas Gerais. A hipótese que se coloca é que o desenho ambiental urbano, em um projeto sustentável, além de responder às necessidades básicas da cidade de habitar, locomover, trabalhar e recrear, promove, também, a conexão sociocultural com a natureza, possibilitando o desenvolvimento da consciência e da identidade cultural de um lugar e de um povo. E, a partir da visão de mundo ecológica, tem o veio d'água como elemento-chave estruturador do desenho da cidade. É uma abordagem em que a questão reside em colocar a o desenho ambiental urbano no centro da produção da cidade. Em síntese, trata-se de destacar o projeto sustentável como fio condutor da concepção e organização territorial, contrapondo aos modelos funcionais, administrativos e econômicos, cuja aplicação tem levado o ambiente urbano a processos intensos de degradação, de fragmentação e de insustentabilidade. Tem como premissa filosófica a dimensão ecológica, que estabelece os pilares para o pensamento sobre a organização das cidades. Nessa dimensão, está a visão de mundo ecológica, os princípios das teorias não lineares (Morin, 1990), a sustentabilidade e a ética ecológica. A partir dessa visão, a dimensão ambiental (McHarg, 1969; Spirn, 1995; Hough, 2004) se estrutura em dois eixos de análise: o ambiente biótico e o urbano. No biótico, destacam-se os links ecológicos como mediadores das interconexões ecológicas em que a água é elemento fundamental a existência da vida. No urbano, os vínculos antropossociais são assinalados dos como estruturantes da dinâmica urbana e por meio da identidade cultural e urbanidade, em que o sentido de pertencimento e pertinência é fortalecido pela condição de conectividade e pela qualidade da imagem urbana estabelecidas na dimensão da teia urbana. O estudo da cidade de Uberlândia visa aplicar tais premissas teóricas na leitura ambiental e, ao mesmo tempo, auxiliar no processo de instrumentalização do processo projetual do projeto sustentável para a cidade.
Título em inglês
Sustainable design for the city - the case study of Uberlandia
Palavras-chave em inglês
Complexity
Conectivity
Cultural Identity
Ecological ethic
Environmental Design
Sustainable design
Resumo em inglês
This thesis deals with the conception of sustainable design for the city - the case study of Uberlândia, Minas Gerais. The hypothesis that arises is that the urban environmental design in sustainable design, beyond responding the basic needs of the city as live, move, work and leisure, promotes also the socio and cultural connection with nature, enabling the development of consciousness and the cultural identity. And, from the ecological world-view, has the watercourses as a key design, an element-key structuring the city design conception. This is an approach in which consist to centralize the urban environmental design in central urban space production. In summary, it is to highlight the sustainable design as a conductor of territorial conception and organization, contrasting the functional models, administrative and economics ones, which has been taken the urban environmental to intense process of degradation, fragmentation and un-sustainability. It has as philosophical premise the ecology dimension, which establishes the cornerstones to the thinking about cities organization. In this dimension there is the ecological world-view, the non linear theories (Morin, 1990), the sustainability and ecological ethic. From this vision, the environmental dimension (McHarg, 1969; Spirn, 1995; Hough, 2004) structures itself in two axes analysis: the biotic and urban environment. At biotic ambient, it highlights the ecological links as mediators of ecological interconnections in that the water is the fundamental element to existence of life. At urban ambient, the social and cultural ties are highlighted as structures of urban dynamic and through the culture identity and urbanity, in which the sense of belonging and relevance is strengthened by the connectivity condition and by the urban image established in the urban web dimension. The case study of Uberlandia city aims to apply such theoretical premises in reading the environmental panorama and, at the same time, to assist the instrumentalization of city sustainable design process.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-04-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.