• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.16.2007.tde-19052010-114309
Documento
Autor
Nome completo
Andrea Buchidid Loewen
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Agostino, Mario Henrique Simao D (Presidente)
Hansen, Joao Adolfo
Kossovitch, Leon
Migliaccio, Luciano
Toledo, Benedicto Lima de
Título em português
Lux pulchritudinis: sobre beleza e ornamento em Leon Battista Alberti
Palavras-chave em português
Estética (Artes)
Leon Battista Alberti
Renascimento
Teoria da arquitetura
Teoria da arte
Resumo em português
Inspirado em ares toscanos, inflamado por fontes antigas e cingido por ruínas romanas, Leon Battista Alberti compõe, em letras latinas, uma doutrina moderna do belo semeada nos tratados das Artes. Nela, a beleza esplende em pulchritudo e ornamentum: aquela, harmonia proporcional das partes de um corpo que não admite acréscimos ou subtrações ou alterações, é qualidade inerente; este, aderente à figura, é luz auxiliar e pulcro complemento. Evocando a Retórica de Cícero e Quintiliano, e avocando vêneras metáforas, orgânicas, a preceptiva albertiana, ao fundir noções de decorum e aptum e acomodar esteses e motivações éticas, supera a separação entre estrutura e ornamento, atenuando a idéia de uma beleza emersa tão-só de relação proporcional, a encerrar modernas oposições entre ornatus e utilitas.
Título em inglês
Lux pulchritudinis: on beauty and ornament in Leon Battista Alberti
Palavras-chave em inglês
Aesthetics (Arts)
Architectural theory
Art theory
Leon Battista Alberti
Resumo em inglês
Inspired in tuscan airs, inflamed by ancient sources and girded by Roman ruins, Leon Battista Alberti composes, in latin letters, a modern doctrine of beauty sowed upon the treatises on the Arts. In that, beauty glares in pulchritudo and ornamentum: the former, proportional harmony of the parts within a body that does not accepts additions or subtractions or alterations, is inherent quality; the latter, adherent to the figure, is auxiliary light and fair complement. Evoking the rhetoric of Cicero and Quintilian, and invoking comely, organic, metaphors, the albertian precepts, by fusing the notions of decorum and aptum and accommodating aesthethical principles and ethical motivations, surpasses the separation between structure and ornament, attenuating the idea of a beauty only emerged from proportional relation, ending modern oppositions between ornatus and utilitas.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
completo_n.pdf (72.68 Mbytes)
Data de Publicação
2010-05-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.