• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Marina Millani Oba
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Segawa, Hugo Massaki (Presidente)
Boas, Naylor Barbosa Vilas
Bruna, Paulo Julio Valentino
Pacheco, Paulo Cesar Braga
Zein, Ruth Verde
Título em português
Memórias de um território: ideais de arquitetura e cidade na construção da Esplanada de Santo Antônio
Palavras-chave em português
Arquitetura corporativa
Morro de Santo Antônio
Planejamento urbano
Rio de Janeiro
Resumo em português
Perspectivas ideais do ambiente construi?do sa?o recorrentes ao longo do pensamento arquiteto?nico. A maioria nunca saiu do papel. Algumas foram construi?das a partir do nada, em conjuntos, bairros e cidades completamente novos. Ha? casos, no entanto, em que planos idealizados intervieram em cidades existentes, mesclando-se no seu tecido, e continuaram se desenvolvendo de acordo com as demandas dessas estruturas vivas. Esse e? o caso dos planos desenvolvidos para o territo?rio do Morro de Santo Anto?nio, entre os se?culos XVIII e XX, que resultaram na construc?a?o da Esplanada e das sedes do BNDE e da Petrobras no Rio de Janeiro. As propostas de meados do se?culo XX apresentam a Esplanada como uma prefigurac?a?o de cidade moderna, nos mesmos moldes de Brasi?lia, que so? se consolidaria depois da validac?a?o da nova capital. Apo?s 1960, o vazio inventado para a construc?a?o do novo territo?rio passou a simbolizar a permane?ncia do poder na ex-capital, e a sua capacidade de representar na?o apenas o passado do pai?s, mas tambe?m o seu futuro. Esse desejo por transformac?a?o e vanguarda esta? materializado nas obras de constituic?a?o do vazio -- via?rias e topogra?ficas -- e tambe?m nos edifi?cios construi?dos que o ocuparam. O presente trabalho analisa o territo?rio em duas escalas: enquanto recorte urbano e enquanto aglomerado de edifi?cios. Trata dos planos, das obras e dos edifi?cios, incluindo os processos de concepc?a?o, evoluc?a?o e materializac?a?o. Os personagens e outros fatores relacionados a?s disciplinas de arquitetura e urbanismo constituem parte fundamental, mas na?o protagonista, da trama complexa de deciso?es que distorcem, modificam e interrompem a linearidade dos processos de desenvolvimento urbano. Os resultados edificados, portanto, na?o sa?o um relato unilateral daqueles que propuseram as intervenc?o?es em primeiro lugar, mas uma construc?a?o coletiva e multidisciplinar, que carrega uma se?rie de sobreposic?o?es e contradic?o?es ao longo da sua histo?ria.
Título em inglês
Memoirs of a territory: ideals of architecture and the city in the Santo Antônio Esplanade
Palavras-chave em inglês
Corporate architecture
Rio de Janeiro
Santo Antônio Hill
Urban planning
Resumo em inglês
Visions of the ideal city have been recurrent throughout the history of architecture thinking. Most of them were never built. Some of them came to life from scratch, in brand new ensembles, neighborhoods, and cities. However, there are other cases in which idealized plans intervened in existing cities, merging with its fabric, and kept evolving according to the demands of the living structures. This is the case of the plans developed to the Santo Anto?nio Hill territory, between 18th and 20th centuries, that resulted in the construction of the Esplanade and the BNDE and Petrobras headquarters in Rio de Janeiro. The mid-20th-century proposals present the Esplanade as a prefiguration of the modern city, following the same concepts of Brasilia, but would only be consolidated after the construction of the new capital. After 1960, the urban void created for the Esplanade started to represent the permanence of the power in the ex-capital, and its capacity of embodying not only the nation's past, but also its future. The drive for transformation and vanguardism is materialized in the site's modifications for consolidating the void -- roads and topography -- and also in the buildings that occupy the site. This research analyses this territory in both scales: as a part of the urban fabric and as an ensemble of buildings. Embracing the plans, the site work and its buildings, it also includes the processes of conception, evolution and materialization of the projects. The characters and other factors related to the disciplines of architecture and urbanism play a fundamental role, although not as protagonists, in this intricate plot of decisions that distort, modify, and interrupt the linearity of urban development processes. Therefore, the built results are not a unilateral account of those who proposed the interventions in the first place, but a collective and multidisciplinary construction, loaded with overlaps and contradictions throughout its history.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
TEMARINAOBA.pdf (67.73 Mbytes)
Data de Publicação
2019-09-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.